Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2018

INJUSTIÇA DOS HOMENS

“Porque do céu se manifesta a ira de Deus sobre toda a impiedade e injustiça dos homens, que detêm a verdade em injustiça.” (Romanos 1:18)

          As pessoas têm a tendência de imaginar a ira de Deus como algo fora do comum, algo nunca visto, associada com terremotos, maremotos, tempestades, vulcões e outras coisas, mas não param para buscar entendimento na Palavra de Deus, não ouvem o próprio Deus que explica tudo. Sabemos que acontecerá muita coisa, inclusive estrelas caindo, maremotos e tudo mais na volta do Senhor, no seu retorno, no dia D, mas isso não é a ira de Deus, mesmo porque o que acontecerá é algo planejado, que Ele disse que ocorrerá. Jesus deixou bem claro várias coisas que aconteceriam antes da sua vinda, tais como guerras e tudo mais. Em nenhum momento se referiu a esses acontecimentos como a ira de Deus, mas como as pessoas têm a tendência de acreditar em histórias hollywoodianas, acreditar em filmes, novelas, em contos de fadas, então levam a sério os vários contos…

FÉ NÃO FINGIDA

“Dou graças a Deus, a quem desde os meus antepassados sirvo com uma consciência pura, de que sem cessar faço memória de ti nas minhas orações noite e dia; desejando muito ver-te, lembrando-me das tuas lágrimas, para me encher de gozo; trazendo à memória a fé não fingida que em ti há, a qual habitou primeiro em tua avó Lóide, e em tua mãe Eunice, e estou certo de que também habita em ti.” (2 Timóteo 1:3-5)

Devemos sempre glorificar o Nome do Senhor (que é Santo para sempre Amém) por todos os motivos, porque, a bem da verdade, só temos motivos para glorificar, exaltar e agradecer por tudo. Mesmo que estejamos passando por algo que no momento nos cause sofrimento, dor, depois iremos entender que foi necessário aquilo acontecer para nosso bem. O apóstolo Paulo está glorificando a Deus pela vida do jovem pastor Timóteo. Esse jovem gostava de Paulo, tinha admiração por ele, e quando da sua partida, na despedida, chorou muito. Paulo glorificava a Deus por esse jovem, e de igual maneira devemo…

PERANTE OS SANTOS

“Ousa algum de vós, tendo algum negócio contra outro, ir a juízo perante os injustos, e não perante os santos?” (1 Coríntios 6:1)

          Atualmente vemos templos, denominações, pastores entrarem na justiça uns contra os outros. Eles se esmurram, lutam de maneira ferrenha em público; chega ao ponto de supostos pastores matarem ou tentarem matar outro, usarem arma de fogo para tentarem silenciar um outro. Brigam na justiça por causa de nome, de placa, de denominações, e um processa o outro. Querem recompensas, buscam lucros e ainda se dizem homens e mulheres de Deus. Na verdade, estão ofendendo o Senhor só de citarem o seu Nome (que é Santo para sempre Amém), pois, com certeza, não conhecem Deus. Pessoas entram na justiça para pleitearem direito trabalhista, porque os líderes não os ajudavam, não pagavam um salário justo, ou simplesmente são espertalhões que querem sempre levar vantagem. Todas as questões entre pessoas da mesma fé, que se dizem evangélicas, crentes, deveriam ser resol…

PERFEITO TABERNÁCULO

“Mas, vindo Cristo, o sumo sacerdote dos bens futuros, por um maior e mais perfeito tabernáculo, não feito por mãos, isto é, não desta criação, Nem por sangue de bodes e bezerros, mas por seu próprio sangue, entrou uma vez no santuário, havendo efetuado uma eterna redenção.” (Hebreus 9:11-12)

          Anteriormente, os sacerdotes tinham que constantemente sacrificar animais para aspergir, ou seja, jogar o seu sangue sobre o altar, na esperança de encobrir os pecados deles mesmos e também de todo o povo. Faziam isso não uma ou duas vezes, mas constantemente, pois o sangue de animais não tinha condições de tirar os pecados do povo, só servia para encobri-los. Jesus veio e não foi por um tabernáculo, ou seja, não foi através de um templo, de uma congregação construída pelas mãos dos homens, veio em seu próprio tabernáculo, em seu corpo, para que com seu sacrifício levasse de uma vez por todas o pecado. Jesus uma única vez derramou o seu precioso Sangue, derramou a sua Vida para nos dar v…

DESPERTAR COM EXORTAÇÃO

“Amados, escrevo-vos agora esta segunda carta, em ambas as quais desperto com exortação o vosso ânimo sincero; para que vos lembreis das palavras que primeiramente foram ditas pelos santos profetas, e do nosso mandamento, como apóstolos do Senhor e Salvador.” (2 Pedro 3:1-2)

          O apóstolo Pedro nesta carta faz questão de alertar os irmãos sobre a vinda, o retorno de Jesus Cristo, e inicia dizendo, ou melhor, lembrando o que os profetas falaram sobre a vinda do Messias. Centenas de anos antes de Jesus vir, eles haviam avisado de sua vinda, e assim foi, cumpriu-se a profecia, pois Jesus veio e passou por tudo e nos deu condições de sermos salvos Nele, e ainda nos deixou seus ensinamentos. Os apóstolos de Jesus Cristo ensinavam sobre santificação, sobre arrependimento, mostrando que Jesus está para voltar, as pregações deles sempre foram sobre salvação e não sobre outra coisa qualquer. Ao contrário, as igrejas modernas pregam sobre tudo e quase nunca sobre salvação, e isto tem cria…

OUSADIA

“Além disto, eu, Paulo, vos rogo, pela mansidão e benignidade de Cristo, eu que, na verdade, quando presente entre vós, sou humilde, mas ausente, ousado para convosco; rogo-vos, pois, que, quando estiver presente, não me veja obrigado a usar com confiança da ousadia que espero ter com alguns, que nos julgam, como se andássemos segundo a carne.” (2 Coríntios 10:1-2)

 Paulo, quando à distância escrevia cartas às igrejas, sempre era enérgico, conclamava a todos que permanecessem firmes no Evangelho, e quando tinha conhecimento de erros, desobediência, era muito severo e exigia mudanças, e até mesmo punição e expulsão da congregação. Mas, quando ia visitá-los, procurava ser sempre mais manso, isto porque os irmãos já ficavam com medo quando sabiam que ele estava chegando. Paulo procurava ser mais cauteloso para evitar desgaste e, principalmente, para não dar lugar aos faladores, que afirmavam que ele era briguento. Na verdade, ele sempre foi zeloso pela Palavra de Deus e não queria magoar …

A GRAÇA DE CRISTO

“Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à graça de Cristo para outro evangelho; O qual não é outro, mas há alguns que vos inquietam e querem transtornar o Evangelho de Cristo.” (Gálatas 1:6-7)

          O apóstolo Paulo estava assustado, abismado com a mudança das pessoas na igreja da Galácia, isto porque os que antes tinham se convertido ao Senhor estavam mudando, aceitando doutrinas estranhas. Nada anormal, nada diferente do que vemos hoje em nossos templos denominados evangélicos. São muitas as pessoas que buscam uma congregação, uma igreja denominacional com o objetivo de conhecer mais do Senhor, com vontade de viver a sua Palavra, mas, infelizmente, são poucos os templos que pregam, que ensinam a Verdade, que apresentam Jesus Cristo e o seu Evangelho, porque logo começam com as pregações e ensinos heréticos, levando as pessoas a uma religião, e não a Cristo, conduzindo a doutrinas de homens, mas não ao Evangelho de Jesus Cristo. As pessoas acabam se des…

PECADOS DA CARNE

“Digo, porém: Andai em Espírito, e não cumprireis a concupiscência da carne.” (Gálatas 5:16)

          Andar em Espírito é viver de acordo com a Palavra de Deus, de acordo com o Evangelho de Jesus Cristo. Devemos esclarecer isto porque muitas pessoas acham que devem orar, rezar o tempo todo, mas se esquecem de abandonar os erros, os pecados, e pensam, julgam que estão andando em Espírito. Andar em Espírito é não satisfazer a vontade desenfreada da carne (concupiscências), não viver de maneira emotiva, não ficar atendendo aos desejos do coração, porque ele é enganoso e conduz muitos para o inferno. Não podemos ser religiosos, não basta orar ou ir a templos, é necessário abandonar os erros, os pecados, resistir às tentações diárias que surgem, porque todos os dias há tentações, provocações, oferecimentos de prazer e alegria que o mundo, o diabo oferece, e muitas vezes, se não for a maioria, com a desculpa de que não tem nada de errado aceitar. Se andamos em Espírito, se seguimos Jesus, s…

A FÉ NÃO É DE TODOS

“No demais, irmãos, rogai por nós, para que a Palavra do Senhor tenha livre curso e seja glorificada, como também o é entre vós; e para que sejamos livres de homens dissolutos e maus; porque a fé não é de todos. Mas fiel é o Senhor, que vos confirmará, e guardará do maligno.” (2 Tessalonicenses 3:1-3)

          Sempre devemos pedir aos irmãos da mesma fé que orem por nós, para que tenhamos condições de cada vez mais levarmos a mensagem da cruz a toda parte. Precisamos de intercessores, nós, os que estamos na linha de frente levando a mensagem a todos, pois queremos que todos sejam salvos, mas, sabendo que não é possível a todos, queremos levar a Palavra do Senhor o mais longe possível. Queremos ver as pessoas viverem e praticarem o Evangelho de Jesus Cristo, queremos que o maior número possível de pessoas conheçam Jesus e o seu Evangelho e o pratiquem. Queremos ver as pessoas adorando o Senhor como devem e como os verdadeiros cristãos o adoram, que é em espírito e em verdade, e não com…

VOSSA FÉ

“Por isso, não podendo esperar mais, achamos por bem ficar sozinhos em Atenas; E enviamos Timóteo, nosso irmão, e ministro de Deus, e nosso cooperador no Evangelho de Cristo, para vos confortar e vos exortar acerca da vossa fé; Para que ninguém se comova por estas tribulações; porque vós mesmos sabeis que para isto fomos ordenados, Pois, estando ainda convosco, vos predizíamos que havíamos de ser afligidos, como sucedeu, e vós o sabeis.” (1 Tessalonicenses 3:1-4)

          Nós sabemos que o símbolo da nossa fé, do cristianismo, é a cruz, e sabemos que Jesus disse que, se quisermos segui-lo, deveremos pegar a nossa cruz. Vivemos uma geração que se diz cristã, mas é cheia de “mimimi”, porque não pode suportar nenhuma afronta, nenhum sofrimentozinho que já está chorando, lamentando e achando que é uma ação diabólica. Paulo envia Timóteo a Tessalônica para exortar a igreja sobre as perseguições e sofrimentos que eles estavam sofrendo, pois eles antes já tinham sido avisados de que as tribu…

NÃO AS TREVAS

“Falou-lhes, pois, Jesus outra vez, dizendo: Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida.” (João 8:12)

 Jesus pela segunda vez explica que Ele é a Luz do mundo, ou seja, o mundo só terá Luz se tiver Jesus, caso contrário são somente trevas. Mas devemos entender com clareza e profundidade o que é ser a Luz, pois muitos falam, citam essa Palavra, mas não param para pensar, para analisar a profundidade dessa fala do Senhor. Jesus está afirmando que o mundo sem Ele é escuridão, um breu total, e sem conhecimento, porque luz é conhecimento. Basta vermos que, quando entramos em um ambiente escuro, até acendermos a luz, não vemos nada e nada conhecemos. Saímos trombando, esbarrando em tudo, mas, quando a luz é acesa, então vemos tudo e podemos nos desviar dos obstáculos. Portanto, Jesus está afirmando que Ele é o conhecimento, e a única maneira de discernirmos tudo é estando com Ele e o seguindo. Só vemos com clareza, só temos conhecimento se seguirmos Jes…

TODOS OS SANTOS

“Paulo e Timóteo, servos de Jesus Cristo, a todos os santos em Cristo Jesus, que estão em Filipos, com os bispos e diáconos: Graça a vós, e paz da parte de Deus nosso Pai e da do Senhor Jesus Cristo. Dou graças ao meu Deus todas as vezes que me lembro de vós, Fazendo sempre com alegria oração por vós em todas as minhas súplicas, Pela vossa cooperação no Evangelho desde o primeiro dia até agora.” (Filipenses 1:1-5)

          O apóstolo Paulo juntamente com Timóteo escreve essa carta aos irmãos de Filipos, e como sempre inicia com a saudação cristã dando graças por eles. Essa carta é endereçada aos irmãos que trabalhavam na divulgação do Evangelho. Paulo afirma que sempre ora por eles por saber que estão lutando para ensinar o mesmo Evangelho que ele, o Evangelho de Jesus Cristo. Devemos aprender com Paulo e sempre orar, agradecer a Deus e clamar pelas vidas dos verdadeiros homens de Deus que pregam o Evangelho da Verdade, os que ensinam a Doutrina de Cristo. Não digo para orar por todos…

VIVENDO NA PRISÃO

“Por esta causa eu, Paulo, sou o prisioneiro de Jesus Cristo por vós, os gentios; se é que tendes ouvido a dispensação da graça de Deus, que para convosco me foi dada; Como me foi este mistério manifestado pela revelação, como antes um pouco vos escrevi; Por isso, quando ledes, podeis perceber a minha compreensão do mistério de Cristo.” (Efésios 3:1-4)

 O apóstolo Paulo se considerava um prisioneiro de Cristo para pregar para os gentios, isto é, ele sabia que tinha a obrigação de pregar, ensinar o Evangelho de Jesus Cristo aos gentios. Assim como os prisioneiros de uma instituição penal têm que cumprir todas as normas, determinações dadas pelos dirigentes da instituição, Paulo sabia que tinha que cumprir, obedecer a tudo o que o Senhor falava, e como o Senhor determinou que ele fosse pregar para os gentios, ele simplesmente lhe obedecia e sabia que não poderia agir de outra forma. Todos nós que dizemos conhecer Cristo deveríamos nos considerar prisioneiros Nele, ou seja, viver, fazer s…