EVANGELIZAR.

NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

sábado, 31 de outubro de 2015

PORTA DO CURRAL

"Na verdade, na verdade vos digo que aquele que não entra pela porta no curral das ovelhas, mas sobe por outra parte, é ladrão e salteador." (João 10:1)

 Jesus é o bom Pastor. Ele é quem realmente sabe cuidar de ovelhas. Jesus é o que veio para nos libertar, após nos transformarmos em prisioneiros do pecado através da nossa herança adâmica. O único que poderia nos guiar, conduzir para fora dessa prisão era e é Ele. Não existe nenhum santo, ou santa, não existe ninguém mais que pode ser o pastor para nos guiar em segurança. Jesus veio ao mundo de forma natural, nasceu de um ventre humano, como todos, para que pudesse vencer. Viveu como um homem comum, porque o que Ele viveu Ele venceu. O diabo foi atirado para baixo, e todos os restos que vieram antes de Jesus dizendo ser alguma coisa resultaram em serem nada, porque tinham outros interesses. Somente Jesus é o Pastor que sabe cuidar das suas ovelhas, e sabemos que pastor cuida de ovelhas somente. "Aquele, porém, que entra pela porta é o pastor das ovelhas. A este o porteiro abre, e as ovelhas ouvem a sua voz, e chama pelo nome às suas ovelhas, e as traz para fora." (João 10:2-3). Através do nascimento natural Jesus conquistou o direito de ser o único pastor, porque, sendo Deus, destituiu-se do seu Poder, da sua Glória, e veio ao mundo como um ser humano qualquer e de origem simples para vencer. Viveu como ovelha, no meio das ovelhas, sendo atacado o tempo todo pelos lobos ferozes, mas resistiu e venceu. Portanto, as ovelhas o reconhecem, ouvem a sua voz e o seguem, mas somente as ovelhas, pois bodes, lobos e outros animais não o seguem. Todos os que lhe são desobedientes, que não o seguem, os arredios não são ovelhas do seu rebanho. Mas, como pastor, Ele conhece as suas ovelhas todas pelo nome, assim como elas também o conhecem e ouvem, atendem a sua voz. "E, quando tira para fora as suas ovelhas, vai adiante delas, e as ovelhas o seguem, porque conhecem a sua voz." (João 10:4). As ovelhas seguem o pastor e saem da escuridão, saem dos pecados, saem do caminho que conduz à morte. As ovelhas podem estar perdidas, mas, ao ouvirem a voz do Pastor, se alegram e vão ao seu encontro. Mas os outros animais não ouvem e permanecem na perdição até a morte. Estávamos perdidos e ouvimos a voz do pastor, e o estamos seguindo, assim como todas as ovelhas.
 "Mas de modo nenhum seguirão o estranho, antes fugirão dele, porque não conhecem a voz dos estranhos." (João 10:50). As ovelhas não seguem o lobo, porque sabem quem é o Bom Pastor. Mas fazemos questão de esclarecer quem são as ovelhas, porque muitos confundem os lobos disfarçados com ovelhas. Ovelhas do Senhor são todos os que se desviam do erro, dos pecados, os que procuram obedecer aos seus preceitos e ordenanças. Ovelhas são os que temem o Senhor e sabem que sem o Pastor morrerão. Muitos podem ter vivido nas trevas, ficarem perdidos a maior parte da vida, mas um dia ouviram a voz do Pastor e nunca mais deixaram de segui-lo. Já os lobos estão em erros, em desobediências e querem continuar assim, permanecer nos erros. São pessoas que acham que têm condições de buscar alimento por si mesmas e que não necessitam do Pastor. Ou os que dizem que o ouvem e nele confiam, mas são mentirosos e enganadores, fingem ser, mas não são ovelhas, porque não obedecem. "Jesus disse-lhes esta parábola; mas eles não entenderam o que era que lhes dizia." (João 10:6). Jesus explicou e mostrou de forma clara que Ele era o Messias, o Pastor, o libertador, o Salvador, mas mesmo assim eles não entenderam. Assim são muitos os que se dizem ovelhas, que ouvem a voz do Pastor, mas não a entendem, leem a Bíblia, mas não a colocam em prática. Dizem ser ovelhas, mas não conseguem reconhecer a voz do Pastor, porque ainda vivem praticando a vontade da carne. Procuram justificar seus atos através daquilo que aprenderam de homens carnais iguais a elas. "Tornou, pois, Jesus a dizer-lhes: Em verdade, em verdade vos digo que eu sou a porta das ovelhas." (João 10:7). Jesus agora fala de maneira clara, mostrando que Ele é o Caminho, a Porta, Ele é o Condutor de ovelhas. Só existe um Caminho que nos leva à vida, à Salvação, e esse é Jesus, porque qualquer outro, por mais interessante que possa parecer, só conduz à morte. Todos os que estão oferecendo qualquer coisa, prometendo, não podem cumprir, nem entregar o que prometeram, porque só o Senhor tem vida Nele mesmo. As pessoas tentam buscar guias, exemplos em coisas ou pessoas, mas se esquecem de que têm o maior guia, exemplo, que é Jesus Cristo. Para sair das trevas, da perdição, para ir para a vida, é necessário entrar pela Porta, passar pelo Caminho que é Jesus. Não existe outra maneira, só há Salvação no Senhor, porque só há um Pastor.
 "Todos quantos vieram antes de mim são ladrões e salteadores; mas as ovelhas não os ouviram." (João 10:8).Muitos têm se levantado pelo mundo ao longo dos séculos dizendo ser alguma coisa, mas não passam de discípulos de satanás, porque só existe um Pastor, e esses têm os seus seguidores que não falam por si mesmos, mas falam do Senhor. Eles apresentam o Pastor, ensinam o Caminho e não falam de si mesmos e nem de outra coisa. O diabo e seus asseclas foram atirados, jogados e não nasceram, não passaram por um nascimento, nunca viveram de forma carnal, não passaram por experiências. Jesus venceu na própria carne para ser o representante de todos, dos que são ovelhas. "Eu sou a Porta; se alguém entrar por mim, salvar-se-á, e entrará, e sairá, e achará pastagens." (João 10:9). Jesus é a única Porta que conduz à vida, à salvação, e todos os que passam por ela desfrutam das abundâncias da vida futura. Os que entram por ela e saem encontram alimento e refrigério, encontram paz, alegria e vida. Já os que entram por outra parte, os filhos das desobediências, os que seguem qualquer coisa encontram tristeza, dor, sofrimento e morte. Só andando no Caminho é que se encontram alimento e pastagens, encontra-se o refrigério."O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância." (João 10:10). O ladrão, aquele que foi atirado lá de cima, é desobediente e soberbo por natureza, e todos os que praticam os seus atos são seus servos, e não são ovelhas. E esse anjo caído tem como função matar, roubar e destruir tudo e todos os seus servos. Por ser mestre e fundador da arte do engano, conduz os seus à morte através de mentiras. Muitos são os que padecem, mas por sua arrogância não percebem que estão sendo enganados, e o diabo está matando a saúde dessas pessoas, a vida familiar, e principalmente a espiritual, e, quando morrerem, enfrentarão ainda a pior das mortes. O diabo rouba a paz, a alegria, rouba o futuro e, consequentemente, a vida dos seus servos. O satanás destrói planos, destrói vida, e tudo mais, dos que não são ovelhas do Bom Pastor, dos que não ouvem a voz do Senhor, porque os que são ovelhas do Bom Pastor têm a sua proteção, e o diabo não lhes toca. "Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas." (João 10:11). Jesus é o Pastor e deu a sua vida por suas ovelhas, Ele não permite que o diabo mexa com o seu rebanho. Mas os que não o seguem estão à disposição do mercenário,mentiroso, enganador, acusador, que veio para matar, roubar e destruir. Só existe proteção, segurança, em Jesus, porque Ele já deu a sua vida por cada um de nós. "Mas o mercenário, e o que não é pastor, de quem não são as ovelhas, vê vir o lobo, e deixa as ovelhas, e foge; e o lobo as arrebata e dispersa as ovelhas. Ora, o mercenário foge, porque é mercenário, e não tem cuidado das ovelhas. Eu sou o bom Pastor, e conheço as minhas ovelhas, e das minhas sou conhecido. Assim como o Pai me conhece a mim, também eu conheço o Pai, e dou a minha vida pelas ovelhas." (João 10:12-15).
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino
 Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

sexta-feira, 30 de outubro de 2015

OUTRA DOUTRINA

"Se alguém ensina alguma outra doutrina, e se não conforma com as sãs palavras de nosso Senhor Jesus Cristo, e com a doutrina que é segundo a piedade." (1 Timóteo 6:3)

 Vemos que esse ensinamento é ignorado por muitos, porque, a bem da verdade, vivemos em uma época em que se criaram vários evangelhos, e todos os dias surgem novos. Um dos mais difundidos é a famigerada teologia da prosperidade, apesar de não ter nenhum fundamento bíblico. Mas ela é procurada por muitos, e são os que buscam um templo, uma igreja com o propósito de se enriquecerem, e o que conseguem é enriquecer mais uma igreja denominacional, enriquecer pastores, pregadores profissionais. Esses pregadores, apesar de falarem, ou melhor, citarem o Nome de Jesus, eles não concordam com a doutrina do Senhor, que é segundo a piedade, segundo o amor. Muitos citam o Nome do Senhor, mas discordam frontalmente da sua doutrina, e, portanto, criam e implantam as suas doutrinas e teologias estranhas ao Evangelho. Todos esses acham que sabem muito e que tudo podem. "É soberbo, e nada sabe, mas delira acerca de questões e contendas de palavras, das quais nascem invejas, porfias, blasfêmias, ruins suspeitas." (1 Timóteo 6;4). Mas esses que se firmam em entendimento e lógicas humanas são pessoas que estão comprometidas com o mundo, porque apressam em tentar se justificar, apresentar estudos sobre o que querem fazer ser verdade. Pessoas que se fundamentam em coisas materiais perecíveis, fazendo crer que o Senhor veio e morreu na cruz para dar conforto e luxo. Tentam fazer crer em uma troca, uma negociação com o Senhor como uma pirâmide: quanto mais dar mais receber. Muitos acreditam nisso porque não conhecem o Senhor, e, por serem pessoas carnais, buscam o que supostamente é aparente. São os que participam de campanhas, que se apressam em apanhar os envelopes para colocarem valores. "Perversas contendas de homens corruptos de entendimento, e privados da verdade, cuidando que a piedade seja causa de ganho; aparta-te dos tais." (1 Timóteo 6:5). Julgam-se conhecedores da verdade, firmam-se em um versículo fora de contexto e querem fazer crer que é uma ordenança do Senhor. Discutem e geralmente conseguem a aprovação da maioria exatamente por falarem e defenderem o que as pessoas querem ouvir.
 "Mas é grande ganho a piedade com contentamento.
Porque nada trouxemos para este mundo, e manifesto é que nada podemos levar dele." (1 Timóteo 6:6-7).
 Devemos ter consciência de que aqui é somente o caminho, a estrada que devemos percorrer antes de irmos para a nossa casa. Assim como viemos, também vamos partir, e a única coisa que devemos deixar aqui, que é válida, é o amor com que amamos, a nossa maneira e exemplo de seguir o Senhor. Não adianta buscarmos riquezas aqui porque não as levaremos conosco, e sabemos que as riquezas servem para nos afastar dos caminhos do Senhor. A nossa alegria deve ser em estar vivendo segundo os preceitos do Senhor, em nos alegrar em sua presença. Ter prazer em louvá-lo, em Lhe obedecer, em amar o próximo, mas amor legítimo, verdadeiro, não esse sentimento humano que dizem ser amor, mas é conivente com o pecado, é tolerante com o erro. "Tendo, porém, sustento, e com que nos cobrirmos, estejamos com isso contentes."(1 Timóteo 6:8). Aqui não é uma colônia de férias, mas a estrada que nos conduzirá à salvação ou perdição eterna. Portanto, tendo o que comer, estando vestidos, então que deem glórias a Deus, agradeçam-Lhe, porque Ele tem cuidado de nós. Preocupamo-nos com o futuro imediato, ou seja, com dias que virão nem mesmo sabendo se chegaremos a eles, porque podemos falecer a qualquer momento. Mas não nos preocupamos com o nosso futuro verdadeiro, que é certo, porque temos uma vida para ser vivida por toda a eternidade, e como viveremos é decidido conforme estamos vivendo agora, quais estão sendo as nossas prioridades, porque, se não estivermos com o Senhor, iremos para o sofrimento e dor. Mas mesmo aqui, quando confiamos no Senhor e vivemos de acordo com a sua Palavra, o seu Maná não nos falta, e sempre estaremos alimentados e vestidos. "Mas os que querem ser ricos caem em tentação, e em laço, e em muitas concupiscências loucas e nocivas, que submergem os homens na perdição e ruína." (1 Timóteo 6:9). Mas os que querem se enriquecer, os que acham que devem ter sempre mais, que têm direito ao melhor, esses com certeza sofrem e também sofrerão por toda a eternidade. Os ensinos mentirosos, os pregadores de engano que conduzem muitos à morte espiritual, os que ensinam barganhar com o Senhor, esses prestarão contas, porque Cristo foi crucificado e se entregou na Cruz do Calvário para nos dar salvação e não para que tenham dinheiro ou boa vida aqui.
 "Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores." (1 Timóteo 6:10). Amor ao dinheiro é a raiz de todos os males, e sabemos que, para alguém conseguir juntar, guardar, economizar, é necessário amar o dinheiro. Por esse motivo é que os avarentos são também idólatras, porque só é rico quem idolatra o dinheiro, e quem idolatra alguma coisa já está no pecado, que é pior do que feitiçaria. Conhecemos muitas pessoas que começaram bem buscando o Senhor, mas, ao longo do caminho, deixaram se corromper e se afastaram totalmente do Caminho da Verdade e hoje jazem em seus pecados. Jesus em todos os seus ensinamentos deixou explícito que não existe compatibilidade entre Reino de Deus e riquezas. Todos os que andam buscando riquezas estão procurando o caminho inverso, estão se afastando do Senhor. Todos os pregadores assim como os ensinamentos que afirmam que Deus dará riquezas a homens aqui são contrários à Bíblia."Mas tu, ó homem de Deus, foge destas coisas, e segue a justiça, a piedade, a fé, o amor, a paciência, a mansidão." (1 Timóteo 6:11). Devemos buscar cada vez mais viver segundo a doutrina do Senhor Jesus Cristo; temos que fugir desses ensinos heréticos, dessas mentiras deste século. Somos pessoas que devemos estar comprometidas com o Reino de Deus, e não com o reino do mundo. O nosso amor, nossa prioridade tem que ser com o Senhor, e não podemos pecar duplamente usando o seu Nome para nos enriquecer, para defraudar, ou extorquir. Temos que saber que o lugar que escolhemos para nos reunir, para adorar e exaltar o Nome do Senhor, para conhecer e aprender mais da sua Palavra, tem que ser um lugar santo. E, portanto, não pode haver qualquer espécie de comércio de negociações, porque o Senhor proibiu e expulsou os que queriam agir ao contrário. "Milita a boa milícia da fé, toma posse da vida eterna, para a qual também foste chamado, tendo já feito boa confissão diante de muitas testemunhas. Mando-te diante de Deus, que todas as coisas vivificam, e de Cristo Jesus, que diante de Pôncio Pilatos deu o testemunho de boa confissão, Que guardes este mandamento sem mácula e repreensão, até à aparição de nosso Senhor Jesus Cristo; A qual a seu tempo mostrará o bem-aventurado, e único poderoso Senhor, Rei dos reis e Senhor dos senhores; Aquele que tem, Ele só, a imortalidade, e habita na luz inacessível; a quem nenhum dos homens viu nem pode ver, ao qual seja honra e poder sempiterno. Amém. Manda aos ricos deste mundo que não sejam altivos, nem ponham a esperança na incerteza das riquezas, mas em Deus, que abundantemente nos dá todas as coisas para delas gozarmos; Que façam bem, enriqueçam em boas obras, repartam de boa mente, e sejam comunicáveis; Que entesourem para si mesmos um bom fundamento para o futuro, para que possam se apoderar da vida eterna. Ó Timóteo, guarda o depósito que te foi confiado, tendo horror aos clamores vãos e profanos e às oposições da falsamente chamada ciência, A qual professando-a alguns, se desviaram da fé. A graça seja contigo. Amém. "(Timóteo 6:12-21).
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr.Henrique Lino
 Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

CASAR OU NÃO CASAR

"Ora, quanto às virgens, não tenho mandamento do Senhor; dou, porém, o meu parecer, como quem tem alcançado misericórdia do Senhor para ser fiel." (1 Coríntios 7:25)

 Nós, muitas vezes, criamos leis próprias e queremos transformá-las em preceitos do Senhor, e isto de várias maneiras, uma dessas questões é sobre o casamento. Existe uma tradição de criar filhos para casar, incutem desde cedo nas mentes das crianças que devem crescer e casar, para serem felizes. Há templos, denominações, que exigem que as pessoas se casem para poderem exercer alguma função; e, principalmente, para ser pastor, casamento é uma determinação em algumas denominações. As pessoas fazem julgamentos quando deparam com uma pessoa mais madurinha, com seus cinquenta, sessenta anos e que nunca se casou. Mas, a bem da verdade, não existe determinação do Senhor sobre o casar-se; mesmo porque a sua Palavra foi: é bom que o homem não esteja só. Não uma ordem, uma sugestão somente. Como Paulo fala, se a pessoa consegue viver em paz, não fica constantemente abrasado, não fica o tempo todo pensando no sexo oposto, se esse assunto é algo que não ocupa sua mente, se quiser, pode e deve ficar sem casar. Mesmo porque o casamento traz muitas responsabilidades, e depois de se casar é até que a morte os separe. Tanto o homem quando a mulher não têm o dever, a obrigação de se casar, porque, se conseguirem viver assim nessa condição, com certeza, terão condições de se dedicarem mais à obra de Deus, e terão menos problemas. "Tenho, pois, por bom, por causa da instante necessidade, que é bom para o homem o estar assim." (1 Coríntios 7:26). Na verdade, se a pessoa consegue viver bem sem preocupações ou desejos sexuais, com certeza é a melhor escolha. O que não pode é não casar e viver em fornicação, prostituição, porque com total certeza irá padecer eternamente. O fato, a verdade é que, se a pessoa consegue viver bem sem se casar, faz muito bem, porque evita muitos problemas. Os que decidirem casar devem ter a consciência de que esse ato é irrevogável, que, após casarem, têm de assumir uma outra pessoa até que a morte os separe. Ao se casar, assumem-se responsabilidades com a outra pessoa, que passa a ser carne da sua carne, sangue do seu sangue. Assim, não é opção, mas mandamento cuidar, proteger e entender o seu cônjuge, não obedecendo, está-se desobedecendo ao Senhor, e por tal pagará um alto preço, e às vezes por toda a eternidade.
 "Estás ligado à mulher? não busques separar-te. Estás livre de mulher? não busques mulher." (1 Coríntios 7:27).Se está solteiro(a) e está vivendo bem, não procure se casar, mas busque a presença do Senhor, dedique-se a servi-Lo. Não existe a obrigatoriedade de se casar, não existe mandamento que obrigue os pais a criarem filhos para se casar. Mas, se está casado, não se separe, não existe divórcio para Deus, e não se pode tentar fazer uso de versículos da antiga lei de Moisés, não se pode tentar emendar uma veste nova com pano velho. Não existe permissão do Senhor para o divórcio, nem mesmo em caso de adultério, pois Jesus mostrou que isso foi algo que a antiga lei citava. Por isso é que se deve pensar muito antes de casar, porque é para sempre, e o casamento pode levar à morte eterna se não for praticado segundo o Evangelho."Mas, se te casares, não pecas; e, se a virgem se casar, não peca. Todavia os tais terão tribulações na carne, e eu quereria poupar-vos." (1 Coríntios 7:28). Quando se casam, não cometem pecados, mas, com certeza, terão atribulações, problemas. Devemos entender que casamento é composto de dois seres imperfeitos tentando fazer uma relação perfeita. Casamento é um enxerto entre duas pessoas, e, como somos imperfeitos, quando casamos, assumimos as imperfeições do outro. Em todos os casamentos existem reclamações, queixas, discussões, chateações, que devem ser aceitas, compreendidas. Assim, se se consegue viver sem o sexo, que é um direito exclusivo dos casados, que não se casem. "Isto, porém, vos digo, irmãos, que o tempo se abrevia; o que resta é que também os que têm mulheres sejam como se não as tivessem; E os que choram, como se não chorassem; e os que folgam, como se não folgassem; e os que compram, como se não possuíssem; E os que usam deste mundo, como se dele não abusassem, porque a aparência deste mundo passa."(1 Coríntios 7:29-31). O fato é que o tempo está acabando, Jesus está voltando, e, portanto, não podemos desperdiçar o nosso tempo buscando prazeres deste mundo. Não podemos ficar buscando realizações aqui, mas procurar sempre agradar o Senhor, aproximarmo-nos mais e mais Dele. Os prazeres do mundo, as realizações mundanas todas terão fim aqui. Portanto, sejam espirituais, sejamos homens e mulheres comprometidos com a Palavra de Deus e não com atos e ações provenientes de emoções terrenas.
 "E bem quisera eu que estivésseis sem cuidado. O solteiro cuida das coisas do Senhor, em como há de agradar ao Senhor;Mas o que é casado cuida das coisas do mundo, em como há de agradar à mulher." (1 Coríntios 7:32-33).Todos os que são casados têm responsabilidades com os seus cônjuges e têm que as cumprir, não podem negligenciá-las, pois estariam indo contra a Palavra de Deus. Assim não se pode dedicar por inteiro a servir ao Senhor, porque há a obrigação de cuidar e dar atenção à família. Os casados têm responsabilidades com maridos, esposas, filhos e com tudo o que advém daí. Já os solteiros podem se dedicar em tempo integral a servir o Senhor, pois a prioridade sempre será o Senhor. Assim, na verdade, os solteiros têm maior compromisso com o Senhor do que os casados, que têm que dividir o seu tempo entre a família e o Senhor. "Há diferença entre a mulher casada e a virgem. A solteira cuida das coisas do Senhor para ser santa, tanto no corpo como no espírito; porém, a casada cuida das coisas do mundo, em como há de agradar ao marido." (1 Coríntios 7:34). Todas as mulheres casadas têm a obrigação de obedecerem aos seus maridos, agradar-lhes, e assim na maioria das vezes entra em confronto servir a Deus e os maridos. Jamais a esposa pode deixar de atender ou cuidar do seu marido, pois estará pecando. Mas a solteira tem a disponibilidade de cuidar em tempo integral das coisas concernentes ao Reino de Deus. São muitas as responsabilidades das mulheres casadas, mas com as coisas do casal, do mundo."E digo isto para proveito vosso; não para vos enlaçar, mas para o que é decente e conveniente, para vos unirdes ao Senhor sem distração alguma." (1 Coríntios 7:35). Essa Palavra não é para os distrair, mas para expor a verdade e os afastar do engano. Também não é para os afastar do matrimônio, mas para entender as consequências, porque muitos se casam sem realmente entender com profundidade as suas responsabilidades. O melhor é que todos estejam sempre em tempo integral buscando o Senhor, fortalecendo-se Nele. "Mas, se alguém julga que trata indignamente a sua virgem, se tiver passado a flor da idade, e se for necessário, que faça o tal o que quiser; não peca; casem-se. Todavia o que está firme em seu coração, não tendo necessidade, mas com poder sobre a sua própria vontade, se resolveu no seu coração guardar a sua virgem, faz bem." (1 Coríntios 7:36-37). Assim, os pais não têm que ficar preocupados com os filhos por não quererem se casar, não devem tentar obrigá-los a isso. Jesus deixou bem claro que nem todos nasceram para se casar, portanto devemos analisar e escolher bem o que queremos. Jamais exigir que os nossos filhos se casem, mas que vivam de acordo com a Palavra de Deus. "De sorte que, o que a dá em casamento faz bem; mas o que não a dá em casamento faz melhor. A mulher casada está ligada pela lei todo o tempo que o seu marido vive; mas, se falecer o seu marido fica livre para casar com quem quiser, contanto que seja no Senhor. Será, porém, mais bem-aventurada se ficar assim, segundo o meu parecer, e também eu cuido que tenho o Espírito de Deus." (1 Coríntios 7:38-40). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino
 Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

SOBRE CONVERSÃO

"Homens, irmãos e pais, ouvi agora a minha defesa perante vós (E, quando ouviram falar-lhes em língua hebraica, maior silêncio guardaram). E disse:" (Atos 22:1-2)

 Temos muito o que aprender sobre a conversão, no relato dessa conversão genuína de Saulo. O próprio, agora não mais Saulo de Tarso, mas Paulo, apresenta sua defesa, em forma de testemunho do seu chamado, da sua conversão. A conversão é a mudança de direção, que foi o que aconteceu com este que veio a ser um dos maiores servos do Senhor, um dos que mais fundaram igrejas. Quando nos convertemos por inteiro, não temos medo de falar do nosso passado, porque nada temos a esconder, e serve exatamente para mostrar o amor e Poder de Deus. Amor porque éramos perdidos, escarnecedores, e o Senhor nos chamou e nos aceitou, e o seu Poder porque foi por Ele que fomos transformados. "Quanto a mim, sou judeu, nascido em Tarso da Cilícia, e nesta cidade criado aos pés de Gamaliel, instruído conforme a verdade da lei de nossos pais, zelador de Deus, como todos vós hoje sois."(Atos 22:3). Assim como Paulo, a maioria de nós tivemos nossas origens em religiões ou seitas que nada tinham com a Verdade do Senhor. Por muito tempo nos orgulhávamos do procedimento que nos foi passado pelos nossos pais, adorávamos quaisquer coisas e achávamos que estávamos agradando ao Senhor. E muitos de nós fomos perseguidores dos crentes, falávamos mal, perseguíamos, escarnecíamos, os julgávamos fanáticos, doidos, pessoas que tinham sido submetidos à lavagem cerebral, alienados. Perseguíamos o próprio Jesus, e isso fazíamos por não termos conhecimento da verdade. "E persegui este caminho até à morte, prendendo, e pondo em prisões, tanto homens como mulheres, Como também o sumo sacerdote me é testemunha, e todo o conselho dos anciãos. E, recebendo destes cartas para os irmãos, fui a Damasco, para trazer maniatados para Jerusalém aqueles que ali estivessem, a fim de que fossem castigados."(Atos 22:4-5). Antes perseguíamos, e com apoio muitas vezes dos nossos pais e amigos, julgávamos os crentes pessoas inferiores, mas, por não termos conhecimento, não sabíamos que inferiores éramos nós, que não conhecíamos a Verdade da Salvação. Ríamos da maneira de eles se vestirem, por carregarem bíblias, e irem a igrejas, enquanto íamos nos divertir.
 "Ora, aconteceu que, indo eu já de caminho, e chegando perto de Damasco, quase ao meio-dia, de repente me rodeou uma grande luz do céu." (Atos 22:6). Saulo era um dos maiores perseguidores, e, quando ele se dirigiu para Damasco, foi com autorização para prender todos os crentes que encontrasse e os trazer presos a Jerusalém. Saulo tinha consentido e apoiado a morte de Estevão, que foi o primeiro mártir após a morte e ressurreição do Senhor. Mas o Senhor Jesus se apresentou a Saulo e o chamou, essa foi a última aparição do Senhor após a ressurreição e antes de subir ao céu, por tal motivo Paulo é o último dos apóstolos, uma vez que apóstolos são somente os que viram o Senhor. Todos os outros que se dizem apóstolos são somente pessoas que se fazem passar por isso. Podemos estar no erro, o Senhor nos chama, mas é necessário ouvir e aceitar o chamado com integridade de coração. "E caí por terra, e ouvi uma voz que me dizia: Saulo, Saulo, por que me persegues? E eu respondi: Quem és, Senhor? E disse-me: Eu sou Jesus Nazareno, a quem tu persegues." (Atos 22:7-8). Jesus chegou diante de Saulo questionando por que ele O perseguia, mas também vemos esse jovem querendo saber quem Ele era. Jesus vive em nós, e, assim, todas as vezes em que perseguimos, maltratamos, rimos de um crente verdadeiro, estamos fazendo isso contra o próprio Senhor Jesus. Jesus sempre aparece para nós e nos joga por terra e se identifica, e questiona o porquê de o perseguirmos, mas, quando nós resistimos, então padecemos, se não morrermos logo em seguida. Mas ser jogado no chão acontece através de uma enfermidade, uma dívida, separação, divórcio, filhos com problemas, e outras situações que nos deixam prostrados. "E os que estavam comigo viram, em verdade, a luz, e se atemorizaram muito, mas não ouviram a voz daquele que falava comigo." (Atos 22:9). Saulo estava acompanhado, mas o Senhor falou somente com ele, porque Jesus nos fala de forma individual. Podemos estar em nossa casa, juntos com parentes ou amigos e todos juntos, e somente conosco o Senhor nos falar, dar uma ordem. Estamos cercados de pessoas, e somente nós ouvimos e sabemos o que devemos fazer, mas, quando somos desobedientes, carnais, não obedecemos, por tal ficamos prostrados para sempre, ou seja, jamais nos levantaremos. Assim devemos estar atentos, porque, quando o Senhor nos fala, é de forma clara, e sabemos o que devemos fazer.
 "Então disse eu: Senhor, que farei? E o Senhor disse-me: Levanta-te, e vai a Damasco, e ali se te dirá tudo o que te é ordenado fazer." (Atos 22:10). O Senhor nos manda buscar uma igreja, um templo, nos manda ler a Bíblia, nos manda ouvir uma pregação, para sabermos o que devemos fazer. Mas, por conhecer a nossa natureza carnal, nosso caráter desobediente, além de nos jogar no chão, muitas vezes nos deixa cegos. Para não vermos nada, saber que não existe solução nenhuma fora Dele, nos deixa cegos para não vermos os atrativos do mundo. O Senhor nos manda ir ouvi-lo porque dirá o que devemos fazer. "E, como eu não via, por causa do esplendor daquela luz, fui levado pela mão dos que estavam comigo, e cheguei a Damasco." (Atos 22:11). Somos guiados pelas mãos, somos conduzidos à presença Dele, ao seu Evangelho. Isso é feito através de pessoas que nos convidam, nos chamam para um templo, uma igreja, para assistirmos a um culto, e assim termos a oportunidade de aceitarmos o Senhor como nosso Salvador. Uma pregação que ouvimos, assistimos no rádio, televisão, e arde o nosso coração de vontade de irmos a um templo. Ou quando lemos em algum panfleto algum escrito, ou mesmo quando nos deparamos com a Bíblia e pela primeira vez conseguimos entender o que está escrito nela. O fato é que no início somos guiados pelas mãos para fazermos o que é certo, para nos convertermos ao Senhor. "E um certo Ananias, homem piedoso conforme a lei, que tinha bom testemunho de todos os judeus que ali moravam, Vindo ter comigo, e apresentando-se, disse-me: Saulo, irmão, recobra a vista. E naquela mesma hora o vi."(Atos 22:12-13). Quando ouvimos o Senhor e Lhe obedecemos, atendemos o seu chamado, então o milagre acontece, a nossa visão se abre e tudo vemos e discernimos. Assim também o mau, a situação desesperadora que tanto nos afligia no momento é mudada, é transformada, e esse milagre acontece porque o Senhor nos dá um voto de confiança. Mas muitas pessoas traem esse voto, pois recebem o milagre e logo depois viram as costas para o Senhor, O abandonam, e por isso vivem em sofrimento para sempre. Mas a Palavra do Senhor se cumpre, recebemos o milagre, a visão, mas, quando O desvalorizamos, escarnecemos Dele, pagamos um alto preço. "E ele disse: O Deus de nossos pais de antemão te designou para que conheças a sua vontade, e vejas aquele Justo e ouças a voz da sua boca. Porque hás de ser sua testemunha para com todos os homens do que tens visto e ouvido." (Atos 22:14-15). Fomos designados pelo Senhor para viver o Evangelho, para sermos testemunhas das suas maravilhas, do seu amor. Fomos escolhidos, e a rejeição da nossa parte resulta em sofrimento, dor, morte, e o pior: a morte eterna. Portanto, quando somos chamados, devemos ir alegres, sabendo que o Senhor é quem nos chama pelo nome. Podemos passar por lutas, mas não mais passaremos sozinhos. "E agora por que te deténs? Levanta-te, e batiza-te, e lava os teus pecados, invocando o Nome do Senhor." (Atos 22:16). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino 
 Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

terça-feira, 27 de outubro de 2015

MINISTROS DE CRISTO

"Que os homens nos considerem como ministros de Cristo, e despenseiros dos mistérios de Deus." (1 Coríntios 4;1)

 Para sermos alguma coisa, é necessário sermos servos do Senhor, e que as pessoas vejam isto e saibam que realmente guardamos a Palavra de Deus. Devemos ser vistos e identificados como verdadeiros homens de Deus, as pessoas têm que confiar em nós sabendo que somos justos, honrados, honestos e que não temos opinião própria, mas que falamos das coisas do Reino. Devemos ser exemplo, referência; as pessoas devem nos procurar sempre em busca de conselhos, orientações da parte do Senhor. Não é por falarmos que somos do Senhor, mas vivermos como servos, como despenseiros dos mistérios de Deus. Não é possível que alguém somente nos identifique como servos do Senhor por irmos a um templo qualquer, mas que sejamos templos do Senhor. Quando as pessoas se dirigirem a nós, saberão que estão falando com quem fala a linguagem do Reino de Deus. Não temos por que nos ensoberbar, nos vangloriar como homens de Deus, pois, quando fazemos isso, já não somos servos, uma vez que soberba e orgulho são pecados. Temos que simplesmente praticar o Evangelho e deixar que todos vejam Cristo em Nós. "Além disso requer-se dos despenseiros que cada um se ache fiel."(1 Coríntios 4:2). Sendo servos do Senhor, despenseiros dos mistérios de Deus, temos que ser fiéis em tudo, caso contrário, seremos indignos de sermos chamados filhos de Deus. Não podemos nos apressar a nos exaltar como filhos, servos do Senhor, se não temos um coração totalmente convertido, transformado, voltado para Ele. Os despenseiros do Senhor, os servos vivem de acordo com o Evangelho, se espelham em Jesus e em nada mais. Os despenseiros do Senhor não buscam aprovação de ninguém, a não ser do Mestre, pois trilham o mesmo caminho. Os discípulos, servos, filhos, despenseiros têm que ser fiéis em tudo, caso contrário não são nada, e ainda prestarão contas dos seus atos, porque com o nosso comportamento e nossa maneira de ser influenciamos pessoas tanto para a vida como para a morte. Assim, esses que se dizem cristãos, religiosos, mas vivem em práticas erradas, em desobediências, estão influenciando pessoas para a morte e, consequentemente, irão prestar contas de todas essas almas. De cada pessoa que aprende e imita o comportamento errado nosso e comete pecados, daremos conta da sua alma diante do Senhor.
 "Todavia, a mim mui pouco se me dá de ser julgado por vós, ou por algum juízo humano; nem eu tampouco a mim mesmo me julgo." (1 Coríntios 4;3). O dever de todo servo é simplesmente olhar para o Senhor, caminhar sempre em direção a Ele, seguindo o Caminho que é Jesus e que vemos no seu Evangelho. Não podemos em hipótese alguma ficar preocupados com o que pensam a nosso respeito, o julgamento que fazem a nosso respeito não nos interessa. Devemos ter a consciência de que somos cidadãos e cidadãs do Reino e assim em nossas vidas prevalecem os estatutos do Reino. O que falam ou pensam a nosso respeito não é motivo de nossa preocupação, mas todo o tempo devemos nos analisar, nos examinar para vermos se estamos vivendo de acordo com a Palavra de Deus. Temos que nos examinar à Luz do Evangelho e, se estivermos de acordo, não nos importaremos com mais nada, porque quem nos justifica é o Senhor, não temos e nem podemos ter preocupação de agradar o mundo, pois os amigos do mundo são inimigos de Deus. "Porque em nada me sinto culpado; mas nem por isso me considero justificado, pois quem me julga é o Senhor." (1 Coríntios 4:4). Devemos nos examinar à luz da Palavra, e, se não encontrarmos erros, devemos não nos dar por vencedores, mas saber que estamos no caminho certo e que deveremos perseverar cada vez mais. Não podemos achar que já vencemos, que já estamos justificados, pois esse pensamento conduz à derrota, ao sofrimento e à morte. O pensamento de que, uma vez que aceitou o Senhor, que foi batizado, está salvo é errado e enganoso, pois a Palavra nos fala que devemos viver buscando todos os dias a nossa salvação. Temos que a todos os instantes e em todos os nossos atos e pensamentos verificar o que estamos fazendo, se está de acordo com a Palavra do Senhor. As pessoas têm que querer imitar o nosso procedimento, ter a confiança de nos consultar sabendo que ouvirão não ideias nossas, mas as do Reino. "Portanto, nada julgueis antes de tempo, até que o Senhor venha, o qual também trará à luz as coisas ocultas das trevas, e manifestará os desígnios dos corações; e então cada um receberá de Deus o louvor." (1 Coríntios 4:5). Assim, não façamos julgamentos apressados e nem nos justifiquemos, sejamos simplesmente servos, despenseiros de Deus. Os despenseiros dos mistérios de Deus, temos que apresentá-los, temos que mostrá-los, para que todos saibam que são servos do Senhor.
 "E eu, irmãos, apliquei estas coisas, por semelhança, a mim e a Apolo, por amor de vós; para que em nós aprendais a não ir além do que está escrito, não vos ensoberbecendo a favor de um contra outro." (1 Coríntios 4:6). Temos que ser exemplos, e, quando falamos isso, procuramos primeiro ser esse exemplo para todos, não só na palavra, mas na prática. Procuramos aplicar a Justiça de Deus todo o tempo, não favorecemos ninguém, porque tratamos todos por igual. Evidentemente que os que se fantasiam de cristãos, os falsos crentes, que vivem em erros, sabendo, conhecendo a verdade, desses procuramos nos afastar e com eles não nos relacionamos, pois é o que o Senhor manda. Não podemos acrescentar nada à Palavra, mas cumprir o que é determinado; não podemos tentar ultrapassar as ordenanças do Senhor. Achar que podemos fazer diferente do que Ele disse porque podemos melhorar, fazer além, desse modo estaremos em desobediência e é pecado. "Porque, quem te faz diferente? E que tens tu que não tenhas recebido? E, se o recebeste, por que te glorias, como se não o houveras recebido?" (1 Coríntios 4:7). Ninguém é diferente, somos todos iguais perante o Senhor, e temos que ser sempre servos Dele, e, sendo servos Dele, colocamo-nos na qualidade de servos de todos. Mas os que se julgam superiores, melhores, mais santos, com mais intimidades com o Senhor, na verdade são os piores, pois só por esse pensamento estão pecando. Os servos do Senhor têm um comportamento de humildade e de servidão, não de arrogância soberba ou de superioridade. Saber que tudo o que temos, o que somos provém do Senhor, não andamos ansiosos por coisa alguma, porque vivemos sob os cuidados do Senhor, temos a consciência de que absolutamente nada acontece se não for a sua vontade ou permissão. Que ninguém pode nos favorecer ou desfavorecer se não for a vontade do Senhor, saber que até as perseguições que nos vêm são permissão Dele. "Já estais fartos! já estais ricos! sem nós reinais! e quisera reinásseis para que também nós viéssemos a reinar convosco!"(1 Coríntios 4:8).Tudo o que temos e o que somos tudo provém do Senhor, e louvamos, agradecemos a Ele pela vida dos seus servos que nos deu esse conhecimento. Louvamos o Senhor pelos seus despenseiros que um dia nos trouxeram a sua Palavra, que foram servos. Portanto, hoje, procuremos ser servos, não que tenhamos conseguido isso, mas lutemos, caminhemos, gemamos, mas não paremos, prossigamos em direção a nossa vitória. "Porque tenho para mim, que Deus a nós, apóstolos, nos pôs por últimos, como condenados à morte; pois somos feitos espetáculo ao mundo, aos anjos, e aos homens. Nós somos loucos por amor de Cristo, e vós sábios em Cristo; nós fracos, e vós fortes; vós ilustres, e nós vis.Até esta presente hora sofremos fome, e sede, e estamos nus, e recebemos bofetadas, e não temos pousada certa, E nos afadigamos, trabalhando com nossas próprias mãos. Somos injuriados, e bendizemos; somos perseguidos, e sofremos; Somos blasfemados, e rogamos; até ao presente temos chegado a ser como o lixo deste mundo, e como a escória de todos."(1 Coríntios 4:9-13). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino 
 Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

OUVIR

"Portanto, como diz o Espírito Santo: Se ouvirdes hoje a sua voz, Não endureçais os vossos corações, Como na provocação, no dia da tentação no deserto." (Hebreus 3:7-8)

 Devemos sempre viver atentos para ouvir a voz do Espírito Santo, e, quando a ouvirmos, atender, obedecer, praticar as determinações, para que não venhamos a padecer. Ouvir a voz do Espírito é ouvir a Palavra de Deus, é ouvir o Evangelho de Jesus Cristo, e isso acontece quando lemos a Bíblia, ou quando ouvimos uma pregação ou assistimos a uma. Podemos ouvir através de um louvor, de uma mensagem escrita, enfim, são inúmeras as maneiras como encontramos a Palavra de Deus, e, quando ela fala conosco, devemos simplesmente ouvir, obedecer. Mesmo que no momento pareça ilógico, descabido, ou que possa parecer desnecessário ou que seja um erro, se temos compromisso com a Vida, então simplesmente obedecemos e esquecemos a lógica humana. Deus, o Senhor, tem propósitos definidos para todos os que obedecem a Ele, para todos os que têm compromisso com Ele, assim como Ele tinha compromisso com todos os hebreus que tinha tirado da escravidão, tirado do sofrimento no Egito. Ele os tirou com mão poderosa, operando através de seu servo Moisés, através de prodígios e de maravilhas. Mas esse povo que foi liberto através de milagres declarados pelo Poder de Deus, que viveu sob a proteção total do Senhor, que fazia água brotar da rocha, comida cair do céu, cujas roupas não envelheciam nunca, cujo calçado nunca estragava, pelo que se soube, ninguém jamais pegou pelo menos um simples resfriado. O cuidado do Senhor era visto constantemente, o Senhor era a nuvem durante o dia para fazer sombra no calor escaldante do deserto, e também guia, e à noite era o fogo para aquecer nas noites geladas e iluminação para o acampamento. "Onde vossos pais me tentaram, me provaram, E viram por quarenta anos as minhas obras."(Hebreus 3:9). Mas, mesmo esses que viviam debaixo de milagres não ouviram a sua voz, desobedeceram, e por isto padeceram e morreram no deserto. Foram alimentados, cuidados durante quarenta anos, nesse tempo sempre reclamando e desobedecendo, e por tal motivo não foram vitoriosos, não entraram na terra prometida.
 "Por isso me indignei contra esta geração, E disse: Estes sempre erram em seu coração, E não conheceram os meus caminhos." (Hebreus 3:10). O Senhor nos fala, cuida de nós como filhos, mas não tolera dureza de coração, desobediências. Temos promessas do Senhor, mas, se não ouvirmos a sua voz, se Lhe desobedecermos, com certeza não conseguiremos nada com Ele, a não ser a sua ira. Às vezes nos julgamos espertos e acreditamos que podemos enganar o Senhor, que podemos simplesmente conseguir Dele bênçãos e milagres e permanecer com as mentiras em nossos corações. O Senhor conhece os nossos corações, Ele conhece as suas criaturas, Ele sabe tudo a nosso respeito e, portanto, é impossível conseguirmos enganá-lo. Por tal motivo, vemos tantas pessoas sofrendo, morrendo, e isso dentro dos templos, pessoas que oram, rezam, participam de campanhas, ofertam, dizimam, mas continuam nas derrotas. São simplesmente religiosas, não conseguem se apartar do mundo, não são sinceras diante do Senhor. Pessoas que querem exigir, debater, questionar com o Senhor, esquecendo-se de que Ele é o Criador e que nós somos somente criaturas. "Assim jurei na minha ira Que não entrarão no meu repouso." (Hebreus 3:11). Deus jurou que não entrarão em seu repouso, ou seja, que não terão vida eterna, e sim sofrimento e morte. Eles não entrarão no Reino de Deus, independentemente de estarem frequentando uma igreja, um templo religioso. Todos os que falam, citam o Nome do Senhor, mas não têm um coração convertido a Ele são passíveis de morrer sem seus desertos se não se arrependerem a tempo. A Palavra de Deus se cumpre tanto para o bem como para o mal, portanto não podemos ficar cobrando somente o bem, as promessas de bênçãos e de milagres, a sua proteção, porque o castigo é prometido a todos os desobedientes. Portanto, quando ouvirmos a voz do Senhor, assim como estamos ouvindo agora através desta mensagem, devemos pensar, analisar e começar a obedecer aos seus preceitos, para que não morramos em nosso deserto. "Vede, irmãos, que nunca haja em qualquer de vós um coração mau e infiel, para se apartar do Deus vivo." (Hebreus 3:12). Devemos atentar, nos examinar para que não exista em nós um coração impuro, que sejamos mentirosos, que sejamos hipócritas, que falemos uma coisa e pensemos outra. Não deixemos de ouvir, de praticar o Evangelho do Senhor, para que tenhamos vida, para que alcancemos a terra prometida.
 "Antes, exortai-vos uns aos outros todos os dias, durante o tempo que se chama Hoje, para que nenhum de vós se endureça pelo engano do pecado." (Hebreus 3:13). Assim temos a obrigação, o dever não somente de ouvir, de nos santificar, praticar todas as ordenanças do Senhor, como também de falar com todos. Temos obrigação de avisar aos outros para que vivam de maneira santa, que não sejam somente religiosos, mas praticantes. Seremos cobrados pelo Senhor das vezes que nos omitimos, que deixamos de falar a verdade com o nosso próximo. Temos que exortar a todos, para que não permaneçam no engano da religião, e que sejam obedientes ao Senhor. Não podemos amar o pecado, mas condená-lo, confrontar sempre e em qualquer situação. Se amamos alguém, ensinamos a verdade, e não nos calamos, pois quem cala consente. "Porque nos tornamos participantes de Cristo, se retivermos firmemente o princípio da nossa confiança até ao fim." (Hebreus 3:14). Ser de Jesus é ser obediente a Ele, não é por muito falar, mas por praticar as suas ordenanças. Ser de Jesus não é praticar nenhum ritual religioso, mesmo porque Nele somos livres, mas é ser discípulo, andar nos mesmos caminhos que Ele. Somos de Jesus, vivemos Nele, e Ele em nós, assim somos luzes como Ele é Luz, por isso não poderemos concordar ou aceitar trevas que são pecado. Desobediência é rebelião, que é considerado pior do que pecado de feitiçaria. A nossa demonstração de amor é ser servos, é obedecer, assim como Jesus foi obediente ao Pai. "Enquanto se diz: Hoje, se ouvirdes a sua voz, Não endureçais os vossos corações, como na provocação.".(Hebreus 3:15). Assim se ouvir, se permitir ouvir a voz do Senhor hoje, não endureça o coração, mas aceite a Palavra, a mensagem, converta-se ao Senhor e seja salvo. Por que deveria morrer? Aceite a vida, aceite a vitória que vem Dele, pois fora só há sofrimento, dor e morte. Não sejamos como os hebreus, que saíram do Egito, que padeceram no deserto."Porque, havendo-a alguns ouvido, o provocaram; mas não todos os que saíram do Egito por meio de Moisés."(Hebreus 3:16).De todos os que saíram do Egito somente dois entraram na terra prometida: Josué e Calebe, e nem mesmo Moisés recebeu essa vitória, e isso por desobediência. A desobediência é que conduz à morte, por isso, se temos compromisso com a vida, sejamos obedientes ao dono da Vida. "Mas com quem se indignou por quarenta anos? Não foi porventura com os que pecaram, cujos corpos caíram no deserto? E a quem jurou que não entrariam no seu repouso, senão aos que foram desobedientes?" (Hebreus 3:17-18). Deus prometeu que não entrariam em seu repouso os que são desobedientes, os que desprezam a sua palavra. Todos os que assim procedem não têm fé Nele, não acreditam em sua Palavra, são religiosos somente, esses morrerão em sua eternidade. Portanto, ainda é tempo, converta-se ao Senhor e seja obediente a sua Palavra. Ouça a sua voz, hoje, porque hoje é o dia. "E vemos que não puderam entrar por causa da sua incredulidade." (Hebreus 3:19). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino 
 Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

sábado, 24 de outubro de 2015

SERÁ QUE TEMOS FÉ SUFICIENTE?

E aconteceu que, num daqueles dias, estava ensinando, e estavam ali assentados fariseus e doutores da lei, que tinham vindo de todas as aldeias da Galiléia, e da Judéia, e de Jerusalém. E a virtude do Senhor estava com ele para curar. (Lucas 5:17)

        As pessoas vinham de longe para ouvir Jesus, os estudados, os expertos na lei, os fariseus, mas, vinham para entender, e tentar desmascarar ao Senhor, pois a maioria não aceitava nem acreditam que Ele era o Messias, o Filho de Deus. Mas como sabemos em todas as artimanhas, que tentaram contra o Senhor saíram derrotados e até mesmo ao prenderem e crucificarem o Filho de Deus estava se derrotando em todos os sentidos, pois, simplesmente fazia acontecer aquilo que era a muito revelado pelo Senhor, para que se cumprisse o projeto da salvação de todos nós. Especificamente neste dia, neste relato observemos que o poder de Deus estava sobre Jesus para curar, veja que sendo Ele Deus, Filho de Deus, Ele dependia do poder da virtude de Deus Pai para curar. Todos nós que queremos agir em nome de Jesus dependemos do poder e da virtude de Deus para curar, para operar maravilhas, e isto só conseguimos sendo discípulos de Jesus, imitando a sua santidade,e obediençia e submetendo a sua Palavra, e orar, pedir ao Pai em nome de Jesus. "E eis que uns homens transportaram numa cama um homem que estava paralítico, e procuravam fazê-lo entrar e pô-lo diante dele." (Lucas 5:18)Devemos prestar atenção ao fato da ação e empenho dos amigos ou parentes deste paralitico em conduzi-lo a presença do Senhor, porque veremos que esta ação deles só poderiam ser desencadeada pela fé deles, eles queriam trazer o paralitico a presença do Senhor porque criam e esperavam que o Senhor Jesus Cristo o pudessem salvá-lo.
            "E, não achando por onde o pudessem levar, por causa da multidão, subiram ao telhado, e por entre as telhas o baixaram com a cama, até ao meio, diante de Jesus." (Lucas 5:19)Devemos imaginar que estas pessoas eram parentes ou amigas , mesmo deste paralitico pois  vemos um  grande empenho delas, pois chegaram ao ponto de destelhar o ambiente onde  Jesus estava para  descer por cima  com o paralitico, estas pessoas realmente tinha a certeza que Jesus podiam  curar esta pessoa. Aprendemos que pela nossa fé podemos caminhar longos caminhos e enfrentar obstáculos e dificuldades para libertar uma pessoa um parente, para conduzi-la a presença do Senhor e assim ela receber a cura, e isto indiferente da fé dela, mas, o importante é a nossa fé, quando temos coragem de enfrentar um longo caminho de oração, de luta e vencer aos obstáculos até trazê-las a Jesus. Pela fé os filhos são libertos de vícios, casamentos são restaurados, pessoas são curadas mesmo que elas não tenham fé, mas a nossa fé é suficiente para mudar o mundo. "E, vendo ele a fé deles, disse-lhe: Homem, os teus pecados te são perdoados." (Lucas 5:20) Jesus viu a fé deles, não fala que Jesus viu a fé do paralitico, mas, Jesus viu a fé destes que o conduziram a sua presença, temos que permitir que o Senhor veja a nossa fé ao conduzirmos as pessoas a presença Dele.E quando o Senhor vê a nossa fé a primeira coisa que Ele faz é perdoar os nossos pecados. "E os escribas e os fariseus começaram a arrazoar, dizendo: Quem é este que diz blasfêmias? Quem pode perdoar pecados, senão só Deus? "(Lucas 5:21)Mas sempre vamos encontrar pessoas que tentarão atrapalhar, impedir o milagre acontecer, os religiosos os fariseus  não aceitam o perdão prova tal é quando alguém que cometeu  crimes, e depois se convertem as pessoas não aceitam e criticam e o condenam, ou seja não acredita que Deus o perdoou, na verdade quem não perdoa são as pessoas.Mas  todas as enfermidades é consequência do pecado, e como Jesus já levou todas nossas enfermidades pelas suas feridas, ao sermos perdoados a cura chega e o diabo, a enfermidade não tem mais poder sobre nós.
            "Jesus, porém, conhecendo os seus pensamentos, respondeu, e disse-lhes: Que arrazoais em vossos corações? Qual é mais fácil? dizer: Os teus pecados te são perdoados; ou dizer: Levanta-te, e anda?" (Lucas 5:22-23) Mas Jesus conhece todos estes antagonistas da fé, estes que sempre vão recomendar um remédio, um medico, uma benzedeira, ou simpatia, mas, não creem que a cura pode chegar através da fé, da pessoa se converter, mudar, transformar e ser liberta de todo mal, sempre vamos deparar com pessoas que vão apresentar uma santa, um padroeiro e que dizem que Deus é o mesmo , mas, nunca vão concordar que a pessoa tem que ser conduzidas ao Senhor para serem perdoadas e libertas, curadas. "Ora, para que saibais que o Filho do homem tem sobre a terra poder de perdoar pecados (disse ao paralítico), a ti te digo: Levanta-te, toma a tua cama, e vai para tua casa." (Lucas 5:24)Jesus  ao mandar o paralitico se levantar e ir para casa conduzindo a sua cama e não sendo conduzido, Ele mostra, prova que Ele perdoa os pecados e quando  perdoa, a libertação a cura chega, mostra que o que nos traz sofrimentos são os nosso pecados. "E, levantando-se logo diante deles, e tomando a cama em que estava deitado, foi para sua casa, glorificando a Deus." (Lucas 5:25) Com esta lição devemos saber  que as pessoas que estão enfermas ou em vícios em nossa família,  casamentos destruídos  a responsabilidade é nossa de pela nossa fé mudar esta situação, é nosso dever  leva-los a presença do Senhor pela nossa fé, é nosso dever superar todos obstáculos para que elas alcance o perdão e a cura. "E todos ficaram maravilhados, e glorificaram a Deus; e ficaram cheios de temor, dizendo: Hoje vimos prodígios." (Lucas 5:26)Leia e pratiquem a Bíblia. Que Deus abençoe.
 Um abraço.
                               Pr.Henrique Lino
 Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

AGRADECER PELA FÉ ALHEIA

"Sempre devemos, irmãos, dar graças a Deus por vós, como é justo, porque a vossa fé cresce muitíssimo e o amor de cada um de vós aumenta de uns para com os outros." (2 tessalonicenses 1:3)

 Dar graças, agradecer, louvar, exaltar o Senhor pelo que Ele tem feito na vida de tantas pessoas, vendo as transformações, as mudanças ocorridas nas vidas de pessoas que antes viviam aprisionadas nas mãos do nosso adversário. Ficamos felizes quando ficamos sabendo do crescimento espiritual de pessoas pelo mundo afora, onde a Palavra de Deus tem chegado. Pessoas que têm abandonado os vícios, os sofrimentos e entregado as suas vidas ao Senhor e têm permanecido firmes Nele. Pessoas que viviam nos erros e hoje são verdadeiras testemunhas do Evangelho, que vivem em fidelidade a Jesus. Por elas é que glorificamos o Senhor, exaltamos e vemos como Ele é maravilhoso, vendo o crescimento da fé dos que realmente têm buscado a verdade, quando nos deparamos com o amor, a preocupação dos servos do Senhor pelo próximo, que procuram sempre levar o Evangelho da salvação, quando vemos uma pessoa que antes era uma prisioneira nas mãos do diabo e hoje não só liberta como tudo fazendo para levar essa liberdade a outros que estão na situação em que ela mesmo esteve antes. Deus tem feito maravilhas na vida daqueles que O buscam em verdade, não digo buscadores de bênçãos, mas os que procuram sempre mais o Senhor. "De maneira que nós mesmos nos gloriamos de vós nas igrejas de Deus por causa da vossa paciência e fé, e em todas as vossas perseguições e aflições que suportais." (2 Tessalonicenses 1:4). Nós nos gloriamos, exaltamos o Nome do Senhor, por ter tido misericórdia de nós e permitir que por nós pessoas sejam salvas. Quando somos usados para levar à mensagem da cruz às pessoas e elas aceitam, devemos agradecer ao Senhor, porque nos usou para tal. Temos que agradecer ao Senhor por cada alma que é salva, que se converte a Deus. Ficamos extremamente felizes pelos que se convertem em meio às tribulações, que, mesmo sendo acusados, perseguidos por amigos, familiares que professam uma religião qualquer, resistem. As lutas, as perseguições servem somente para engrandecer e fortalecer a fé dos verdadeiros convertidos, por eles nos alegramos, pois são as verdadeiras testemunhas do Evangelho de Jesus Cristo.
 "Prova clara do justo juízo de Deus, para que sejais havidos por dignos do Reino de Deus, pelo qual também padeceis." (2 Tessalonicenses 1:5). Deus é justiça, e por tal motivo enfrentamos sofrimentos, lutas, principalmente quando nos convertemos, mesmo porque primeiro devemos ser provados para só depois sermos aprovados. Por tal motivo, vemos muitas pessoas que começam no Evangelho e, quando veem as lutas, desistem; assim não recebem a aprovação, uma vez que foram vencidas na provação. São pessoas fracas que não têm compromisso com o Senhor, mas com o mundo. Jesus passou por todas as lutas e as venceu, e por isso recebeu o lugar de mais alta honra. Se formos cristãos, discípulos Dele, temos que caminhar, percorrer o mesmo caminho. Quando enfrentamos as lutas, permitimos, insistimos e prosseguimos buscando cada vez mais viver seguindo o Evangelho; recebemos o refrigério, a bonança. Muitos acham que está demorando passarem as lutas, mas temos que entender que somente o Senhor sabe o tempo certo, uma vez que Ele sabe o nosso caráter. Quando não somos sinceros, ficamos reclamando das lutas, da demora, e logo nos extraviamos, porque realmente queríamos somente bênçãos. "Se de fato é justo diante de Deus que dê em paga tribulação aos que vos atribulam, E a vós, que sois atribulados, descanso conosco, quando se manifestar o Senhor Jesus desde o céu com os anjos do seu Poder." (2 Tessalonicenses 1:6-7). Não temos que nos preocupar com os que nos perseguem, nos atribulam, e nem pensar em sentimentos de vingança, porque tudo o que nos acontece é vontade ou permissão do Senhor. E, creiam, mesmo os que nos perseguem, são injustos conosco têm a permissão do Senhor, mas com certeza sofrerão por tal motivo, mas isso não cabe a nós, pois são prerrogativas do Senhor. Isso só nos acontece se realmente formos justos diante do Senhor, se realmente tivermos um coração convertido a Ele. Quando estivermos em meio às lutas, devemos glorificar o Senhor, sabendo que a provação produz experiência, e a experiência, perseverança. Não existem cristãos que não passem por provação, porque é o meio pelo qual realmente se é lapidado e se firma a sua fé. Muitos não resistem e se desviam, e sabemos que os que se denominam desviados, na verdade, simplesmente desviaram do Senhor. Isto é, nunca se converteram, não conheceram o Senhor, até tentaram, mas desistiram.
 "Com labareda de fogo, tomando vingança dos que não conhecem a Deus e dos que não obedecem ao Evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo." (2 Tessalonicenses 1:8). Os que não conhecem o Senhor, os que não aceitam a Palavra da verdade, os que fogem das lutas enfrentarão lutas muito maiores e sofrimento eterno. Os fracos, os que não aceitam a Verdade, os que se dizem desviados provarão realmente sofrimentos. Todos os desobedientes irão conhecer, viver por toda a eternidade sofrimentos inimagináveis, aqui fugiram das lutas, não resistiram às provações, mas depois não têm mais para onde fugir nem a quem recorrer. Não terão mais o Evangelho, mas escuridão, trevas, dor, sofrimento e morte. Se temos compromisso com a vida, é nosso dever buscar conhecer o Senhor, pois é somente Nele que teremos vida. Portanto, não podemos ser hipócritas e tentar justificar ou aplicar um meio termo, porque não existe, quem não está com o Senhor está contra Ele. E isso é válido para todos, não somente para os que vivem de forma declarada nos pecados, mas também para os falsos irmãos, os buscadores de bênçãos, os que não têm o coração reto com o Senhor. "Os quais, por castigo, padecerão eterna perdição, longe da face do Senhor e da Glória do seu Poder." (2 Tessalonicenses 1;9). Também temos que ser adultos sabendo que o sofrimento que aguarda os desobedientes é como castigo. Temos que entender o Senhor, deixar bem claro que Dele ninguém zomba, que o que plantarmos colheremos, assim, se não respeitamos a sua Palavra aqui, só nos restam dor e sofrimento. Não temos por onde correr, não podemos buscar um paliativo, um refrigério aqui, temos que buscar as abundâncias que estão Nele. Não existe comunhão entre o amor ao mundo e o Reino de Deus. Se vivemos de forma afastada do Senhor, sofreremos, seremos castigados com os piores castigos por toda a eternidade, e depois não há como mudar essa sentença, pois ela é definitiva. Assim, enquanto estamos aqui, ainda temos chances de nos arrependermos, nos convertermos ao Senhor. Deixar de agir como buscadores de bênçãos somente, querendo somente o bem-estar aqui. "Quando vier para ser glorificado nos seus santos, e para se fazer admirável naquele dia em todos os que creem (porquanto o nosso testemunho foi crido entre vós)."(2 Tessalonicenses 1:10).Jesus está voltando, e, quando Ele voltar, não mais existirá chance de arrependimento, pois será somente o julgamento, o dia de Juízo. Também não podemos esquecer que, se morrermos estando longe Dele, também padeceremos para sempre. "Por isso também rogamos sempre por vós, para que o nosso Deus vos faça dignos da sua vocação, e cumpra todo o desejo da sua bondade, e a obra da fé com poder." (2 Tessalonicenses 1:11). Portanto, oremos, clamemos para que sejam fortes e resistam às tentações, às provações, e assim alcancem as misericórdias do Senhor. Assim os que se firmam e estão fundamentados na Palavra de Deus são motivo de louvor e de nossos agradecimentos a Ele. É por seu amor, sua Graça que somos salvos, pois ninguém é digno ou merecedor, portanto não podemos desprezar essa Graça."Para que o Nome de nosso Senhor Jesus Cristo seja em vós glorificado, e vós Nele, segundo a Graça de nosso Deus e do Senhor Jesus Cristo." (2 Tessalonicenses 1:12). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino
 Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.