Pular para o conteúdo principal

TODA ALMA

“Toda a alma esteja sujeita às potestades superiores; porque não há potestade que não venha de Deus; e as potestades que há foram ordenadas por Deus.” (Romanos 13:1)

          Escuto as pessoas falarem muitas coisas e ainda tentando justificar com a Palavra de Deus, mas, na verdade, elas criam teorias estranhas que fogem totalmente ao Evangelho de Jesus Cristo. Isto porque as pessoas têm dificuldade para entender, para compreender que só existe um Senhor, que todas as coisas foram criadas por Deus, e que Ele tem Poder sobre tudo e todos. Digo isto porque vejo as pessoas darem um poder ao diabo como se ele tivesse tanto poder quanto Deus. As pessoas tendem a colocar uma luta ferrenha entre o bem e o mal, entre Deus e o diabo, que Deus só consegue vencer no finalzinho, como em filmes. Devemos entender que tudo vem de Deus e que só Ele tem Poder, o diabo só pode fazer alguma coisa com a permissão Dele, caso contrário, nada acontece. O mal, os problemas, as dificuldades, os desertos, as tempestades em nossas vidas têm a permissão e a vontade de Deus. Isto porque o Senhor tem compromisso com a sua Palavra, e Ele já disse que, se fizermos o mal, se lhe desobedecermos, o castigo, a destruição viriam, e por tal motivo Ele envia o destruidor, porque, a bem da verdade, o diabo não passa de uma espécie de anjo vingador do Senhor. O diabo e seus demônios todos foram criados por Deus, tudo é Deus. Temos que combater com toda energia o mal que habita em nós. Temos que lutar contra os nossos desejos, nossos pensamentos, lutar contra a nossa carne, para não fazer o que queremos e sim o que o Senhor manda. Temos que aprender a mortificar a nossa carne. “Por isso quem resiste à potestade resiste à ordenação de Deus; e os que resistem trarão sobre si mesmos a condenação.” (Romanos 13:2). Assim também todos nós devemos obedecer às autoridades, porque se elas estão no cargo, na posição em que se encontram foi porque o Senhor as colocou lá. Deus tem o comando, a direção de tudo, assim tanto os espíritos como todos os seres estão debaixo do seu controle. Ele levanta quem quiser e abate quem deseja. Todos os que estão ocupando cargos de destaques – ou não – só o estão porque o Senhor permitiu ou concordou com isso, uma vez que nada acontece a sua revelia. Se temos maus governantes, maus juízes, creia, a culpa é nossa, porque o Senhor envia o que merecemos. Se as nossas autoridades são corruptas, creia, somos nós os culpados, mas nós devemos obedecer-lhes, porque foi o Senhor quem as levantou e as colocou nos postos que estão ocupando.
         “Porque os magistrados não são terror para as boas obras, mas para as más. Queres tu, pois, não temer a potestade? Faze o bem, e terás louvor dela. Porque ela é ministro de Deus para teu bem. Mas, se fizeres o mal, teme, pois não traz debalde a espada; porque é ministro de Deus, e vingador para castigar o que faz o mal.” (Romanos 13:3-4). As pessoas criticam os juízes, criticam as suas sentenças, mas devemos nos examinar para não sermos passiveis de enfrentar os seus julgamentos, que inevitavelmente acontecerão se errarmos, se desrespeitarmos as leis. Dessa maneira, com certeza iremos a juízo e teremos que explicar as nossas rebeliões. As pessoas falam muito em autoridades corruptas, ou injustas, mas, na verdade, injustos somos nós, porque se nos submetemos a Deus, submetemo-nos a todas as autoridades porque é ordem, mandamento Dele, se assim procedemos, não damos chance de ser chamada a nossa atenção, sermos criticados e muito menos sermos julgados por esses magistrados. Quando fazemos o mal, quando desobedecemos ao Senhor e infligimos alguma lei terrena, com certeza estamos indo contra as determinações do Senhor, porque não podemos esquecer que Jesus veio para cumprir a lei, e a cumpriu por inteiro, e, sem reclamar, submeteu-se a um julgamento injusto, foi condenado e morreu de maneira injusta, porque era inocente. Se somos seus discípulos, então devemos fazer o mesmo, e, sendo injustiçados, não reclamarmos e nem condenarmos nenhuma autoridade, mas sempre glorificarmos o Nome do Senhor.“Portanto é necessário que lhe estejais sujeitos, não somente pelo castigo, mas também pela consciência. Por esta razão também pagais tributos, porque são ministros de Deus, atendendo sempre a isto mesmo.” (Romanos 13:5-6).Devemos sempre obedecer a todos os que têm autoridade sobre nós, mas não por medo da punição, e sim por temor a Deus, por obediência as suas ordenanças. Saber que todos os que exercem autoridades elas são constituídas por Deus, portanto, cabe a nós obedecer, porque senão estaremos  desobedecendo a uma ordem direta do Senhor. Se nos cobram impostos que achamos caro, ou se entendemos que estamos sendo furtados, não podemos reclamar, porque temos os impostos que merecemos, assim devemos simplesmente pagar, porque, se somos cobrados, é porque Deus permitiu. Devemos sempre nos examinar se realmente estamos andando na fé ou se somos somente religiosos, que falamos uma coisa, mas fazemos outra, se somos pessoas que vivem dizendo que Jesus é o nosso Senhor, mas vivemos em desobediência aos seus mandamentos e ordenanças.“Portanto, daí a cada um o que deveis: a quem tributo, tributo; a quem imposto, imposto; a quem temor, temor; a quem honra, honra. A ninguém devais coisa alguma, a não ser o amor com que vos ameis uns aos outros; porque quem ama aos outros cumpriu a lei. Com efeito: Não adulterarás, não matarás, não furtarás, não darás falso testemunho, não cobiçarás; e se há algum outro mandamento, tudo nesta palavra se resume: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. O amor não faz mal ao próximo. De sorte que o cumprimento da lei é o amor. E isto digo, conhecendo o tempo, que já é hora de despertarmos do sono; porque a nossa salvação está agora mais perto de nós do que quando aceitamos a fé.” (Romanos 13:7-11). 

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr. Henrique Lino
 

Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Comentários

Postagens Mais Acessadas

RAÇA DE VÍBORAS? QUEM SÃO?

E, vendo ele muitos dos fariseus e dos saduceus que vinham ao seu batismo, dizia-lhes: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira futura?(Mateus 3. 7)
           Aqui vemos como João Batista pregava, como ele falava e exortava para que os mesmos abandonassem os pecados e a religiosidade, muitos não gostavam porque achavam a pregação dura, mas João é aquele que foi enviado para preparar o caminho para Jesus, é o qual o Senhor testemunhou dele. “E eu vos digo que, entre os nascidos de mulheres, não há maior profeta do que João o Batista; mas o menor no Reino de Deus é maior do que ele.” (Lucas 7.28) João Batista não ficava alisando ego, não prometia bênçãos sem fim, nem mesmo prosperidade, mas chamava ao arrependimento. Ele não concordava com o fato de pecadores contumazes irem buscar somente o batismo com ele, ouvir a pregaçã o curta e direta dele, porém continuarem nos erros, nos pecados. Da mesma maneira existem hoje milhares de pessoas que gostam de ir à igrejas, de falarem o n…

A DIFERENÇA ENTRE O JUSTO E O ÍMPIO

Então vereis outra vez a diferença entre o justo e o ímpio; entre o que serve a Deus e o que não serve. (Malaquias 4.1)
                 Veja que a palavra de Deus chama a nossa atenção para que observemos as pessoas, que teme ao Senhor e as que não temem; devemos observá-las pela forma como vivem como enfrenta os problemas quando surgem, como educa e trata os seus familiares, e principalmente como reage diante do inesperado. Pois o mal vem sobre os justos e injustos, sobre bons e mal. “Para que sejais filhos do Pai que está nos céus; porque faz que o seu sol se levante sobre maus e bons e a chuva desça sobre justos e injustos.”(Mateus 5.45) Mas a diferença é exatamente como encaramos, pois se somos Justos, somos tementes e praticante da palavra, usaremos o nome e o poder do nome de Jesus e mandaremos o mal embora; e  também por maior que sej a o problema que estamos atravessando,   sabemos que vai passar logo, e temos paz, não perdemos a paz, e não nos desesperamos, pois a nossa confi…

FOME DA PALAVRA.

Eis que vêm dias, diz o Senhor Jeová, em que enviarei fome sobre a terra, não fome de pão, nem sede de água, mas de ouvir as palavras do Senhor. (Amós 8.11)
Temos um grande número de pessoas que buscam as igrejas somente para ouvir palavras de consolo, incentivo, ou bênçãos, pessoas estas que decoram alguns versículos e se pauta por eles, e exigem as suas bênçãos, e isto com respaldo, uma vez que pregadores estão distribuindo, ou vendendo bênçãos, prosperidade e tranqüilidade. Estas pessoas não querem saber de ouvir a verdade, não querem saber de obediência, querem salvação, e bênçãos somente por ir a igrejas. Chegará o dia que irão querer ouvir a palavra verdadeira e não acharão, não encontrarão a verdade, somente as mentiras, e engano como já existem muitos por ai. “E irão errantes de um mar até outro mar e do Norte até o Oriente; correrão por toda parte, buscando a Palavra do Senhor, e não acharão.” (Amós 8.12) As pessoas viajarão de um país a outro tentando encontrar pregadores da …