NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

domingo, 10 de janeiro de 2016

O MESMO SENTIMENTO

"E, finalmente, sede todos de um mesmo sentimento, compassivos, amando os irmãos, entranhavelmente misericordiosos e afáveis." (1 Pedro 3:8)

 Pedro tinha se dirigido a todos os leitores, tinha falado aos maridos, esposas, escravos, agora encoraja os leitores, os irmãos em Cristo, a desenvolverem virtudes adequadas nos relacionamentos com o próximo, porque devemos não só falar que somos cristãos, evangélicos, mas agir como Jesus mandou, amar o próximo como a nós mesmos. Temos que ser misericordiosos, amar o próximo independentemente de quem seja, procurar ajudar, socorrer, ouvir, atender todos, independentemente de cor, credo ou posição social. É dever do cristão ser educado, gentil, prestativo com todos, mesmo que a recíproca não seja verdadeira. Não se pode falar que alguém conhece e ama Jesus se não ama o próximo, se não atende e socorre quem necessita. Não se pode falar em cristianismo onde existe discriminação, ódio, raiva dirigida a alguém que é imagem e semelhança do Senhor. "Não tornando mal por mal, ou injúria por injúria; antes, pelo contrário, bendizendo; sabendo que para isto fostes chamados, para que por herança alcanceis a bênção." (1 Pedro 3:9). Não importa como somos tratados, o que importa é como estamos tratando o próximo. Se somos ofendidos, caluniados, maltratados, perseguidos, não devemos em hipótese alguma agir da mesma maneira para nos defender. Devemos entender que, se alguém está fazendo o mal para nós, é exatamente por não conhecer o Senhor, então devemos não somente orar por essa pessoa como também mostrar pela nossa maneira passiva de agir o caráter de Deus. Por não revidarmos, por sofrermos os agravos sem reclamar, saberão que o nosso compromisso é com o Senhor, e elas mesmas vão querer conhecer o mesmo Deus nosso. Sabemos que fomos chamados para abençoar e sermos abençoados pelo Senhor. Sabendo que temos tão grande promessa, então não reclamemos do que possa nos acontecer aqui, temos que nos preocupar em abençoar o próximo, porque essa é a nossa função, uma vez que a bênção recebemos do Senhor. Mas abençoar o próximo depende de nós, assim, por maior que seja o agravo que estejamos recebendo, devemos sempre abençoar, porque, se não abençoarmos, também não seremos abençoados.
 "Porque Quem quer amar a vida, E ver os dias bons, Refreie a sua língua do mal, E os seus lábios não falem engano." (1 Pedro 3:10). Quem quiser viver de forma digna deve sempre tomar muito cuidado com o que fala e, principalmente, como fala. Temos de aprender que devemos refrear a nossa língua, porque com a nossa boca podemos abençoar ou amaldiçoar, e por toda maldição pronunciada por nós prestaremos contas ao Senhor. Não podemos ofender o próximo; não podemos utilizar a nossa boca, a nossa língua para trazer dano ou tristeza a quem quer que seja. Esse pequeno órgão do nosso corpo pode conduzir à morte ou à salvação, porque devemos usá-la para abençoar, consolar, louvar, exaltar o Nome do Senhor. Mas, se a usarmos para falar mal do próximo, fazer fofocas, ofender, xingar ou amaldiçoar, com certeza iremos para a morte eterna. Jamais poderemos usar a nossa boca, língua, para falar mentiras ao nosso próximo, porque o Senhor tudo vê e sabe, e a mentira é um desrespeito não somente ao próximo, mas, principalmente, ao Senhor, por mostrar rejeição a Jesus, porque o pai da mentira é o diabo, e mentir é rejeitar o Filho de Deus, é ter compromisso com o filho do diabo."Aparte-se do mal, e faça o bem; Busque a paz, e siga-a." (1 Pedro 3:11). Devemos praticar a PALAVRA de Deus, os ensinamentos de Jesus, e fugir do mal, abandonar a ira, a mentira, o revanchismo e a vingança. Temos que aprender a praticar o amor, perdoar sempre quem quer que seja que tenha nos ofendido. Praticar a paz, sermos pessoas boas, agradáveis e confiáveis, sermos representantes de Jesus, porque, para utilizarmos o seu Nome, para falarmos em seu Nome, temos que agir como Ele, temos que ter o seu caráter. "Porque os olhos do Senhor estão sobre os justos, E os seus ouvidos atentos às suas orações; Mas o rosto do Senhor é contra os que fazem o mal." (1 Pedro 3:12). O Senhor nos acompanha em tempo integral, e nada podemos omitir, esconder de seu conhecimento. O Senhor ouve as nossas orações quando estamos de acordo com Ele, quando agimos e vivemos segundo os seus preceitos, porque, para que as nossas orações sejam ouvidas e atendidas, é necessário estarmos respeitando a sua Palavra. Mesmo que orem, se não praticarem as ordenanças do Senhor, são inimigos Dele e, consequentemente, receberão tratamento dispensado aos adversários. O amor do Senhor faz com que Ele seja severo com os que não vivem de acordo com a sua Palavra.
 "E qual é aquele que vos fará mal, se fordes seguidores do bem? Mas também, se padecerdes por amor da justiça, sois bem aventurados. E não temais com medo deles, nem vos turbeis."(1 Pedro 3:13-14). Se vivemos de acordo com o Evangelho de Jesus Cristo, teremos o seu cuidado, a sua proteção, e nada poderá nos vencer, nos derrotar, porque Ele vive em nós. Assim, nada tememos, porque quem vem contra nós de alguma maneira está indo contra o Senhor, e prestará contas a Ele. A nós cabe a função de perdoar e interceder, para que ela venha se arrepender e, quem sabe, se converter também. Mesmo que soframos por vivermos segundo os preceitos do Senhor, se passamos por lutas por sermos seguidores de Jesus, devemos glorificar, por sermos achados dignos de sofrer, padecer pelo seu Nome. Isso é privilégio, sofrer e sermos acusados por sermos do Senhor, sermos imitadores Dele. Assim, não reclamemos nem revidemos, somente glorifiquemos o Nome do Senhor. "Antes, santificai ao Senhor Deus em vossos corações; e estai sempre preparados para responder com mansidão e temor a qualquer que vos pedir a razão da esperança que há em vós." (1 Pedro 3:15). Santificar-se no Senhor é exatamente viver de acordo com os seus preceitos, e não se permitir a corrupção mundana. É saber que não temos compromisso com o mundo nem com os prazeres carnais, que em todo o tempo devemos saber que estamos seguindo o Senhor, e que Ele nos vê todo o tempo. Santificar-se é saber que somos vigiados em tempo integral, e assim procuramos fazer de tudo para agradá-lo. Devemos ser mansos, calmos, de paz, tranquilos, porque somos representantes do Senhor, assim não nos valorizemos, e sim valorizemos aquele que nos chamou e vive em nós. Somos obedientes a Ele e desconhecemos qualquer ofensa que possam nos fazer, por mais grave que possa parecer. "Tendo uma boa consciência, para que, naquilo em que falam mal de vós, como de malfeitores, fiquem confundidos os que blasfemam do vosso bom porte em Cristo." (1 Pedro 3:16).As pessoas que nos perseguem, que falam mal de nós ficam sem entender por que não revidamos as agressões sofridas. Que possam entender que temos o Espírito de Cristo em nós. Não existe garantia de que não enfrentaremos lutas ou perseguições, muito pelo contrário, existe a promessa, o aviso do Senhor para nos preparar, porque a perseguição aos verdadeiros seguidores Dele é real. Mas a nossa vitória está é Nele, é podermos ter vida eterna e abundante, porque é para isso que Ele veio, sofreu e morreu. "Porque melhor é que padeçais fazendo bem (se a vontade de Deus assim o quer), do que fazendo mal." (1 Pedro 3:17). Assim é melhor que soframos, que passemos por lutas - se for a vontade ou permissão do Senhor - do que fazermos o mal. Melhor obedecer por temor do que desobedecer e assim perdermos a nossa vida. O importante é amar o próximo como a nós mesmos e praticar o Fruto do Espírito, principalmente a mansidão, o domínio próprio e o amor."Porque também Cristo padeceu uma vez pelos pecados, o justo pelos injustos, para levar-nos a Deus; mortificado, na verdade, na carne, mas vivificado pelo Espírito" (1 Pedro 3:18). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino
 Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário