NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

PRECEITOS E COSTUMES

“Então chegaram ao pé de Jesus uns escribas e fariseus de Jerusalém, dizendo: Por que transgridem os teus discípulos a tradição dos anciãos? pois não lavam as mãos quando comem pão.” (Mateus 15:1-2)

            Os conhecedores da lei, os que tinham por obrigação guardar, ou melhor, cumprir, praticar a lei, foram até Jesus para questioná-lo sobre o comportamento dos seus discípulos. Mas eles vieram falar sobre tradição, sobre costumes e hábito. Eles tinham o costume de sempre lavar as mãos antes de comer, sempre, antes de ingerir qualquer coisa, eles lavavam as suas mãos. Esse era um costume, uma tradição e não um mandamento, nem imposição da lei de Moisés. Como os discípulos de Jesus não procediam segundo essa tradição, segundo esse costume, vieram então até o Senhor com o objetivo de reclamar dos seus seguidores. Assim também encontramos costumes e tradições antigas em famílias que as cumprem como se fossem um ritual, e como se tivessem alguma utilidade espiritual, e não aceitam falar que nada valem e se horrorizam quando alguém não as pratica. “Ele, porém, respondendo, disse-lhes: Por que transgredis vós, também, o mandamento de Deus pela vossa tradição?”(Mateus 15:3). Jesus responde com uma pergunta e uma acusação, acusando os fariseus de, por causa de uma tradição, deixarem de cumprir a lei de Deus. Eles, que tinham o conhecimento da lei de Deus, da lei de Moisés, não a cumpriam, criando pretextos favoráveis a eles mesmos para a descumprir. “Porque Deus ordenou, dizendo: Honra a teu pai e a tua mãe; e: Quem maldisser ao pai ou à mãe, certamente morrerá.”(Mateus 15:4)Jesus então cita o primeiro mandamento de Deus com promessa. “Honra a teu pai e a tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na terra que o Senhor teu Deus te dá.”(Êxodo 20:12). O Senhor determinou que todos devem honrar o pai e a mãe, e quem assim proceder viverá muitos anos, ou seja, prolongará os seus dias. Não é uma tradição ou costume, mas um mandamento, uma ordem direta do Senhor para todos cumprirem. “Mas vós dizeis: Qualquer que disser ao pai ou à mãe: É oferta ao Senhor o que poderias aproveitar de mim; esse não precisa honrar nem a seu pai nem a sua mãe, E assim invalidastes, pela vossa tradição, o mandamento de Deus.”(Mateus 15:5-6). Mas eles criaram um costume, um hábito maldoso para não ajudar ou socorrer os seus pais; eles faziam uma espécie de voto dizendo que tudo o que tinham era oferta a Deus, assim eles poderiam viver e desfrutar de tudo; não davam para ninguém, porque seria do Senhor. Mas, na verdade, isso não passava de um acordo desonesto com os sacerdotes, uma tradição maldosa e desonesta praticada para não cumprir uma ordem de Deus.
            “Hipócritas, bem profetizou Isaías a vosso respeito, dizendo: Este povo se aproxima de mim com a sua boca e me honra com os seus lábios, mas o seu coração está longe de mim. Mas, em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos dos homens.” (Mateus 15:7-9). Hipocrisia é o ato de representar, atuar; hipócritas são todos os que falam uma coisa, mas praticam outra, falsos. Jesus então os chama de falsos e diz que eles somente adoram o Senhor de boca, mas com os seus pensamentos, atos e ações praticam o que desagrada Deus. Da mesma maneira, muitos que se dizem cristãos, frequentam igrejas, estão nos altares, nos púlpitos falando o nome do Senhor, mas com o coração cheio de imundície e podridão, cheio de pecados. Pessoas dizem amar Deus, mas praticam a mentira, a desonestidade, o adultério, a maldade, e outros tantos. Criam preceitos humanos dizendo que Deus está comprometido com a felicidade imediata e que, portanto, não quer que ninguém sofra, e por isso não cumprem as leis de Deus, pois as acham pesadas. Pessoas dizem que o Senhor não quer ninguém vivendo infeliz e por isso se divorciam quando o Senhor deixa bem claro que os casados são uma só pessoa para Ele, e que odeia o divórcio.  Criaram doutrinas várias nas igrejas, para tomar o dinheiro do povo, pregando emoções e mentiras, mas falando no nome do Senhor. “E, chamando a si a multidão, disse-lhes: Ouvi, e entendei: O que contamina o homem não é o que entra na boca, mas o que sai da boca, isso é o que contamina o homem.” (Mateus 15:10-11). Jesus mostra que o que faz mal não é o que comemos ou bebemos, mas o que falamos, a maneira como expressamos e o que expressamos, isto porque qualquer coisa que ingerirmos, mesmo que seja letal, o máximo que pode acontecer é falecermos, digo morrermos aqui. Mas se somos salvos em Jesus, viveremos eternamente; e se falarmos o que não deveríamos com certeza perderemos a nossa eternidade, perderemos a nossa vida verdadeira.
            “Então, acercando-se Dele os seus discípulos, disseram-lhe: Sabes que os fariseus, ouvindo essas palavras, se escandalizaram?” (Mateus 15:12). Esse assunto foi sério a tal ponto que os discípulos depois vierem pedir explicação ao Senhor, pois eles mesmos não entenderam o que foi dito, diante da gravidade da situação: que o que falamos pode nos conduzir à morte ou à vida eterna, que devemos vigiar e muito o que pensamos, pois só falamos o que pensamos o que temos no coração. A boca fala o que o coração está cheio, portanto, devemos sempre vigiar e não permitir pensamentos contráriosà Palavra de Deus. “Ele, porém, respondendo, disse: Toda a planta, que meu Pai celestial não plantou, será arrancada. Deixai-os; são condutores cegos. Ora, se um cego guiar outro cego, ambos cairão na cova.” (Mateus 15:13-14). Jesus, mais uma vez, mostra que nem todos estão aptos a receber a Palavra, a Verdade do Senhor, mas somente aqueles a quem Deus chamou, pois os que não são chamados nunca concordam nem aceitam, e ainda criticam os que pregam a verdade, pois preferem apresentar um deus bonzinho. Mas esses são separados para o dia do Juízo. Jesus ainda fala que são cegos espirituais e que esses que pregam e ensinam esses preceitos e doutrinas de homens e seus seguidores, que também são cegos, ambos cairão na cova. Porque quem concorda e aceita os ensinos, e tradições, que não são bíblicos estão caminhando para a morte eterna. “E Pedro, tomando a palavra, disse-lhe: Explica-nos essa parábola.Jesus, porém, disse: Até vós mesmos estais ainda sem entender? Ainda não compreendeis que tudo o que entra pela boca desce para o ventre, e é lançado fora?Mas, o que sai da boca, procede do coração, e isso contamina o homem. Porque do coração procedem os maus pensamentos, mortes, adultérios, prostituição, furtos, falsos testemunhos e blasfêmias.São estas coisas que contaminam o homem; mas comer sem lavar as mãos, isso não contamina o homem.”(Mateus 15:15-20). Jesus termina esse ensinamento mostrando que tudo o que nos faz mal é o que guardamos em nossos corações, são os nossos pensamentos, e sempre que estivermos permitindo pensamentos que são contrários à Palavra de Deus, com certeza, estaremos caminhando para a morte, porque temos um Deus que conhece o nosso interior e sabe todos os nossos pensamentos, por isto não adianta representarmos uma coisa, mas pensarmos outra.
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr.Henrique Lino
Se você está passando por algum problema na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição 24 horas por dia para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual.
https://www.facebook.com/atalaiadedeus Skype: atalaiadedeus
Visitem nosso site(www.atalaiadedeus.com.br) - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo divulgar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração e oferta de amor. "Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.” II Co 9:7 Ofertar é um privilegio. Semeando qualquer valor você estará contribuindo com a expansão do Reino de Deus. Envie sua oferta em nome de 

MINISTÉRIO ATALAIA DO EVANGELHO DE DEUS
BANCO ITAU
AGENCIA: 1639 CONTA CORRENTE: 61520-0
Banco: CAIXA ECÔNOMICA
AGÊNÇIA: 1529 OPERAÇÃO: 022 CONTA POUPANÇA NÚMERO: 230-5
Você será um agente evangelizador deste Ministério.
Sua colaboração é muito importante para nós.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário