NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

domingo, 10 de novembro de 2013

EXPULSANDO JESUS

"E aconteceu que, completando-se os dias para a sua assunção, manifestou o firme propósito de ir a Jerusalém.” (Lucas 9.51) Aqui fala da última viagem de Jesus partindo da Galiléia à Jerusalém para o cumprimento definitivo da sua missão, por meio da sua morte e ressurreição, porque Jesus cumpriu tudo o que Deus tinha planejado para Ele, todas as profecias se cumpriram Nele, e sabemos que Ele tinha conhecimento pleno de tudo o que iria acontecer, sabia quem iria o trair, sabia que seria preso, escarnecido, crucificado e morto, ou seja, Ele sabia toda dor e sofrimento que iria passar; por amor a nós, e obediência ao Pai em nenhum momento recusou, e em todo tempo amou o Pai e a todos nós. Quando Ele decidiu ir novamente à Jerusalém, tinha conhecimento do que estava para acontecer, de tudo que o esperava, mas, decidiu ir com toda intrepidez e coragem cumprir o plano de Deus, e durante o tempo todo, inclusive, durante esta viagem, nos dá prova do que é o verdadeiro amor, nos mostra como agir com mansidão, e como perdoar sempre. "E mandou mensageiros adiante de si; e, indo eles, entraram numa aldeia de samaritanos, para lhe prepararem pousada.” (Lucas 9.52). Samaria ficava entre a Judeia e a Galiléia, desde da época de Roboão filho de Salomão, quando Israel foi dividida e passou a existir o reino do norte e do sul (Israel e Judá). Os judeus não se davam bem com os samaritanos e por isto os samaritanos se negavam a ajudarem os peregrinos que iam à Jerusalém, ao templo; por tal motivo Jesus enviou os seus discípulos na frente para conseguirem uma casa com pessoas que os recebessem e que desse pousada, enquanto Ele ia mais devagar atendendo ao povo. "Mas não o receberam, porque o seu aspecto era como de quem ia a Jerusalém.” (Lucas 9. 53). Mas os samaritanos não quiseram recebe-lo, hospeda-lo por saberem que se dirigia ao templo em Jerusalém; assim procedemos muitas vezes, por pessoas serem contrárias a nossa religião, nossa fé, nos recusamos a receber, ajudar ou socorrer, somos mesquinhos, pois acreditamos que devemos condená-los por não praticar a mesma fé que nós; na verdade somos cruéis, maldosos e queremos com esta atitude somente justificar o nosso caráter e mesquinharias. Gostamos de condenar os espíritas, os católicos, macumbeiros, budistas e outras tantas religiões e crenças; eles não sabem diferenciar entre uma coisa e outra, porque se soubessem, poderíamos condenar as práticas erradas, mas amaríamos os nossos irmãos, pois somos filhos do mesmo Pai, e, portanto os acolheríamos, ajudaríamos e socorreríamos quando necessitassem e aproveitaríamos para mostrar o caráter de Deus; apresentaríamos Jesus a eles. Mas somos piores do que os samaritanos que se recusaram a receber a Jesus, pois também nós recusamos a receber os filhos e filhas de Deus com pretextos de religião. "E os seus discípulos, Tiago e João, vendo isto, disseram: Senhor, queres que digamos que desça fogo do céu e os consuma, como Elias também fez?” (Lucas 9.54). Os discípulos, os aprendizes, aqui pensaram e falaram em emoção sem conhecer realmente o Senhor e nem Sua vontade, isto além de se precipitarem, porque principalmente eles que viviam com Jesus deveriam saber que o Senhor não veio para destruir, mas, para salvar, perdoar. Falamos que somos filhos e filhas de Deus, mas quando não concordamos com alguém, quando não nos recebem, não nos tratam bem ou como achamos que merecemos, logo reclamamos e se possível for revidamos de forma agressiva e até violenta, e não raro, pessoas usam o nome de Deus para amaldiçoar e pedir o mal para outras, como se Deus fosse o nosso segurança e vingador particular. "Voltando-se, porém, repreendeu-os, e disse: Vós não sabeis de que espírito sois.” (Lucas 9.55). Jesus teve que chamar a atenção deles, assim como chama a nossa, pois também falamos que somos seus discípulos, mas condenamos, amaldiçoamos e gostamos de fazer orações pedindo a Deus para ferir e punir alguém que nos causa mal, o que costumo chamar de macumba evangélica, pois, querem usar o nome, o evangelho para destruir, matar, ferir e vingar, portanto não conhece realmente a que espírito são, porque quem veio para trazer destruição não é o Espírito de Deus e nem conhece a Jesus. "O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância.” (João 10.10). O Ladrão, o diabo é que traz destruição e morte, mas, Jesus veio exatamente para nos trazer vida, nos dar vida, e, portanto quem deseja e pede o mal para algum semelhante, não tem parte no Reino de Deus e nem conhece a Jesus, além de não terem seus pedidos atendidos, também caminham para a condenação e morte eterna. "Porque o Filho do homem não veio para destruir as almas dos homens, mas para salvá-las. E foram para outra aldeia.” (Lucas 9.56). Devemos sempre atender e socorrer a todos os que venham a nós independente de religião ou credo, e também quando necessitarmos, se não nos receberem, devemos simplesmente ir embora, caminhar mais, porém sem condenar ou julgar, muito menos amaldiçoar. Leiam e a pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe. Um abraço. Pastor Henrique Lino Se você está passando por algum problema na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição 24 horas por dia para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Fale Conosco TEL: (31) 3568.1077CEL TIM: (31) 93428855 OI 31-88172771 VIVO 31-98004621 CLARO 31-82134027 FAX(31)2565.4577 E-MAILS ,MSN, E, Orkut: (ministerioatalaiadedeus@hotmail.com) BLOG http://ministerioatalaiadedeus.blogspot.com/ Visitem nosso site(www.atalaiadedeus.com.br) - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo divulgar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração e oferta de amor. "Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.” II Co 9:7 Ofertar é um privilegio. Semeando qualquer valor você estará contribuindo com a expansão do Reino de Deus. Envie sua oferta em nome de MINISTÉRIO ATALAIA DO EVANGELHO DE DEUS BANCO ITAU AGENCIA: 1639 CONTA CORRENTE: 61520-0 Banco: CAIXA ECÔNOMICA AGÊNÇIA: 1529 OPERAÇÃO: 022 CONTA POUPANÇA NÚMERO: 230-5 Você será um agente evangelizador deste Ministério. Sua colaboração é muito importante para nós.

Nenhum comentário:

Postar um comentário