Pular para o conteúdo principal

CUIDAR DA FAMÍLIA

“NÃO repreendas asperamente o ancião, mas admoesta-o como a pai; aos moços como a irmãos; as mulheres idosas, como a mães, às moças, como a irmãs, em toda a pureza.” (1 Timóteo 5:1-2)

         Se as pessoas observassem sempre as recomendações bíblicas, com certeza viveríamos em um país melhor, em um mundo mais civilizado. Basta prestar atenção nessas recomendações que Paulo, há mais de dois mil anos, dava para o pastor Timóteo, que exigisse de todos os pastores os cuidados que deveriam ter nos templos. Vemos hoje em dia as pessoas tratarem mal os idosos, as crianças, enfim, a todos. Nem mesmo dão preferência em lugares públicos aos idosos. Paulo mandou que Timóteo não deixasse nenhum pastor chamar atenção dos idosos de maneira dura, que fosse cauteloso e atencioso, que tratasse todos com a mesma atenção, como se fossem o próprio pai. Que chamasse a atenção dos jovens quando errassem, não com ódio, ou de outra maneira, mas como se estivesse falando com os próprios irmãos. De igual modo, tratassem as mulheres idosas como se trata a própria mãe, e as mulheres mais jovens como irmãs, quando elas errassem. Paulo dá recomendações sobre como tratar as pessoas no templo quando elas errarem, que elas, principalmente, devem receber atenção, cuidado e respeito. Mas, infelizmente, vemos hoje as pessoas agirem de maneira contrária, não digo no mundo, mas dentro dos templos, onde vemos supostos pastores destratarem as pessoas, quando elas não agem ou fazem o que eles querem.“Honra as viúvas que verdadeiramente são viúvas. Mas, se alguma viúva tiver filhos, ou netos, aprendam primeiro a exercer piedade para com a sua própria família, e a recompensar seus pais; porque isto é bom e agradável diante de Deus. Ora, a que é verdadeiramente viúva e desamparada espera em Deus, e persevera de noite e de dia em rogos e orações; Mas a que vive em deleites, vivendo está morta. Manda, pois, estas coisas, para que elas sejam irrepreensíveis.”(1 Timóteo 5:3-7). Paulo mostra como é o cuidado e respeito com que as igrejas devem tratar as pessoas, os membros, os frequentadores. Cuidar das pessoas que necessitam, apoiar os desvalidos, mas os comprovados. Quanto aos outros, que tenham uma vida normal, trabalhando para se manter e também ajudar a igreja, porque sabemos que a igreja vive da ajuda dos irmãos.
      “Mas, se alguém não tem cuidado dos seus, e principalmente dos da sua família, negou a fé, e é pior do que o infiel.” (1 Timóteo 5:8). Quando dizemos que somos cristãos, que somos discípulos de Jesus, estamos afirmando que somos da família de Jesus, que pertencemos a Ele. Portanto, é nosso dever cuidar uns dos outros. As pessoas imaginam que só têm compromisso com os seus familiares consanguíneos, mas temos obrigações com os que têm a mesma fé nossa. Quando Paulo se refere aqui aos seus familiares, está falando da família cristã, portanto, sabemos que temos obrigações com todos os que frequentam a nossa congregação. Se alguém estiver passando por necessidade, por lutas, é nosso dever ajudar, socorrer, é obrigação do pastor, do líder da congregação cuidar dos desvalidos, de todos os que estão passando por necessidades. Quando não fazemos isto, somos piores do que os infiéis, na verdade, estamos negando a fé, porque, se temos fé, confiamos no Senhor, fazemos o que Ele manda e cuidamos uns dos outros. Mas, infelizmente, o que vemos são pastores, líderes milionários, cada vez mais extorquindo as ovelhas, e os seus templos cheios de pessoas necessitadas, e o máximo que fazem é lhes dar uma cesta básica. Se somos cristãos, discípulos de Jesus, então as mulheres idosas são como nossas mães, os jovens como irmãos ou filhos, os idosos como nossos pais. “Nunca seja inscrita viúva com menos de sessenta anos, e só a que tenha sido mulher de um só marido; Tendo testemunho de boas obras: Se criou os filhos, se exercitou hospitalidade, se lavou os pés aos santos, se socorreu os aflitos, se praticou toda a boa obra. Mas não admitas as viúvas mais novas, porque, quando se tornam levianas contra Cristo, querem casar-se; Tendo já a sua condenação por haverem aniquilado a primeira fé.” (1 Timóteo 5:9-12). Mas é claro que devemos sempre observar, verificar sempre antes de ajudar, para que não sejamos enganados, pois são muitos os espertinhos que dizem estar passando por dificuldades, não sendo verdade. A igreja tem o compromisso de ajudar, socorrer a todos os que necessitam, digo todos os irmãos de fé, todos os que congregam junto, e essa ajuda tem que ser encabeçada pelo líder, pelo pastor. Temos que discernir, examinar, pois são muitas as pessoas que procuram um templo, uma denominação somente em busca de uma ajuda, querendo somente ser ajudadas, mas não têm compromisso com o Senhor. As pessoas com parentes em dificuldades têm a obrigação de socorrê-los, para que não fique pesado para a igreja. Fazemos parte da igreja de Cristo, somos da família de Jesus Cristo e temos a obrigação de ajudarmos uns aos outros, as congregações devem cuidar dos seus membros em todos os sentidos. “E, além disto, aprendem também a andar ociosas de casa em casa; e não só ociosas, mas também paroleiras e curiosas, falando o que não convém. Quero, pois, que as que são moças se casem, gerem filhos, governem a casa, e não deem ocasião ao adversário de maldizer; Porque já algumas se desviaram, indo após Satanás. Se algum crente ou alguma crente tem viúvas, socorra-as, e não se sobrecarregue a igreja, para que se possam sustentar as que deveras são viúvas. Os presbíteros que governam bem sejam estimados por dignos de duplicada honra, principalmente os que trabalham na Palavra e na doutrina; Porque diz a Escritura: Não ligarás a boca ao boi que debulha. E: Digno é o obreiro do seu salário.” (1 Timóteo 5:13-18).
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr. Henrique Lino


Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Comentários

Postagens Mais Acessadas

RAÇA DE VÍBORAS? QUEM SÃO?

E, vendo ele muitos dos fariseus e dos saduceus que vinham ao seu batismo, dizia-lhes: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira futura?(Mateus 3. 7)
           Aqui vemos como João Batista pregava, como ele falava e exortava para que os mesmos abandonassem os pecados e a religiosidade, muitos não gostavam porque achavam a pregação dura, mas João é aquele que foi enviado para preparar o caminho para Jesus, é o qual o Senhor testemunhou dele. “E eu vos digo que, entre os nascidos de mulheres, não há maior profeta do que João o Batista; mas o menor no Reino de Deus é maior do que ele.” (Lucas 7.28) João Batista não ficava alisando ego, não prometia bênçãos sem fim, nem mesmo prosperidade, mas chamava ao arrependimento. Ele não concordava com o fato de pecadores contumazes irem buscar somente o batismo com ele, ouvir a pregaçã o curta e direta dele, porém continuarem nos erros, nos pecados. Da mesma maneira existem hoje milhares de pessoas que gostam de ir à igrejas, de falarem o n…

A DIFERENÇA ENTRE O JUSTO E O ÍMPIO

Então vereis outra vez a diferença entre o justo e o ímpio; entre o que serve a Deus e o que não serve. (Malaquias 4.1)
                 Veja que a palavra de Deus chama a nossa atenção para que observemos as pessoas, que teme ao Senhor e as que não temem; devemos observá-las pela forma como vivem como enfrenta os problemas quando surgem, como educa e trata os seus familiares, e principalmente como reage diante do inesperado. Pois o mal vem sobre os justos e injustos, sobre bons e mal. “Para que sejais filhos do Pai que está nos céus; porque faz que o seu sol se levante sobre maus e bons e a chuva desça sobre justos e injustos.”(Mateus 5.45) Mas a diferença é exatamente como encaramos, pois se somos Justos, somos tementes e praticante da palavra, usaremos o nome e o poder do nome de Jesus e mandaremos o mal embora; e  também por maior que sej a o problema que estamos atravessando,   sabemos que vai passar logo, e temos paz, não perdemos a paz, e não nos desesperamos, pois a nossa confi…

FOME DA PALAVRA.

Eis que vêm dias, diz o Senhor Jeová, em que enviarei fome sobre a terra, não fome de pão, nem sede de água, mas de ouvir as palavras do Senhor. (Amós 8.11)
Temos um grande número de pessoas que buscam as igrejas somente para ouvir palavras de consolo, incentivo, ou bênçãos, pessoas estas que decoram alguns versículos e se pauta por eles, e exigem as suas bênçãos, e isto com respaldo, uma vez que pregadores estão distribuindo, ou vendendo bênçãos, prosperidade e tranqüilidade. Estas pessoas não querem saber de ouvir a verdade, não querem saber de obediência, querem salvação, e bênçãos somente por ir a igrejas. Chegará o dia que irão querer ouvir a palavra verdadeira e não acharão, não encontrarão a verdade, somente as mentiras, e engano como já existem muitos por ai. “E irão errantes de um mar até outro mar e do Norte até o Oriente; correrão por toda parte, buscando a Palavra do Senhor, e não acharão.” (Amós 8.12) As pessoas viajarão de um país a outro tentando encontrar pregadores da …