Pular para o conteúdo principal

VANTAGEM

“Qual é logo a vantagem do judeu? Ou qual a utilidade da circuncisão? Muita, em toda a maneira, porque, primeiramente, as palavras de Deus lhe foram confiadas.” (Romanos 3:1-2)

          As pessoas questionam o porquê ou a vantagem que os judeus têm sobre os cristãos espalhados pelos quatro cantos do mundo, isto porque todos nós sabemos que foram os judeus que prenderam Jesus e o entregaram para ser crucificado e morto. Quem prendeu e exigiu a morte de Jesus foram os judeus, e principalmente as autoridades eclesiásticas da época, os líderes, a nata da religião. Mas não podemos esquecer que a origem do cristianismo foi exatamente através desse povo, foi através de Israel, porque a Palavra foi enviada a eles, claro que sabemos que eles rejeitaram, que exigiram a morte do Filho de Deus, o próprio Deus. Mas como a Palavra de Deus não muda, apesar da rejeição deles, apesar de tudo isto, o Senhor tem compromisso com Israel, prova tal é que até hoje ela ainda não foi destruída. Nós só tomamos conhecimento do Evangelho por causa de Israel, como eles rejeitaram o Evangelho, Ele chegou até nós, mas toda origem é de Israel. Isso não quer dizer que inocenta os judeus, que são arrogantes, soberbos, idólatras, na sua maioria, mas Deus é tão maravilhoso que agora muitos judeus têm se convertido ao Senhor, têm se rendido a Jesus, e muitos mais virão, porque essa é a Palavra do Senhor. Não podemos jamais esquecer que Jesus, humanamente falando, era judeu, claro que não vivia como um judeu, mas apareceu, surgiu no meio desse povo. Não podemos esquecer que Deus é quem criou essa nação através de Abraão, mas é claro que eles pecaram e feio, foram desobedientes, e a própria Palavra não omite isso, mas também deixa claro que seriam punidos, mas a sua maioria seria salva, porque, por mais que neguem, ainda veremos a maioria dos judeus convertidos a Cristo. “Pois quê? Se alguns foram incrédulos, a sua incredulidade aniquilará a fidelidade de Deus? De maneira nenhuma; sempre seja Deus verdadeiro, e todo o homem mentiroso; como está escrito: Para que sejas justificado em tuas palavras, e venças quando fores julgado.” (Romanos 3:3-4). Como sabemos que a Palavra de Deus se cumpre sempre, de uma maneira ou de outra, sabemos então que Israel será salva pela Palavra de Deus. Apesar da incredulidade deles, apesar de amarem muito mais Davi do que Cristo, eles serão salvos pelo Senhor. Por causa da incredulidade deles, por causa dos seus erros é que sofrem tanto, mas logo, logo os veremos se render ao Senhor, mesmo porque Jesus está voltando.
 “E, se a nossa injustiça for causa da justiça de Deus, que diremos? Porventura será Deus injusto, trazendo ira sobre nós? (Falo como homem.) De maneira nenhuma; de outro modo, como julgará Deus o mundo?” (Romanos 3:5-6). Pela injustiça, pela incredulidade dos judeus, a Palavra se cumpre, pelas suas desobediências vemos a ação de Deus, vemos a sua Palavra se cumprir, assim como Deus usou Faraó endurecendo o seu coração, assim o Nome do Senhor (que é Santo para sempre Amém) foi glorificado através do Faraó, sua rebeldia fez com que todos vissem o Poder de Deus em ação, e assim todos viram testemunhos grandiosos, e muitos se curvaram a Ele. Assim também aconteceu com a rebeldia, a incredulidade do povo no deserto, que culminou com a morte de todos eles, exceto dois: Josué e Calebe, que serviu para mostrar o Poder de Deus e a sua Justiça. Assim, de uma maneira geral, nas várias vezes em que esse povo se rebelava contra Deus, contra a sua Palavra, o Senhor os entregava aos seus adversários, e eles eram mortos por espada, fome, pestes, mas, quando se arrependiam, o Senhor os salvava. Quando esse povo se rebelou contra o Senhor Deus, levantou a Babilônia, o rei Nabucodonosor, para punir Israel e levá-lo para o cativeiro, onde permaneceu por setenta anos, mas como a Babilônia agiu com excesso, com maldade, o Senhor a puniu, assim como os seus reis, iniciando por Nabucodonosor, e a Babilônia não existe mais. Assim também esses judeus que se rebelaram contra o Senhor, que preferem adorar Davi a Cristo, continuam sofrendo com ataques, contra inimigos de toda parte, mas não são destruídos, porque o Senhor disse que jamais seriam destruídos; a Palavra, a Justiça de Deus, sempre será mostrada e vista por todos os credos e incrédulos. “Mas, se pela minha mentira abundou mais a Verdade de Deus para Glória sua, por que sou eu ainda julgado também como pecador?” (Romanos 3:7). Então podemos questionar se por causa da incredulidade dos judeus, se por causa da religiosidade, dos abusos, e principalmente por causa da rebeldia e rejeição a Cristo, é mostrada Justiça de Deus, então não haveria por que eles serem punidos. Mas isso seria olhar de um lado puramente humano, porque a Justiça de Deus tem que ser mostrada de todas as maneiras. A bem da verdade, devemos saber que a nossa injustiça só serve para ressaltar a Justiça de Deus, as nossas rebeldias, nossos erros servem para mostrar que temos um Deus justo que não tem preferência, mas trata todos por igual. Assim sabemos que temos um Deus Justo e que a sua Palavra se cumpre, portanto, todo o tempo devemos saber que o Senhor salvará todos os que têm compromisso com a sua Palavra, todos os que observam os seus preceitos, e não por somente citar o seu Nome. “E por que não dizemos (como somos blasfemados, e como alguns dizem que dizemos): Façamos males, para que venham bens? A condenação desses é justa. Pois quê? Somos nós mais excelentes? De maneira nenhuma, pois já dantes demonstramos que, tanto judeus como gregos, todos estão debaixo do pecado; Como está escrito: não há um justo, nem um sequer. Não há ninguém que entenda; não há ninguém que busque a Deus.
Todos se extraviaram, e juntamente se fizeram inúteis. Não há quem faça o bem, não há nem um só. A sua garganta é um sepulcro aberto; com as suas línguas tratam enganosamente; peçonha de áspides está debaixo de seus lábios; Cuja boca está cheia de maldição e amargura. Os seus pés são ligeiros para derramar sangue. Em seus caminhos há destruição e miséria; E não conheceram o caminho da paz. Não há temor de Deus diante de seus olhos. Ora, nós sabemos que tudo o que a lei diz, aos que estão debaixo da lei o diz, para que toda a boca esteja fechada e todo o mundo seja condenável diante de Deus. Por isso nenhuma carne será justificada diante Dele pelas obras da lei, porque pela lei vem o conhecimento do pecado. Mas agora se manifestou sem a lei a justiça de Deus, tendo o testemunho da lei e dos profetas; Isto é, a justiça de Deus pela fé em Jesus Cristo para todos e sobre todos os que creem; porque não há diferença.” (Romanos 3:8-22).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr. Henrique Lino

Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Comentários

Postagens Mais Acessadas

RAÇA DE VÍBORAS? QUEM SÃO?

E, vendo ele muitos dos fariseus e dos saduceus que vinham ao seu batismo, dizia-lhes: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira futura?(Mateus 3. 7)
           Aqui vemos como João Batista pregava, como ele falava e exortava para que os mesmos abandonassem os pecados e a religiosidade, muitos não gostavam porque achavam a pregação dura, mas João é aquele que foi enviado para preparar o caminho para Jesus, é o qual o Senhor testemunhou dele. “E eu vos digo que, entre os nascidos de mulheres, não há maior profeta do que João o Batista; mas o menor no Reino de Deus é maior do que ele.” (Lucas 7.28) João Batista não ficava alisando ego, não prometia bênçãos sem fim, nem mesmo prosperidade, mas chamava ao arrependimento. Ele não concordava com o fato de pecadores contumazes irem buscar somente o batismo com ele, ouvir a pregaçã o curta e direta dele, porém continuarem nos erros, nos pecados. Da mesma maneira existem hoje milhares de pessoas que gostam de ir à igrejas, de falarem o n…

A DIFERENÇA ENTRE O JUSTO E O ÍMPIO

Então vereis outra vez a diferença entre o justo e o ímpio; entre o que serve a Deus e o que não serve. (Malaquias 4.1)
                 Veja que a palavra de Deus chama a nossa atenção para que observemos as pessoas, que teme ao Senhor e as que não temem; devemos observá-las pela forma como vivem como enfrenta os problemas quando surgem, como educa e trata os seus familiares, e principalmente como reage diante do inesperado. Pois o mal vem sobre os justos e injustos, sobre bons e mal. “Para que sejais filhos do Pai que está nos céus; porque faz que o seu sol se levante sobre maus e bons e a chuva desça sobre justos e injustos.”(Mateus 5.45) Mas a diferença é exatamente como encaramos, pois se somos Justos, somos tementes e praticante da palavra, usaremos o nome e o poder do nome de Jesus e mandaremos o mal embora; e  também por maior que sej a o problema que estamos atravessando,   sabemos que vai passar logo, e temos paz, não perdemos a paz, e não nos desesperamos, pois a nossa confi…

FOME DA PALAVRA.

Eis que vêm dias, diz o Senhor Jeová, em que enviarei fome sobre a terra, não fome de pão, nem sede de água, mas de ouvir as palavras do Senhor. (Amós 8.11)
Temos um grande número de pessoas que buscam as igrejas somente para ouvir palavras de consolo, incentivo, ou bênçãos, pessoas estas que decoram alguns versículos e se pauta por eles, e exigem as suas bênçãos, e isto com respaldo, uma vez que pregadores estão distribuindo, ou vendendo bênçãos, prosperidade e tranqüilidade. Estas pessoas não querem saber de ouvir a verdade, não querem saber de obediência, querem salvação, e bênçãos somente por ir a igrejas. Chegará o dia que irão querer ouvir a palavra verdadeira e não acharão, não encontrarão a verdade, somente as mentiras, e engano como já existem muitos por ai. “E irão errantes de um mar até outro mar e do Norte até o Oriente; correrão por toda parte, buscando a Palavra do Senhor, e não acharão.” (Amós 8.12) As pessoas viajarão de um país a outro tentando encontrar pregadores da …