NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

terça-feira, 31 de maio de 2016

AMANDO COMO JESUS

"Como o Pai me amou, também eu vos amei a vós; permanecei no meu amor." (João 15:9)

 Jesus foi e é muito amado por Deus Pai, e, como Ele mesmo disse, o Pai o amava porque Ele obedecia em tudo, obediência até a morte. Deus amou e ama Jesus e Jesus nos ama, mas só sentiremos esse amor, só o receberemos se imitarmos o próprio Senhor Jesus e lhe obedecermos. Não existe alternativa, a única demonstração aceita de amor para com o Senhor é a nossa obediência aos seus preceitos, não é por muito falar que o amamos, ou cantar, ou chorar, mas sim obedecer a sua Palavra, viver segundo o seu Evangelho. Temos que aprender a permanecer no amor de Cristo, assim como Ele permaneceu no amor do Pai. Gostamos de falar que somos discípulos de Jesus, mas não gostamos de passar por lutas, por sofrimentos. Devemos atentar para a vida de Jesus e então perceberemos que Ele aqui só passou por sofrimentos e lutas. Nasceu em uma manjedoura, lugar de animais, e logo após José teve que fugir com Ele para não ser morto. Durante o seu ministério terreno, sofreu todo tipo de perseguições, não ajuntou patrimônio aqui, foi perseguido, preso, espancado, humilhado, crucificado e morreu na cruz sendo um inocente. E a sua herança física foi somente as suas vestes, que os guardas dividiram entre si. Jesus sofreu tudo isso por amor ao Pai em obediência, e em nenhum momento reclamou, mas foi até o final. Por isso venceu, Ele permaneceu no amor do Pai. "Se guardardes os meus mandamentos, permanecereis no meu amor; do mesmo modo que eu tenho guardado os mandamentos de meu Pai, e permaneço no seu amor." (João 15:10). Para permanecermos no amor de Cristo, devemos guardar, viver, praticar os seus mandamentos. Caso contrário, não receberemos e nem desfrutaremos do seu amor, porque o Senhor vive pela obediência. Deus Pai nos deixou a sua Palavra, e Ele mesmo vive pela sua Palavra, o Senhor obedece a sua Palavra e não se desvia dela para ajudar, socorrer ou punir ninguém. Toda a maneira como o Senhor pode nos tratar ou abençoar está na sua Palavra, fora dela nada acontece, Ele não age. Quando vemos alguém que cita o Nome do Senhor, mas não pratica a sua Palavra, sabemos que não ama o Senhor e não está no amor Dele. Assim, sabemos que não existem segredos ou alguma fórmula mágica, o que existe é simplesmente a obediência. Portanto, sejamos sábios e vamos viver na obediência, para vivermos no amor do Senhor.
 "Tenho-vos dito isto, para que o meu gozo permaneça em vós, e o vosso gozo seja completo. O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros, assim como eu vos amei." (João 15:11-12). Jesus nos exorta para que pratiquemos a sua Palavra, seu Evangelho, para que a sua alegria, sua felicidade, sua paz estejam em nós. Ele deseja que a nossa alegria seja completa, e vivamos desfrutando do que Ele já nos deu, que é a vida. O que não podemos fazer é confusão, imaginar que a alegria do Senhor é que tenhamos dinheiro, casa, carro ou qualquer bem material, porque não vemos em nenhum momento Jesus prometendo qualquer coisa desse tipo. Viver o Evangelho de Jesus Cristo é amar o próximo como a nós mesmos, e sabemos que, se o praticarmos, nada faremos contra os nossos semelhantes. Amar o próximo como Jesus nos amou, que foi entregando a sua vida por nós, essa é a maior declaração de amor que alguém poderia dar. Amarmos o próximo, praticamos a Palavra do Senhor, temos que ser capazes de fazer o mesmo. Temos que aprender a amar o próximo, não somente os que nos amam, mas todos, os que nos fazem mal, os que nos ofendem, traem, humilham ou agridem, pois esse é o amor que o Senhor nos manda executar. Quem ama corrige, exorta, temos que imitar o tipo de amor de Cristo."Ninguém tem maior amor do que este, de dar alguém a sua vida pelos seus amigos. Vós sereis meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando." (João 15:13-14). Seremos amigos de Cristo se lhe obedecermos, se praticarmos os seus mandamentos; permaneceremos no seu amor se não olharmos para nós mesmos, mas para Ele. Jesus demonstrou o seu imenso amor para conosco ao entregar a sua vida por nós sendo pecadores. Agora nós devemos demonstrar o nosso amor para com Ele vivendo a sua Palavra. As pessoas confundem, são religiosas, porque acham que por chorar, clamar, o Senhor reconhecerá isso como amor. Mas o principal é sabermos que Ele é Santo, e, para nós nos aproximarmos Dele, devemos estar também em santidade. "Já vos não chamarei servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor; mas tenho-vos chamado amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos tenho feito conhecer." (João 15:15). Jesus nos chamou de amigos, isso porque Ele não escondeu nada de nós, mas tudo o que Ele ouviu do Pai Ele nos informou. Cristo tudo revelou para nós, assim como um amigo conta os seus segredos. Mas nós é que temos que ser amigos Dele e obedecer-lhe em tudo.
 "Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto em meu Nome pedirdes ao Pai Ele vô-lo conceda." (João 15:16). Todos os que vão a Cristo, que realmente fazem uma entrega verdadeira, que se submetem a sua vontade, não o foram por acaso, mas porque o Senhor já os tinha escolhido, já os tinha separado para si. Prova tal é que vemos muitas pessoas que estão há tanto tempo ouvindo a Palavra de Deus e não se convertem, outros nasceram em lares evangélicos, mas mesmo assim não são convertidos. Outros viveram a maior parte das suas vidas no mundo, vivendo em erro, totalmente afastados do Senhor, mas, quando ouvem a Palavra, ouvem a voz do Senhor, se entregam e são seus servos fiéis. Assim, sabemos que todos os que são servos do Senhor foram escolhidos por Jesus, e esses têm a função de produzir frutos bons, de dar testemunhos do Poder de Deus. Essas pessoas mostram, apresentam a face de Cristo, mostram o caráter do Senhor pela maneira de agir e viver, e têm poder e, quando falam, acontece. Isso porque o próprio Senhor vive, habita nessas pessoas. "Isto vos mando: Que vos ameis uns aos outros. Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós, me odiou a mim."(João 15:17-18).Jesus nos deu a ordem, já nos mandou amar o próximo como a nós mesmos, mostrando que esse é o segundo maior mandamento. Amar não de maneira humana, mas espiritual, e jamais concordar com erros e desobediências, pois isso não é amor. Não devemos nos preocupar jamais com a maneira com que o mundo, as pessoas nos tratam; devemos ter a preocupação de agradar o Senhor. Se formos motivo de chacotas, risos, escárnios, humilhações ou perseguições, deveremos nos alegrar, porque estamos agradando ao Senhor e desagradando ao mundo. Jesus foi odiado e perseguido, e, se o formos também por causa de seu Nome, estaremos simplesmente vivendo de acordo com a sua Palavra. O Senhor deixou bem claro que o paraíso não é aqui, porque neste mundo sofreremos, mas a vida estará Nele e com Ele. Assim, devemos agir como Paulo e sentir prazer nas lutas e perseguições, sabendo que, quando estamos fracos, é que somos fortes. "Se vós fôsseis do mundo, o mundo amaria o que era seu, mas porque não sois do mundo, antes eu vos escolhi do mundo, por isso é que o mundo vos odeia." (João 15:19).Se somos discípulos de Jesus, então não somos deste mundo que jaz no maligno, então são naturais e esperadas as perseguições e lutas em nossas vidas. Somo peregrinos aqui e caminhamos em direção ao Paraíso, e sabemos que é uma caminhada árdua. Assim temos de escolher permanecer no amor de Cristo ou não, obedecer a Ele ou não. "Lembrai-vos da Palavra que vos disse: Não é o servo maior do que o seu senhor. Se a mim me perseguiram, também vos perseguirão a vós; se guardaram a minha palavra, também guardarão a vossa. Mas tudo isto vos farão por causa do meu Nome, porque não conhecem Aquele que me enviou. Se eu não viera, nem lhes houvera falado, não teriam pecado, mas agora não têm desculpa do seu pecado." (João 15:20-22).
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino
Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário