NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

O APERTO DA MULTIDÃO

"E aconteceu que, apertando-o a multidão, para ouvir a Palavra de Deus, estava Ele junto ao lago de Genesaré." (Lucas 5:1)

 Jesus estava ministrando ao povo perto do lago, e como Ele já tinha curado a mãe de Pedro de uma febre, e o seu Nome já era conhecido, muitas pessoas estavam ali para conhecê-lo, ouvi-lo, e também para receberem um milagre. Onde Jesus estava sempre havia uma multidão de pessoas para ouvi-lo ou receber alguma coisa. Assim como muitos, faziam confusão, por não entenderem, compreenderem as Escrituras, queriam saber se Ele seria o Messias, porque esperavam o Messias como um rei físico de Israel. Esperavam alguém que pudesse livrar, libertar Israel do domínio de Roma. Pensavam que o Messias seria algum rei, como os do passado, ou, quem sabe, como algum dos juízes que haviam julgado Israel, como Gideão, Sansão e outros tantos. Por esse motivo e vários outros, sempre onde Jesus se encontrava existia uma multidão, por inúmeros motivos, mas a maioria estava em busca de soluções imediatistas e nada espirituais. Não é muito diferente do que acontece hoje, porque muitas são as pessoas que lotam os templos em busca de respostas, solução imediata para este ou aquele problema, mas não em busca de Jesus. As pessoas vão até Jesus somente para saber se Ele pode abençoá-las neste ou naquele aspecto, mas muito poucos visando ao lado espiritual. Usam o Senhor como um trampolim para obter o que desejam, e por tal motivo ainda hoje e sempre, onde Jesus estiver, haverá uma multidão. Se todos realmente conhecessem o Senhor, saberiam que se deve simplesmente buscá-lo porque Ele é o Senhor, Ele é Deus, e que o tendo elas têm tudo. Primeiramente, aprender a praticar a sua Palavra sabendo que tudo o mais Ele acrescenta, mas preferem buscar a bênção, em primeiro lugar. "E viu estar dois barcos junto à praia do lago; e os pescadores, havendo descido deles, estavam lavando as redes."(Lucas 5:2).Jesus, sendo apertado pelo povo que o cercava de todos os lados, viu os dois barcos dos pescadores, os quais estavam lavando as redes após uma noite de pesca infrutífera. Estavam agora limpando os apetrechos para os guardar. Temos que entender que Jesus estava em local aberto, onde não havia púlpito, altar, nada, e por isso a multidão o comprimia, impedindo-o, assim, até mesmo de ministrar a todos. Jesus os observou porque estava buscando uma maneira de poder ensinar o povo de uma maneira um pouco mais confortável.
 "E, entrando num dos barcos, que era o de Simão, pediu-lhe que o afastasse um pouco da terra; e, assentando-se, ensinava do barco a multidão." (Lucas 5:3). Jesus entrou em um barco, o barco que pertencia a Pedro, e lhe pede que se coloque a uma certa distância da terra, onde Ele poderia ver todos ou a sua maioria, e então pregar e falar a todos. Claro que não foi tão distante, senão não daria para Ele ser ouvido. Mas então, sentado no barco de Pedro, Jesus ministrou a todos, sem ser comprimido pela multidão. Já falamos que a principal atividade de Jesus foi ensinar o Evangelho, e não operar milagres; na verdade, os milagres serviam para mostrar o Poder de Deus e também para pregar a todos, para ensinar. Assim, do barco, Jesus ensinou a todos. Devemos observar que tudo no Senhor é com ordem e decência, tudo é feito de uma maneira organizada. Havia hora para iniciar e terminar, não eram aquelas pregações longas e cansativas, mas objetivas e diretas, além de curtas, mesmo porque Ele tinha que pregar em vários lugares e para muitas pessoas. "E, quando acabou de falar, disse a Simão: Faze-te ao mar alto, e lançai as vossas redes para pescar." (Lucas 5:4).Após encerrar aquela ministração - não sabemos exatamente o que foi citado, mas temos certeza de que envolvia o Reino, a salvação, pois em todas as suas pregações esse tema era abordado, mesmo porque foi o motivo da sua vinda, para nos dar salvação. Depois que encerrou a mensagem do momento, o ensino, Jesus vira para Pedro e o manda ir adiante, mais a fundo, adentrar mais o mar e lançar as redes de pesca. Sabemos que Jesus na sua infância e adolescência trabalhou, ajudou José com trabalhos de carpinteiro, que Ele era carpinteiro, mas não pescador. Mesmo não sendo pescador, Ele dá uma ordem a pescadores experimentados sobre pesca, manda-os atirar as redes onde antes tinham atirado e nada pescado."E, respondendo Simão, disse-lhe: Mestre, havendo trabalhado toda a noite, nada apanhamos; mas, sobre a tua Palavra, lançarei a rede." (Lucas 5:5). Pedro então lhe lembra que eles tinham ficado a noite toda tentando pescar e nada tinham conseguido, mas, como Ele estava mandando, ele o faria novamente. Pedro ressalta que tinha tentado a noite toda, mas sob a Palavra do Senhor lançaria as redes de novo. Pedro abriu mão do seu conhecimento, da lógica humana, da sua experiência como pescador, mas sob a Palavra de Jesus ele o faria novamente.
 "E, fazendo assim, colheram uma grande quantidade de peixes, e rompia-se-lhes a rede." (Lucas 5:6). Quando Pedro e seus colegas lançaram as redes, as encheram de peixes, e tão grande foi a pesca que as redes quase se rompiam. Onde antes nada pescaram agora encontraram uma grande quantidade, uma abundância de peixes. Se Pedro não tivesse ouvido o Senhor, nada teria pescado, se ele tivesse se firmado em seus conhecimentos, na lógica, na sua experiência, não teria presenciado aquele grande milagre. Mas por ele ter ouvido a Palavra do Senhor, obteve resultados imediatos. Quando esquecemos o que sabemos ou o que temos, quando abrimos mão de qualquer recurso humano e confiamos no Senhor, em sua Palavra, a resposta surge imediatamente. Temos somente que crer, que confiar, que praticar a fé, porque a Palavra se cumpre por inteiro. Nós não colhemos, não produzimos, não recebemos aquilo de que necessitamos porque não confiamos no Senhor, agimos segundo o nosso entendimento. Jesus era carpinteiro, Pedro pescador, mas o carpinteiro ensinou o pescador a pescar. "E fizeram sinal aos companheiros que estavam no outro barco, para que os fossem ajudar. E foram, e encheram ambos os barcos, de maneira tal que quase iam a pique."(Lucas 5:7).Pegaram tantos peixes que tiveram que chamar os seus companheiros com outro barco para ajudá-los. Quando nos submetemos à Palavra do Senhor, recebemos muito mais do que pensávamos, recebemos não só para nós, mas para todos os que estiverem ao nosso redor. Quando obedecemos ao Senhor, recebemos tudo de forma abundante, porque o nosso Deus é um Deus de fartura. Receberemos em nosso casamento, saúde, finanças, paz em todas as áreas, quando nos entregamos a Ele. É promessa do Senhor abrir rios no deserto, encher os nossos celeiros, mas, para que isto aconteça, devemos buscá-lo não por isso, mas por Ele ser Deus e querer nos submeter a sua Palavra. Jesus é o Verbo, é a Palavra, e, se obedecermos a ela, se a amarmos, com certeza não teremos que nos preocupar com mais nada. "E vendo isto Simão Pedro, prostrou-se aos pés de Jesus, dizendo: Senhor, ausenta-te de mim, que sou um homem pecador."(Lucas 5:8). Pedro, quando viu o milagre, caiu de joelhos diante de Jesus e pediu que se afastasse dele, pois era um pecador. Vemos a humildade de Pedro, que assumiu a sua condição de pecador, e nem mesmo se achava digno de estar na presença do Senhor. A primeira condição para chegarmos diante do Senhor é sabermos que somos pecadores e não somos dignos de nada, que somos salvos, abençoados graças a sua misericórdia e amor, e não por merecimento nosso. Humildade e reconhecimento são fundamentais para podermos nos aproximar do Senhor; é necessário entender que todos somos pecadores e confessar isto a Jesus, pois somente Ele pode nos salvar. Temos que crer em sua Palavra, obedecer para termos êxito. "Pois que o espanto se apoderara dele, e de todos os que com ele estavam, por causa da pesca de peixe que haviam feito. E, de igual modo, também de Tiago e João, filhos de Zebedeu, que eram companheiros de Simão. E disse Jesus a Simão: Não temas; de agora em diante serás pescador de homens. E, levando os barcos para terra, deixaram tudo, e o seguiram." (Lucas 5:9-11). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
 Pr.Henrique Lino 
 Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário