NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

quinta-feira, 9 de abril de 2015

PROVAR OS ESPÍRITOS

"Amados, não creiais a todo o espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo." (1 João 4:1)

   Diz sobre pessoa movida por espírito, quer Espírito Santo, quer um espírito maligno, ou simplesmente falando da carne. O profeta verdadeiro fala da parte de Deus, impelido pelo Espírito Santo. Já os falsos profetas falam sobre a influência de espírito afastado de Deus. Jesus Cristo advertiu muito seriamente sobre os falsos profetas. Antes de aceitar qualquer profecia, ou revelação, é necessário avaliar se o que está sendo profetizado, revelado, está plenamente de acordo com a Palavra de Deus, porque muitas são as características com as quais se podem identificar os falsos profetas, como o seu comportamento, o descontrole, o falar outras línguas para impressionar, o uso de linguagem antiga, ou da Almeida Corrigida, a exigência para que a pessoas recebam, concordem, e vários outros. São geralmente confusos, ou falam do passado, do acontecido, fazem profecias com palavras quase sempre de consolo. Temos que saber que não é preciso falar em línguas para entregar uma profecia, pois falar em línguas é a pessoa falando com Deus, e não o contrário. Também Deus não precisa usar uma linguagem antiga ou confusa, muito pelo contrário, o Senhor fala de maneira clara e direta. Deus não está preocupado com o passado, pois o que fizemos Ele sabe, e nós também, mas o Senhor sempre vai revelar o futuro, o que vai acontecer. As coisas do Senhor são claras, pacificas, portanto nervosismo, agitação nada têm a ver com Deus. Profecia tem que acontecer, se não acontecer, não foi o Senhor quem falou. "Nisto conhecereis o Espírito de Deus: Todo o espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne é de Deus." (1 João 4:2). Muitas religiões, pessoas falam e creem em um Jesus como um anjo, que estava na terra como Deus, um ser celestial. Mas é necessário compreender que Jesus vestiu-se de carnalidade; portanto, quando viveu aqui, Ele era simplesmente um homem como qualquer outro, caso contrário não poderia vencer. Jesus nasceu como qualquer pessoa normal, Ele entrou pela porta, viveu a maior parte da sua vida como uma pessoa normal, porque até os trinta anos não fez nada extraordinário. Jesus somente se revelou após o batismo, e, mesmo durante os três anos do seu ministério, tudo o que Ele fez foi como homem, e não como Deus, e qualquer um pode fazer o mesmo ou até mais, como Ele mesmo disse. Basta viver em santidade, revestir-se de poder, agir segundo os seus preceitos.
   "E todo o espírito que não confessa que Jesus Cristo veio em carne não é de Deus; mas este é o espírito do anticristo, do qual já ouvistes que há de vir, e eis que já agora está no mundo." (1 João 4:3). Todas as religiões, pessoas que falam, creem em um Jesus diferente, um que agiu como Deus aqui na terra estão no engano. Os que ensinam de maneira a levar as pessoas a acreditarem que Jesus somente fazia milagres porque era Deus estão equivocados e falam pelo espírito do anticristo. Infelizmente, são muitos os que não conhecem o Senhor e ensinam o engano, e como as pessoas têm preguiça de ler, meditar nas Escrituras, são enganadas pelos anticristos que proliferam nos templos. Os anticristos estão em toda parte, mas especialmente em templos que se dizem cristãos. São pessoas que falam no nome do Senhor, só que ensinam ao contrário Dele, e, por causa do analfabetismo bíblico, são muitos os enganados e divulgadores do ensino herético. "Filhinhos, sois de Deus, e já os tendes vencido; porque maior é o que está em vós do que o que está no mundo." (1 João 4:4). Mas nós, os que buscamos a verdade, queremos aprender e viver o Evangelho de Jesus Cristo, já somos vitoriosos Nele, porque o fato de o buscarmos com sede da Palavra da verdade demonstra que já vencemos o mundo, pois estamos rompendo com ele e com as suas vontades. Estamos abandonando as vontades da carne, os atrativos do mundo e estamos em busca da vida verdadeira e abundante e por toda a eternidade, porque o que comanda o mundo é o adversário, com as suas inúmeras armadilhas, levando muitos a viver aqui como se fosse o Paraíso, como se aqui fosse o lugar de descanso. Mas, assim como os hebreus saíram do Egito e vagaram pelo deserto durante quarenta anos, e a maioria morreu no deserto sem alcançar a terra prometida, muitos também estão desfalecendo pelo caminho. Estamos no caminho, no deserto, e, se não vigiarmos, também cairemos, morreremos neste deserto e não conheceremos a terra prometida por Jesus aos seus. "Do mundo são, por isso falam do mundo, e o mundo os ouve." (1 João 4:5). Todos os que amam o mundo, os prazeres e as conquistas mundanas são do mundo e não têm parte no Reino de Deus. Algumas pessoas têm a preocupação somente de serem abençoadas nesta ou naquela área, pensam que receber uma bênção é aprovação de conduta. Todas elas estão longe do Senhor, são pessoas do mundo, apesar de estarem frequentando uma denominação, templo. Não frequentam o Reino de Deus e nunca viverão lá, pois são mundanos, terrenos.
   "Nós somos de Deus; aquele que conhece a Deus ouve-nos; aquele que não é de Deus não nos ouve. Nisto conhecemos nós o Espírito da verdade e o espírito do erro." (1 João 4:6). Nós somos de Deus, somos filhos Dele, e não mais somente criaturas, porque buscamos viver segundo os seus preceitos. Somos de Deus porque Lhe obedecemos, e quem Lhe obedece é filho e O ama. Todos os que nos ouvem e aceitam a pregação da verdade, que aceitam o Evangelho de Jesus Cristo são de Deus. E, sendo de Deus, temos o Espírito Santo, e sabemos discernir o espírito de engano e reconhecer os anticristos. Agimos e vivemos de maneira espiritual, porque somos espirituais, e, portanto, sabemos discernir os espíritos de engano que proliferam pelo mundo. Somente nos ouve quem é do Senhor, porque não falamos de nós mesmos nem de uma denominação, falamos das leis do Reino de Deus. Todos os que não aceitam essa palavra não são do Senhor, não O conhecem, e neles habita o espírito do erro. "Amados, amemo-nos uns aos outros; porque o amor é de Deus; e qualquer que ama é nascido de Deus e conhece a Deus."(1 João 4:7). Para sermos filhos de Deus, devemos amá-Lo e amá-Lo é obedecer-Lhe, e o mandamento Dele é que nos amemos uns aos outros como a nós mesmos. Se não fazemos isso, demonstramos de maneira irrefutável que não O amamos, como a Escritura fala. Como podemos amar Deus que não vemos e odiar os nossos irmãos que vemos? Devemos amar todos, indistintamente, independentemente de qualquer coisa, desejar para o próximo o que desejamos para nós mesmos. Não esse amor vivido pelo mundo, em que tudo fazem por um animal de estimação e maltratam o ser humano, ou que amam os familiares e detestam outras pessoas. Isso não é amor, esses que assim vivem não são filhos de Deus. "Aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor." (1 João 4:8). Todos os que são incapazes de amar o próximo como a si mesmos, os que odeiam não sabem quem é o Senhor. Um dos nomes de Deus é amor e, se somos seus filhos, devemos também ser amor, andar em amor para com todos, e não podemos de maneira nenhuma escolher a quem amar. Quem não pratica, vive o amor bíblico não é filho de Deus. "Nisto se manifestou o amor de Deus para conosco: que Deus enviou seu Filho unigênito ao mundo, para que por Ele vivamos." (1 João 4:9).Deus, sendo amor, enviou o seu Filho em semelhança de homem para sofrer e morrer por todos nós, pecadores. Por esse motivo, Ele exige que nos amemos uns aos outros, e Ele deu prova desse amor sacrificial. "Nisto está o amor, não em que nós tenhamos amado a Deus, mas em que Ele nos amou a nós, e enviou seu Filho para propiciação pelos nossos pecados. Amados, se Deus assim nos amou, também nós devemos amar uns aos outros. Ninguém jamais viu a Deus; se nos amamos uns aos outros, Deus está em nós, e em nós é perfeito o seu amor.
Nisto conhecemos que estamos Nele, e Ele em nós, pois que nos deu do seu Espírito." (1 João 4:10:13).
 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino
Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. 
Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário