NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

PRATICA DA SANTIFICAÇÃO

"Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional." (Romanos 12:1)

O apóstolo Paulo nos ensina que,à medida que compreendemos a obra de Cristo no Calvário e as misericórdias do altíssimo em nosso favor, devemos ter somente uma reação: entregar-nos completamente em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus. Isso quer dizer que o cristão deve viver em completa consagração ao Senhor, na busca de uma vida santa, o que inclui também o corpo, pois esse deve ser o instrumento de justiça, e não de pecado. É necessário que exista uma entrega total ao Senhor, não só com os lábios, mas consagrar toda a existência a Ele, isto é, viver de acordo com os preceitos estabelecidos por Deus. Nosso corpo tem que ser local de cultuar o Senhor; somos templos do Espírito Santo; morada, casa Dele, portanto é nosso dever manter a sua casa limpa e adornada, sem sujeira ou impurezas. Oferecer-se em sacrifício é não atender a vontade da carne, mas fazer a vontade do espírito, é se santificar, mas a santificação aqui exigida não é fazer sacrifícios comuns, mesmo porque o único sacrifício aceitável foi o do Senhor Jesus, o Cordeiro de Deus. O sacrifício do nosso corpo é simplesmente viver de acordo com a Palavra de Deus, é não ceder às tentações, ao pecado, é fugir das tentações. A nossa diversão e o nosso prazer têm que ser servir e agradar a Deus, e não satisfazer a nossa carne. "E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus."(Romanos 12:2). De igual maneira, a mente do servo de Deus precisa ser renovada, a fim de rejeitar os padrões do mundo. Isso ocorre quando damos ouvidos ao que o Senhor declara em sua Palavra, pois somente ela tem o poder de fazer a mudança necessária em nosso entendimento. Desse modo, poderemos experimentar a vontade divina, a qual é boa, agradável e perfeita em todos os sentidos. "Porque pela graça que me é dada, digo a cada um dentre vós que não pense de si mesmo além do que convém; antes, pense com moderação, conforme a medida da fé que Deus repartiu a cada um." (Romanos 12:3). A Graça que nos foi dada é a origem de todo o nosso relacionamento com o Pai, pois fomos salvos por meio dela. Sem a Graça estaríamos perdidos para sempre, e nada do que fizéssemos poderia nos salvar.
"Porque assim como em um corpo temos muitos membros, e nem todos os membros têm a mesma operação, Assim nós, que somos muitos, somos um só corpo em Cristo, mas individualmente somos membros uns dos outros." (Romanos 12:4-5). Por essa mesma Graça, recebemos os dons, que são as habilidades para o serviço no Reino de Deus e que operam segundo a medida da nossa fé. Esses dons são vários, e todos com uma função específica, que deve ser aplicada para o engrandecimento do Reino, e não para uso particular. Na verdade são ferramentas, instrumentos que devemos usar na grande obra de Evangelização. "De modo que, tendo diferentes dons, segundo a graça que nos é dada, se é profecia, seja ela segundo a medida da fé; Se é ministério, seja em ministrar; se é ensinar, haja dedicação ao ensino; Ou o que exorta, use esse dom em exortar; o que reparte, faça-o com liberalidade; o que preside, com cuidado; o que exercita misericórdia, com alegria. O amor seja não fingido. Aborrecei o mal e apegai-vos ao bem." (Romanos 12:6-9). Neste trecho, são listados alguns dons (profecia, ministério, ensino, exortação, contribuição, liderança e misericórdia), assim como recomendações para os que os exercem. Somos diferentes quanto aos talentos, à personalidade e história de vida, mas, apesar disso, somos um só corpo em Cristo, porque temos o mesmo Espírito habitando em nós, o mesmo Evangelho, a mesma Palavra de esperança. É necessário que cada um de nós use suas aptidões, a fim de que o Reino do Senhor e o seu amor se manifestem na igreja e no mundo. "Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros. Não sejais vagarosos no cuidado; sede fervorosos no espírito, servindo ao Senhor; Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, perseverai na oração."(Romanos 12:10-12). Neste trecho, encontram-se recomendações quanto ao viver em comunidade. Primeiro, o apóstolo Paulo tratou do convívio entre os crentes. A essência de suas palavras é o amor sem fingimento, o qual tem origem no próprio Deus. De fato, amar o próximo é o segundo maior mandamento mais importante, é a base para a prática das virtudes cristãs ensinadas neste capítulo.
"Comunicai com os santos nas suas necessidades, segui a hospitalidade; Abençoai aos que vos perseguem, abençoai, e não amaldiçoeis." (Romanos 12:13-14).Sinceridade, discernimento, afeição, honra, entusiasmo no serviço, paciência, generosidade, bênção(e não maldição), harmonia e humildade. Em seguida, Paulo ensinou que o cristão deve viver em paz com todos os homens, quando depender dele. Porém, se isso não for possível, a postura correta é amar o inimigo e bendizer quem o maldiz, fazer o bem a quem o odeia e orar por aquele que o maltrata. "Alegrai-vos com os que se alegram; e chorai com os que choram; Sede unânimes entre vós; não ambicioneis coisas altas, mas acomodai-vos às humildes; não sejais sábios em vós mesmos; A ninguém torneis mal por mal; procurai as coisas honestas, perante todos os homens.Se for possível, quanto estiver em vós, tende paz com todos os homens."(Romanos 12:15-18). Agindo assim, estará sendo realmente um cristão e apresentando o corpo em sacrifício vivo ao Senhor, e,consequentemente, conhecendo qual é a vontade perfeita e agradável do Senhor. Oferecer-se como sacrifício vivo é exatamente isto: praticar o amor ao próximo, é imitar esse sentimento Divino, amando sem distinçãoas pessoas, amando quem quiser destruí-lo. Santificar é mais do que somente orar e jejuar, é viver segundo os preceitos estabelecidos pelo Senhor, porque nada valem jejum, orações, misturados com práticas erradas, com o pecado. "Clama em alta voz, não te detenhas, levanta a tua voz como a trombeta e anuncia ao meu povo a sua transgressão, e à casa de Jacó os seus pecados. Todavia me procuram cada dia, tomam prazer em saber os meus caminhos, como um povo que pratica justiça, e não deixa o direito do seu Deus; perguntam-me pelos direitos da justiça, e têm prazer em se chegarem a Deus, Dizendo: Por que jejuamos nós, e tu não atentas para isso? Por que afligimos as nossas almas, e tu não o sabes? Eis que no dia em que jejuais achais o vosso próprio contentamento, e requereis todo o vosso trabalho. Eis que para contendas e debates jejuais, e para ferirdes com punho iníquo; não jejueis como hoje, para fazer ouvir a vossa voz no alto.Seria este o jejum que eu escolheria, que o homem um dia aflija a sua alma, que incline a sua cabeça como o junco, e estenda debaixo de si saco e cinza? Chamarias tu a isto jejum e dia aprazível ao Senhor?Porventura não é este o jejum que escolhi, que soltes as ligaduras da impiedade, que desfaças as ataduras do jugo e que deixes livres os oprimidos,e despedaces todo o jugo? Porventura não é também que repartas o teu pão com o faminto, e recolhas em casa os pobres abandonados; e, quando vires o nu, o cubras, e não te escondas da tua carne? Então romperá a tua luz como a alva, e a tua cura apressadamente brotará, e a tua justiça irá adiante de ti, e a glória do Senhor será a tua retaguarda.Então clamarás, e o Senhor te responderá; gritarás, e ele dirá: Eis-me aqui. Se tirares do meio de ti o jugo, o estender do dedo, e o falar iniquamente;E se abrires a tua alma ao faminto, e fartares a alma aflita; então a tua luz nascerá nas trevas, e a tua escuridão será como o meio-dia.E o Senhor te guiará continuamente, e fartará a tua alma em lugares áridos, e fortificará os teus ossos; e serás como um jardim regado, e como um manancial, cujas águas nunca faltam.E os que de ti procederem edificarão as antigas ruínas; e levantarás os fundamentos de geração em geração; e chamar-te-ão reparador das roturas, e restaurador de veredas para morar."(Isaías58:1-12).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr.Henrique Lino
Se você está passando por algum problema na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. 
Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário