NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

A PROMESSA É JESUS

"Ó insensatos gálatas! quem vos fascinou para não obedecerdes à verdade, a vós, perante os olhos de quem Jesus Cristo foi evidenciado, crucificado, entre vós?" (Gálatas 3:1)

Paulo repreendeu os gálatas severamente a ponto de dizer que eles tinham-se separado da Verdade de Cristo, sendo seduzidos pelo ensino dos judaizantes. Mas essa repreensão deve ser aplicada aos tantos que se afastam do Evangelho de Jesus Cristo seduzidos por ensinos diferentes, difundidos por vários ministérios: a fascinação pela facilidade, pela barganha oferecida em prol de bênção e respostas, o sacrifício que muito atrai as pessoas que se esquecem de que o único sacrifício aceitável foi de Jesus, e que tudo se encerrou em Cristo."Só quisera saber isto de vós: recebestes o Espírito pelas obras da lei ou pela pregação da fé? Sois vós tão insensatos que, tendo começado pelo Espírito, acabeis agora pela carne? Será em vão que tenhais padecido tanto? Se é que isso também foi em vão." (Gálatas 3:2-4). Muitos vêm para Cristo, para o Evangelho de maneira correta, vêm pela fé, e geralmente em momento de desespero, não tendo a quem recorrer, resolvem confiar no Senhor e se entregam, mas, com o passar dos tempos, e ouvindo pregações estranhas e mentirosas, acabam abandonando a fé e procurando as obras. Pessoas que buscavam o Senhor, que se santificavam, que criam nas promessas do Senhor, com o tempo estão debandando para outro evangelho, crendo em tudo, mas não creem em Jesus, por vários motivos: ou pelo rigor do Evangelho ou pela falta do mesmo; motivos vários criados para justificarem a prática de um outro ensino. Antes era pela fé em Jesus, agora é pela negociação, sacrifício. Pessoas sempre querem saber se não estão fazendo pouco, querem fazer mais sacrifícios para o Senhor, em troca de bênçãos e respostas. "Aquele, pois, que vos dá o Espírito, e que opera maravilhas entre vós, fá-lo pelas obras da lei, ou pela pregação da fé?" (Gálatas 3:5). Não se recebe o Espírito Santo por nenhum sacrifício nem nenhum comércio, não é por rosa, palito, fitinha, não é por ofertar tudo o que tem, ou fazendo desafio a Deus, ou fogueira, campanhas. Recebemos o Espírito Santo por Jesus Cristo, recebemos pela Palavra, quando a ouvimos e a recebemos em nossos corações, porque,em todas as promessas, a lei se finda em Jesus, e só podemos receber Dele.
"Assim como Abraão creu em Deus, e isso lhe foi imputado como justiça. Sabei, pois, que os que são da fé são filhos de Abraão." (Gálatas 3:6-7). O pai da fé, que é Abraão, que agiu e viveu pela fé, somente teve obra pela fé. Saiu do meio dos parentes, foi para um lugar que nem sabia que existia, vagou por terras estranhas somente com a promessa de Deus de que tudo seria dos seus herdeiros, quando ele não tinha filhos e era velho. Recebeu a promessa de que todos os povos seriam benditos nele, quando aos olhos humanos era impossível ele e a sua mulher terem filhos, uma vez que a sua esposa Sarai era bem idosa. Os que são da fé, que vivem pela fé são filhos de Abraão, e não os da lei. "Ora, tendo a Escritura previsto que Deus havia de justificar pela fé os gentios, anunciou primeiro o Evangelho a Abraão, dizendo: Todas as nações serão benditas em ti."(Gálatas 3:8). Gentios éramos nós antes de conhecer o Evangelho, fomos alcançados graças à fé de Abraão, e por isto somos benditos Nele, mesmo porque a promessa de Deus para Abraão se finda em Jesus. Somos benditos em Abraão por Jesus, a Graça veio através de Jesus, mas a promessa foi feita a Abraão assim como a lei é de Moisés, muitos antes de Jesus vir."De sorte que os que são da fé são benditos com o crente Abraão." (Gálatas 3:9). Os que vivem na fé, os que recebem o Senhor Jesus e o deixam dirigir as suas vidas são benditos em Abraão, pois ele é o nosso pai na fé. Não por laços sanguíneos, mas pela fé em Deus, por crer nas promessas do Senhor, assim devemos imitar a sua fé. "Todos aqueles, pois, que são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque está escrito: Maldito todo aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no livro da lei, para fazê-las."(Gálatas 3:10). Por isto todos os que baseiam a sua religião na lei, nas obras da carne estão debaixo de maldição, mas, para viver e praticar a lei, tem que a cumprir por inteira, como ninguém consegue fazer isto, então são malditos do Senhor. É impossível alguém viver na prática da lei por inteira, e, por tal motivo, por mais que tente, não conseguirá, e, se não a cumprir por inteira, é maldito. Portanto, vivamos na Graça, nas bendições de Abraão, pois a Palavra de Deus se cumpre em Jesus. "E é evidente que pela lei ninguém será justificado diante de Deus, porque o justo viverá da fé. Ora, a lei não é da fé; mas o homem, que fizer estas coisas, por elas viverá." (Gálatas 3:11-12). A lei não consegue justificar ninguém diante de Deus, mesmo porque existe a impossibilidade de a cumprir integralmente; e não podemos esquecer que a lei veio para mostrar o erro, o pecado, pois sem lei não existia pecado. Só se sabe que algo é errado se existir alguma lei que mostre que o é. A lei não é da fé, mas, se alguém conseguir cumpri-la integralmente, viverá. Isso aconteceu com Jesus, que cumpriu toda a lei, somente Ele a cumpriu toda.
"Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro; Para que a bênção de Abraão chegasse aos gentios por Jesus Cristo, e para que pela fé nós recebamos a promessa do Espírito." (Gálatas 3:13-14). Jesus cumpriu toda a lei e nos libertou da obrigatoriedade de cumpri-la, e nos deu as suas ordenanças baseadas na Graça. Ele assumiu todas as nossas culpas e ainda foi ao madeiro, à cruz, fazendo-se maldito em nossos lugares, em lugar de todos nós que não conseguiríamos cumprir toda a lei. Ele fez isso para que as bênçãos chegassem até todos nós, e assim recebêssemos a promessa do Espírito que foi feita a Abraão. Somente Jesus podia nos libertar. Fomos comprados, Não somos da lei, mas da Graça em Cristo Jesus. "Irmãos, como homem falo; se a aliança de um homem for confirmada, ninguém a anula nem a acrescenta." (Gálatas 3:15) Um testamento é a vontade expressa de uma pessoa que só tem valor, validade após a morte do testador, ou seja, enquanto ele viver, ele nada vale. Testamento são os desejos de alguém, são determinações para serem cumpridas após a sua morte. Depois que a pessoa morreu, o testamento não pode ser anulado, nem modificado, somente cumprido. A aliança, o testamento de Abraão se cumpriu em Jesus, e a de Jesus se cumpriu em nós, os que somos da fé."Ora, as promessas foram feitas a Abraão e à sua descendência. Não diz: E às descendências, como falando de muitas, mas como de uma só: E à tua descendência, que é Cristo." (Gálatas 3:16). A descendência citada na promessa se refere a Jesus, mesmo porque ela fala no singular e não no plural, portanto ela se cumpriu em Jesus. A bênção do Senhor, a promessa, a aliança, o testamento, a lei se cumpre em Jesus. Tudo se encerra em Jesus. Ele é o novo testamento, a nova aliança, a Ele que temos que ouvir. "E desceu uma nuvem que os cobriu com a sua sombra, e saiu da nuvem uma voz que dizia: Este é o meu filho amado; a ele ouvi." (Marcos 9:7). A bênção de Abraão se cumpre em Jesus, a fé praticada por Abraão possibilitou o cumprimento da promessa, e por isso somos alcançados pela Graça e pela fé. A lei não é invalidada, pois por ela conhecemos os nossos pecados, mas ela é incapaz de salvar, a salvação vem por Jesus. "Mas digo isto: Que tendo sido a aliança anteriormente confirmada por Deus em Cristo, a lei, que veio quatrocentos e trinta anos depois, não a invalida, de forma a abolir a promessa." (Gálatas 3:17). A promessa que veio através Abraão não invalida a lei que veio através de Moisés, mesmo porque a lei aconteceu para contribuir para a concretização da promessa em Cristo. A promessa de Abraão se cumpre em Jesus, assim como a lei também. Em tudo é só Jesus. "Porque, se a herança provém da lei, já não provém da promessa; mas Deus pela promessa a deu gratuitamente a Abraão." (Gálatas 3:18).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr.Henrique Lino


Se você está passando por algum problema na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. 
Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário