NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

quarta-feira, 16 de abril de 2014

DESDE DO PRINCIPIO.

"O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que temos contemplado, e as nossas mãos tocaram da Palavra da vida.” (1 João 1:1)

            João, o discípulo amado, faz uma afirmação grandiosa, pois relata o que ele viveu, uma vez que esteve durante três anos com o Senhor Jesus, e o tocou, com Ele conviveu e assim presenciou inúmeros milagres; teve o privilégio de beber a sabedoria, a água viva diretamente da fonte, que é Cristo. Jesus, sendo o Verbo encarnado, a Palavra, esteve durante três anos, que foi a duração do seu ministério terreno, acompanhado por várias pessoas, mas somente doze permaneceram até o final. Uma se perdeu, que foi Judas Iscariotes, o traidor, mas, por meio de todo o restante foi fundada a igreja. O que faz a afirmação de João ser grandiosa é o fato de sempre ele afirmar e se referir a Jesus como o Verbo, a Palavra, pois a maioria dos religiosos não tem esse conhecimento de que Jesus é o Verbo, é a Palavra, e, se queremos ver, falar com Ele ainda hoje, agora, é através da Palavra, das Escrituras, da Bíblia. Fora dela não é Ele, não existem nova revelação e novos ensinamentos, o que Ele falou continua falando e continuará até o grande Dia. "Porque a vida foi manifestada, e nós a vimos, e testificamos dela, e vos anunciamos a vida eterna, que estava com o Pai, e nos foi manifestada.” (1 João 1:2). João nos fala que a Vida, a verdadeira Vida, foi manifestada em carne e osso; a Vida que estava com Deus, a vida eterna, a vida em abundância, e ele é testemunha junto com os outros discípulos,  por esse motivo ele é testemunha fiel de tudo o que viu, ouviu. É fantástico sabermos que o nosso Salvador esteve com ele e ainda deixou mandamentos, recados, mensagens para nós séculos depois; e tudo é real e atual. Quando lemos algo nas Escrituras, é para aprendermos e, fundamentalmente, colocar em prática, pois o que entendemos é o que o Senhor Jesus está falando conosco, e sempre quando queremos resposta para alguma coisa, algum problema, devemos orar, mas a resposta  está ao nosso alcance, é somente pesquisar nas Escrituras que lá está a resposta. Lá Jesus nos dará a resposta a qualquer problema, portanto, não dependemos que alguém venha nos dizer a vontade de Deus, pois ela está ao alcance de todos.
            "O que vimos e ouvimos, isso vos anunciamos, para que também tenhais comunhão conosco; e a nossa comunhão é com o Pai, e com seu Filho Jesus Cristo.”(1 João 1:3).Devemos ter comunhão com  todos os irmãos; digo irmãos os que aceitam a paternidade, que aceitam Deus como Pai, e aceitar é concordar com Ele; é praticar os seus mandamentos, com esses devemos ter comunhão. Devemos observar que não é só dizer que é filho, mas viver e obedecer ao Pai, esses sim são os filhos e filhas. Nós todos temos que ter comunhão com o Pai, e se não vivemos como Ele determina, não temos comunhão com Ele,  que disse: "Sede santos pois eu sou santo”, e sem santificação ninguém verá Deus. Portanto, não adianta ter comunhão com pessoas que se dizem filhos, mas que vivem em desobediência. Como estão em desobediência, quem tem comunhão com eles está em concordância, portanto não tem comunhão com o Pai, que é santo. "Estas coisas vos escrevemos, para que o vosso gozo se cumpra. E esta é a mensagem que dele ouvimos, e vos anunciamos: que Deus é luz, e não há nele treva nenhuma.” (1 João 1:4-5). Essas palavras são escritas para que nosso gozo, nossa alegria seja completa, intensa, e para que a nossa felicidade seja completa e alcançada, é necessário sabermos que o Senhor é luz, é conhecimento, e  Nele não existe nenhuma sombra, nenhum lado escuro, portanto, se  somos seus filhos, devemos andar na luz, e nada termos de trevas, de escondido em nossas vidas.  Quando há luz, há conhecimento, mas, quando há trevas, há segredo, há coisas escondidas, e isso nada tem a ver com o Senhor. Se pecamos e achamos que ninguém viu ou de nada sabe, tenhamos certeza de que tudo está claro e patente aos olhos do nosso Criador, nada podemos esconder Dele. Esses pecados não confessados, essas práticas somente nos afastam Dele. "Se dissermos que temos comunhão com ele, e andarmos em trevas, mentimos, e não praticamos a verdade.” (1 João 1:6). Quando falamos que somos filhos de Deus, Ele nos entende, compreende  e abençoa, mas se estamos em pecado, em práticas erradas, estamos mentindo, se não estamos vivendo de acordo com a Palavra Dele, se somos desobedientes, rebeldes e queremos que mesmo assim Ele entenda as nossas situações por este ou aquele motivo, com certeza estamos em trevas, estamos na mentira, estamos assumindo o filho do diabo. A comunhão com Ele é viver em obediência a sua Palavra.
         "Mas, se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus Cristo, seu Filho, nos purifica de todo o pecado.” (1 João 1:7). Se vivemos em santidade, se vivermos segundo as suas ordenanças, se temos comunhão com os da mesma fé, por mais que tenhamos pecado, errado, no passado, por ignorância, agora  somos livres de pecado e somos perdoados de tudo. Através de Jesus, Deus não se lembra mais do nosso passado, porque  Cristo veio para nos dar vida e vida em abundâncias. "Se dissermos que não temos pecado, enganamo-nos a nós mesmos, e não há verdade em nós.” (1 João 1:8). Se  viermos a Ele dizendo que somos santos, que não pecamos, estamos sendo falsos, hipócritas, mentirosos, pois todos nós somos pecadores e fomos destituídos de poder, e só temos poder, libertação, purificação dos nossos pecados em Jesus, se assumirmos a nossa condição de pecadores e formos a Ele com esse reconhecimento pedindo perdão e nos arrepender,  e não mais errar. "Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça.” (1 João 1:9). Não podemos deixar nada nas trevas, nada escondido,  devemos confessar todos os nossos pecados a Ele, mesmo porque Ele já os conhece, e devemos pedir perdão, pois, sendo um pedido verdadeiro, no mesmo instante seremos perdoados; devemos ir até Ele e não repetir o erro. "Se dissermos que não pecamos, fazemo-lo mentiroso, e a sua palavra não está em nós.” (1 João 1:10).
 Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
                                    Pr.Henrique Lino 
Se você está passando por algum problema na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição 24 horas por dia para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual.
https://www.facebook.com/atalaiadedeus Skype: atalaiadedeusVisitem nosso site(www.atalaiadedeus.com.br) - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo divulgar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração e oferta de amor. "Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.” II Co 9:7 Ofertar é um privilegio. Semeando qualquer valor você estará contribuindo com a expansão do Reino de Deus. Envie sua oferta em nome de 
MINISTÉRIO ATALAIA DO EVANGELHO DE DEUS
BANCO ITAU
AGENCIA: 1639 CONTA CORRENTE: 61520-0
Banco: CAIXA ECÔNOMICA
AGÊNÇIA: 1529 OPERAÇÃO: 022 CONTA POUPANÇA NÚMERO: 230-5
Você será um agente evangelizador deste Ministério.
Sua colaboração é muito importante para nós.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário