NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

sexta-feira, 21 de março de 2014

DIVIDINDO OS DESPOJOS.

Tendo, pois, os soldados crucificado a Jesus, tomaram as suas vestes e fizeram quatro partes, para cada soldado uma parte; e também a túnica. A túnica, porém, tecida toda de alto a baixo, não tinha costura. (João 19:23)

            Quando prenderam Jesus e o conduziram para a crucificação, o despojo, ou melhor, a herança física Dele foi somente as suas roupas, as suas vestes, que foram divididas  pelos guardas, e ainda  jogaram sorte para ver  quem ficaria com a túnica, e tudo isto já estava previsto, porque o Antigo Testamento está repleto de profecias a respeito do Messias:"Repartem entre si as minhas vestes e lançam sortes sobre a minha roupa”.(Salmos 22:12). Jesus,  o filho de Deus veio ao mundo, nasceu em uma manjedoura, um lugar para animais, apesar de ser o Dono de tudo. Deus poderia ter escolhido um palácio para que Ele nascesse, mas não foi assim, e, quando morreu, nada tinha a não ser a roupa do corpo. Herança física não deixou, mas nos fez ricos Nele, pois a sua preocupação era e é com a nossa salvação: "Disseram, pois, uns aos outros: não a rasguemos, mas lancemos sortes sobre ela, para ver de quem será. Para que se cumprisse a Escritura que diz: Repartiram entre si as minhas vestes, e sobre a minha vestidura lançaram sortes.” (João 19:24). A preocupação do Senhor era cumprir todos os mandamentos, os preceitos do Pai, pois  tudo já estava determinado e  Nele se cumpriu toda revelação, toda profecia a respeito do Messias.  Jesus tinha preocupação com a comunhão dos que são luz, prova tal que Maria, sua mãe terrena, era convertida, mas os seus filhos ainda não o eram, e a conversão deles, principalmente de Judas e Tiago, só veio a acontecer depois da sua morte, e por isto deu encargos ao discípulo João. "E junto à cruz de Jesus estava sua mãe, e a irmã de sua mãe, Maria mulher de Clopas, e Maria Madalena. Ora Jesus, vendo ali sua mãe, e que o discípulo a quem ele amava estava presente, disse a sua mãe: Mulher, eis aí o teu filho.” (João 19:25-26). João, o autor deste Evangelho, que se identifica como o discípulo a quem Jesus amava, nos fala que  Ele olhou para Maria e disse que João seria seu filho, ou seja, para ir com ele, cuidar dele como mãe, pois ambos eram convertidos.
            "Depois disse ao discípulo: Eis aí tua mãe. E desde aquela hora o discípulo a recebeu em sua casa.”(João 19:27). E  determinou a João que recebesse e cuidasse de Maria como se fosse a sua própria mãe, e  foi o que aconteceu, e sempre estavam juntos e perseverando em orações,  e essa perseverança deu frutos, porquanto, depois da ascensão, ela e os irmãos de Jesus estavam com os apóstolos em oração, esperando o Espírito Santo. "Depois, sabendo Jesus que já todas as coisas estavam terminadas, para que a Escritura se cumprisse, disse: Tenho sede.” (João 19:28). Jesus, vendo que tinha concluído toda a sua obra, tinha feito tudo o que o Pai tinha determinado que fizesse,  no último ato que dependia Dele, pois a Escritura já citava esse gesto, então Ele pediu água. "Deram-me fel por mantimento, e na minha sede me deram a beber vinagre.” (Salmos 69:21). Quando Jesus pediu água, Ele sabia que iriam lhe trazer vinagre, pois era a Palavra."Estava, pois, ali um vaso cheio de vinagre. E encheram de vinagre uma esponja, e, pondo-a num hissope, lha chegaram à boca. E, quando Jesus tomou o vinagre, disse: Está consumado. E, inclinando a cabeça, entregou o espírito.” (João 19:29-30). A função do vinagre era, naquela época, a de anestésico, ou seja, uma vez que a morte na cruz, ou por crucificação, se dá na verdade por sufocação, porque a pessoa crucificada, para manter a respiração, tem que fazer forças para se sustentar, erguer, e assim respirar, com o cansaço, ou estão anestesiado, não faz esse esforço e morre  logo.  Quando o ultimo ato previsto nas Escritura  foi cumprido, Jesus então se entregou, entregou o seu Espírito, eles não mataram Jesus. Ele se entregou por nós. "Os judeus, pois, para que no sábado não ficassem os corpos na cruz, visto como era a preparação (pois era grande o dia de sábado), rogaram a Pilatos que se lhes quebrassem as pernas, e fossem tirados.” (João 19:31). Prova tal que os judeus não queriam deixar as cruzes no dia de sábado foi que mandaram que quebrassem as pernas, pois  a pessoa com as pernas quebradas não teria como se sustentar na cruz e erguer-se para respirar. Portanto, queriam que Jesus morresse logo, mas não sabiam que Ele já tinha se entregado, para que se cumprisse outra profecia a seu respeito.
            "Foram, pois, os soldados, e, na verdade, quebraram as pernas ao primeiro, e ao outro que como ele fora crucificado. Mas, vindo a Jesus, e vendo-o já morto, não lhe quebraram as pernas. "(João 19:32-33). Deus, como diz a Escritura, já tinha predito que nenhum osso se quebraria Dele, portanto, ao encontrá-lo já morto, não houve mais a necessidade de lhe quebrar a perna. A Palavra se cumpre. (Ele lhe guarda todos os seus ossos; nem sequer um deles se quebra. Salmos 34:20). Jesus morreu voluntariamente por nós, e com isso o diabo foi derrotado, o pecado vencido, e o homem resgatado das trevas e transportado para o Reino do Filho de Deus."Contudo um dos soldados lhe furou o lado com uma lança, e logo saiu sangue e água. E aquele que o viu testificou, e o seu testemunho é verdadeiro; e sabe que é verdade o que diz, para que também vós o creiais.” (João 19:34-35). O soldado o furou, mas saiu água e sangue,  somente vida tinha em Jesus, pois Ele é vida. "Porque isto aconteceu para que se cumprisse a Escritura, que diz: Nenhum dos seus ossos será quebrado. E outra vez diz a Escritura: Verão aquele que traspassaram.” (João 19:36-37).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
                                     Pr.Henrique Lino 
Se você está passando por algum problema na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição 24 horas por dia para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual.
https://www.facebook.com/atalaiadedeus Skype: atalaiadedeusVisitem nosso site(www.atalaiadedeus.com.br) - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo divulgar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração e oferta de amor. "Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.” II Co 9:7 Ofertar é um privilegio. Semeando qualquer valor você estará contribuindo com a expansão do Reino de Deus. Envie sua oferta em nome de 
MINISTÉRIO ATALAIA DO EVANGELHO DE DEUS
BANCO ITAU
AGENCIA: 1639 CONTA CORRENTE: 61520-0
Banco: CAIXA ECÔNOMICA
AGÊNÇIA: 1529 OPERAÇÃO: 022 CONTA POUPANÇA NÚMERO: 230-5
Você será um agente evangelizador deste Ministério.
Sua colaboração é muito importante para nós.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário