NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

terça-feira, 20 de junho de 2017

REVELANDO O PECADO

"E quando o Senhor entendeu que os fariseus tinham ouvido que Jesus fazia e batizava mais discípulos do que João (Ainda que Jesus mesmo não batizava, mas os seus discípulos), deixou a Judéia, e foi outra vez para a Galiléia. E era-lhe necessário passar por Samaria. Foi, pois, a uma cidade de Samaria, chamada Sicar, junto da herdade que Jacó tinha dado a seu filho José." (João 4:1-5)

         Os fariseus eram simplesmente religiosos, assim como os saduceus, e estes últimos não criam em ressurreição e viviam buscando maneiras de acusar Jesus. Quando eles ficaram sabendo que os discípulos de Jesus estavam batizando mais pessoas do que Jesus, e antes que tivessem tempo de vir acusá-lo, Ele se retirou da Judeia e retornou para a Galileia. Faço questão de comentar que Jesus não batizou ninguém nas águas, Ele foi batizado por João Batista assim como a maioria dos seus discípulos. Para Jesus ir para a Galileia saindo da Judeia, era necessário passar por Samaria, cujo povo não gostava, não se dava bem com os de Jerusalém desde a época do neto de Davi, de Roboão, que por ação impensada fez com que se dividisse Israel, ficando o reino do Norte e o do Sul. Jesus não fazia distinção, separação entre povos, e não teve nenhuma preocupação em passar no território samaritano, sempre pregando, ensinando por onde passava. Com certeza não iria perder a oportunidade de pregar naquela região, porque tudo o que o Senhor fez foi para nos dar ensinamento, para que pudéssemos agir igual a Ele, afinal, Ele é o nosso Mestre. "E estava ali a fonte de Jacó. Jesus, pois, cansado do caminho, assentou-se assim junto da fonte. Era isto quase à hora sexta. Veio uma mulher de Samaria tirar água. Disse-lhe Jesus: Dá-me de beber. Porque os seus discípulos tinham ido à cidade comprar comida." (João 4:6-8). Jesus, apesar de ser o Filho de Deus, de ser Deus, estava aqui na sua forma carnal, estava como carne, era o Verbo encarnado, assim sentia as mesmas necessidades físicas que qualquer um ser humano. Jesus sentia fome, sede, cansaço e tudo o mais, e aqui vemos quando Ele, cansado de uma longa caminhada, parou para descansar, enquanto os seus discípulos foram até a cidade comprar comida. Na hora sexta, que era ao meio-dia aproximadamente, Jesus sentou próximo ao poço não somente para tomar água, mas, principalmente, para nos dar ensinamentos e pregar o seu Evangelho aos samaritanos, porque Ele sabia o que iria fazer e acontecer.
 "Disse-lhe, pois, a mulher samaritana: Como, sendo tu judeu, me pedes de beber a mim, que sou mulher samaritana? (Porque os judeus não se comunicam com os samaritanos)." (João 4:9). Jesus se dirigiu a uma mulher, e principalmente por ela ser uma samaritana, era algo fora do comum, porque os judeus não falavam, não se dirigiam aos samaritanos. Jesus se dirigiu a uma mulher samaritana que os judeus, os religiosos, consideravam pecadora, uma vez que para eles todos os samaritanos eram tidos como imundos. Mas já sabemos que Jesus pregou sobre isso e certa feita contou a parábola sobre o bom samaritano. Jesus pediu a essa samaritana água, e ela se assustou e comentou o que ela achava anormal: o fato de Ele se dirigir a ela. Mas isso aconteceu porque ela não tinha conhecimento de quem era Ele, porque Jesus veio para todos, e principalmente para nós, os pecadores. "Jesus respondeu, e disse-lhe: Se tu conheceras o Dom de Deus, e quem é o que te diz: Dá-me de beber, tu lhe pedirias, e Ele te daria Água Viva." (João 4:10). Jesus, respondendo à pergunta dela, começou a se identificar, falou de Deus, falou do Pai. Observamos que o tempo todo Jesus fazia questão de honrar e exaltar o Nome do Pai, em todas as situações Ele dava o crédito do que fazia ao Pai, mostrando que Todo Poder pertence a Deus. E também nos ensinou, determinou que também fizéssemos o mesmo, o que quisermos devemos pedir a Deus em seu Nome, para que o Pai seja Glorificado no Filho. Então Jesus disse a essa samaritana que, se ela o conhecesse, ela é que pediria da Água Viva, e Ele lhe daria. Jesus falou de maneira espiritual, apesar de que essa mulher ainda estava olhando e analisando de acordo com a ótica humana. Jesus ofereceu a Água Viva, a Fonte da vida, porque somente em Jesus existe vida, somente Ele pode salvar, somente Ele pode nos dar vida, fazer com que vivamos eternamente."Disse-lhe a mulher: Senhor, tu não tens com que a tirar, e o poço é fundo; onde, pois, tens a Água Viva? És tu maior do que o nosso pai Jacó, que nos deu o poço, bebendo ele próprio dele, e os seus filhos, e o seu gado? Jesus respondeu, e disse-lhe: Qualquer que beber desta água tornará a ter sede; Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a Água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que salte para a vida eterna." (João 4:11-14). A samaritana questionou de maneira natural, falando que Ele não tinha vasilha para tirar ou transportar a Água Viva. Mas ela falava assim por desconhecer o Senhor, então falava de maneira natural, mas Jesus falou de vida eterna. E então ela começou a entender, porque ainda lhe perguntou se Ele era maior, mais importante do que Jacó, que foi quem tinha aberto aquele poço há muitos anos. "Disse-lhe a mulher: Senhor, dá-me dessa água, para que não mais tenha sede, e não venha aqui tirá-la." (João 4:15). A mulher pediu daquela água a Jesus, mas mesmo assim observamos que ela ainda falava de maneira natural, pois ela imaginava uma água que saciaria somente a sede normal, e assim ela não precisaria mais ter o trabalho de ir ao poço tirar água. Jesus, vendo isso, então falou de maneira mais abrangente, para ela entender melhor, e entrou no tema do pecado, mostrando a ela que Ele tudo sabia. "Disse-lhe Jesus: Vai, chama o teu marido, e vem cá. A mulher respondeu, e disse: Não tenho marido. Disse-lhe Jesus: Disseste bem: Não tenho marido; Porque tiveste cinco maridos, e o que agora tens não é teu marido; isto disseste com verdade. Disse-lhe a mulher: Senhor, vejo que és profeta." (João 4:16-19). Jesus a fez confessar o pecado da prostituição que engloba todo pecado sexual, e lhe mostrou que ela já tinha morado com cinco homens diferentes, e atualmente estava vivendo com um sem se casar, portanto, estava em pecado. Quando Ele trouxe essa revelação, ela então percebeu que Ele falava das coisas espirituais e não terrenas, falava de Vida, de Salvação."Nossos pais adoraram neste monte, e vós dizeis que é em Jerusalém o lugar onde se deve adorar. Disse-lhe Jesus: Mulher, crê-me que a hora vem, em que nem neste monte nem em Jerusalém adorareis o Pai. Vós adorais o que não sabeis; nós adoramos o que sabemos porque a salvação vem dos judeus. Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem. Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade. A mulher disse-lhe: Eu sei que o Messias (que se chama o Cristo) vem; quando ele vier, nos anunciará tudo. Jesus disse-lhe: Eu o sou, eu que falo contigo." (João 4:20-26). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
Pr.Henrique Lino 
Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas,  ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário