NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

FALANDO COMO ESPIRITUAIS

"E eu, irmãos, não vos pude falar como a espirituais, mas como a carnais, como a meninos em Cristo. Com leite vos criei, e não com carne, porque ainda não podíeis, nem tampouco ainda agora podeis." (1 Coríntios 3:1-2)

 Infelizmente, hoje vivemos um sério problema nas congregações, nos templos, por causa de ensinos heréticos. Principalmente por causa da preguiça, do analfabetismo bíblico, as pessoas não crescem espiritualmente e são eternos bebês na fé. Por buscarem soluções para os seus problemas imediatos, as pessoas acabam se perdendo, ao procurarem templos, denominações que ensinem e preguem de acordo com o que lhes convém. Por tal motivo, existem os especialistas em agradar a todos os tipos de público. Eles oferecem o que as pessoas buscam e pregam o que elas querem ouvir, e, como são preguiçosas, elas são rapidamente convencidas por esses enganadores. As pessoas que buscam bênçãos acham fácil e conveniente dar grandes ofertas, participarem de desafios, de campanhas, mas não querem e não conseguem abandonar o pecado. E os comerciantes da fé estão sempre prontos para apresentarem uma conta, um pedido de oferta em nome de Deus, e em troca oferecem a solução para quaisquer problemas. Essas pessoas não crescem espiritualmente, porque se transformam em religiosas que citam o Nome do Senhor, mas agem totalmente ao contrário. São pessoas que defendem uma denominação, um templo, mas não vivem o Evangelho de Jesus Cristo, porque nunca o conheceram. Assim, são muitos os que, apesar de estarem há anos em uma denominação qualquer, frequentando templos, quando ouvem a verdade, percebem que nada sabem sobre o Senhor. Temos que ensinar nos princípios rudimentares do Evangelho, temos que cuidar, ensinar, tratá-las como crianças, bebês, porque não sabem que o Senhor exige santidade, abandono de pecado, exige prática do seu Evangelho. São muitos os casos de pessoas que falam e assumem abertamente que, apesar de estarem há anos em denominações, não conheciam o Senhor, pessoas que nasceram em supostos lares evangélicos, outras que estão ou estavam em púlpitos pregando como mestres do que eles mesmos desconheciam. Muitos, envergonhados, o assumem assim como Jó, que somente o conhecia de ouvir falar.
 "Porque ainda sois carnais; pois, havendo entre vós inveja, contendas e dissensões, não sois porventura carnais, e não andais segundos homens? Porque, dizendo um: Eu sou de Paulo; e outro: Eu de Apolo; porventura não sois carnais?"1 Coríntios 3:3-4). O que mais ouvimos são pessoas que se identificam como sendo desta ou daquela denominação para mostrar que são evangélicas, são gospel. Dificilmente ouvimos pessoas dizerem que são do Senhor, que pertencem a sua igreja, sem citarem uma ou outra denominação. Vivem se digladiando, defendendo uma religião, seita, templo, e acusando outros. Agem e vivem como pessoas carnais que são, porque não têm discernimento espiritual; essas pessoas entendem somente das coisas do mundo. Todos os que vivem defendendo essa ou aquela denominação são pessoas carnais e que nada sabem sobre o Reino; são líderes que proíbem, impedem as ovelhas de visitar, ir a outras denominações; são carnais. Temos que ser a igreja, o corpo de Cristo, sabendo que templos, religiões nada são, e tudo ficará, porém nós devemos ser a igreja santa e imaculada do Senhor. "Pois, quem é Paulo, e quem é Apolo, senão ministros pelos quais crestes, e conforme o que o Senhor deu a cada um?" (1 Coríntios 3:5). Nenhuma igreja denominacional é alguma coisa, nenhum templo, nós é que temos que ser. Mas isso não quer dizer que não devamos frequentar os templos, muito pelo contrário, devemos sim, mas não idolatrá-lo, pois eles são nada menos do que um local escolhido, separado para nos reunirmos com os irmãos de fé para orar, clamar, louvar o Senhor e cumprir com as nossas obrigações. É mandamento do Senhor congregarmos, mas não idolatrarmos ou servirmos a um templo como se estivéssemos servindo a Deus, porque o Senhor está em nós, nas pessoas. As nossas congregações têm que estar de portas abertas para receber bem todos os que desejarem entrar e também todos os que desejarem sair e irem visitar, mudar para outros templos quaisquer, inclusive, nós, os pastores, devemos frequentar e visitar outros templos como ovelhas. Não somos donos das ovelhas do Senhor, não podemos dominar sobre o rebanho do Senhor, mas temos a obrigação de ensinar, mostrar o Caminho certo que é Jesus. Temos que fazer as pessoas entenderem que elas são a igreja do Senhor, e, portanto, devem se manter puras e imaculadas.
 "Eu plantei, Apolo regou; mas Deus deu o crescimento. Por isso, nem o que planta é alguma coisa, nem o que rega, mas Deus, que dá o crescimento. Ora, o que planta e o que rega são um; mas cada um receberá o seu galardão segundo o seu trabalho. Porque nós somos cooperadores de Deus; vós sois lavoura de Deus e edifício de Deus."(1 Coríntios 3:6-9). Não importa onde foi que aceitamos Jesus, onde o conhecemos, importa que fomos a Ele. Não importa quem nos apresentou, quem conseguiu nos evangelizar e nos ensinou as primeiras lições. Assim como também não importa quem nos batizou, quem nos conduziu às águas batismais, ou onde apresentamos nossos filhos, ou quando fomos batizados com o Espirito Santo, nem onde foi. O que importa é a nossa santidade, nossa maneira de viver diante do Senhor. Não importa se os nossos pais frequentam ou frequentaram esta ou aquela denominação; nós temos que frequentar é o Reino. Não devem existir carteiras de membros, envelopes de dízimos com nomes. Os templos têm que ser abertos a todos os que quiserem e que tenham sempre a Palavra da verdade para todos. Também não se pode servir a santa ceia somente para os membros, porque a ceia é do Senhor, e todos os que estiverem nos templos têm o direito de participarem, se estiverem em santidade, ou já arrependidos dos seus pecados. "Segundo a graça de Deus que me foi dada, pus eu, como sábio arquiteto, o fundamento, e outro edifica sobre ele; mas veja cada um como edifica sobre ele." (1 Coríntios 3:10). Não somos nada, não importa quem tenha feito alguma coisa para conduzir alguém a Cristo Jesus, porque nada mais fez do que a sua obrigação. Assim, quando exercemos a nossa função pregando, batizando, ensinando, ou socorrendo, nada mais fazemos do que nossa obrigação, porque isso nos é imposto. Somos todos somente obreiros do Senhor, não de uma denominação, mas do Senhor, pois trabalhamos para Ele, temos que cuidar do seu rebanho, e esse rebanho não tem um aprisco aqui na terra, mas junto com o Senhor, e aqui são livres como o Evangelho, que nos dá liberdade. Temos que ser cristãos adultos, e não infantis, dizendo que pertencemos a essa ou a aquela denominação, mas que tenhamos a certeza de pertencermos a Cristo. Todos os templos têm a sua função, os seus líderes, mas todos pertencem a Cristo, e Cristo a Deus. "Porque ninguém pode pôr outro fundamento além do que já está posto, o qual é Jesus Cristo. E, se alguém sobre este fundamento formar um edifício de ouro, prata, pedras preciosas, madeira, feno, palha A obra de cada um se manifestará; na verdade o dia a declarará, porque pelo fogo será descoberta; e o fogo provará qual seja a obra de cada um. Se a obra que alguém edificou nessa parte permanecer, esse receberá galardão. Se a obra de alguém se queimar, sofrerá detrimento; mas o tal será salvo, todavia como pelo fogo.Não sabeis vós que sois o templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós? Se alguém destruir o templo de Deus, Deus o destruirá; porque o templo de Deus, que sois vós, é santo. Ninguém se engane a si mesmo. Se alguém dentre vós se tem por sábio neste mundo, faça-se louco para ser sábio. Porque a sabedoria deste mundo é loucura diante de Deus; pois está escrito: Ele apanha os sábios na sua própria astúcia. E outra vez: O Senhor conhece os pensamentos dos sábios, que são vãos. Portanto, ninguém se glorie nos homens; porque tudo é vosso."(1 Coríntios 3:11-21). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
Pr.Henrique Lino 
Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas,  ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário