NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

terça-feira, 13 de setembro de 2016

BUSCANDO JESUS

"E, tendo Jesus entrado em Jericó, ia passando. E eis que havia ali um homem chamado Zaqueu; e era este um chefe dos publicanos, e era rico." (Lucas 19:1-2)

 Zaqueu não era apenas um cobrador de impostos, mas uma espécie de gerente geral de arrecadações, cargo mencionado só nesta passagem em toda a Bíblia. Jericó era uma região próspera, e nessa época Zaqueu ganhava uma porcentagem sobre o trabalho de todos os demais publicanos do distrito. Zaqueu é um exemplo de o que é impossível ao ser humano é possível a Deus. Jesus estava passando, assim sabemos que o seu destino não era ali. Assim como em todo o seu ministério terreno, Ele estava sempre circulando, levando o seu Evangelho a toda parte e curando os enfermos. Neste relato, a Bíblia nos conta a história desse homem rico que havia em Jericó, uma pessoa que não era querida exatamente pela sua profissão, porque estava a serviço de César, de Roma, que nessa época dominava eles. Mas esse homem, que aos olhos de todos, dos religiosos, seria praticamente impossível ser salvo, terá um verdadeiro encontro com Jesus. "E procurava ver quem era Jesus, e não podia, por causa da multidão, pois era de pequena estatura." (Lucas 19:3). Esse homem, que era um chefe que liderava sobre os outros publicanos do distrito, não tinha uma grande estatura, era o que chamamos de baixinho. A sua estatura era tão pequena que no meio da multidão, do povo, ele não conseguia ver Jesus. Portanto, temos um homem pequeno, cobrador de impostos, ou seja, estava a serviço do inimigo, e era desprezado por todos. Mas esse homem era rico, pois vemos que a Bíblia nos fala que ele era rico, e isto com certeza em virtude da sua função, porque recebia porcentagem dos impostos recebidos por ele e pelos que ele liderava. Aos olhos humanos seria o tipo da pessoa que os religiosos desprezavam, o tipo que todos diriam que não teria parte no Reino dos céus, porque religiosos não conhecem o Senhor e nem o seu Poder. Assim também vemos pessoas hoje que condenam outras pela profissão que exercem, pelo modo de vida, mas não entendem que elas assim procedem porque não conhecem o Senhor, e, quando elas o conhecem, se convertem totalmente e são realmente fiéis. Muito mais fiéis dos que os religiosos, portanto o que temos que fazer não é julgá-las, mas apresentar o Evangelho de Jesus Cristo.
 "E, correndo adiante, subiu a uma figueira brava para o ver; porque havia de passar por ali." (Lucas 19:4). Havia um desejo no coração de Zaqueu e uma curiosidade de ver Jesus muito diferente da inveja e maldade de Herodes, dos religiosos e da multidão. Era a mesma disposição e perseverança do cego Bartimeu. Zaqueu subiu em uma figueira brava, que é uma árvore robusta, de tronco curto, mas com longos e fortes galhos, e que normalmente atingia uns dez metros. Vemos que Zaqueu queria realmente ver Jesus; sabemos que ele não estava procurando Jesus para receber alguma bênção, pois a Bíblia não relata que ele tivesse algum problema de saúde, e sabemos que era rico. Aparentemente. ele não precisava de nada, só precisava de Jesus, e estava fazendo tudo para vê-lo, ao contrário da maioria das pessoas que vão buscar o Senhor quando estão precisando de algo, vão em busca de alguma bênção, milagre. As pessoas buscam templos, congregações quando estão passando por dificuldades, por lutas, problemas que elas não conseguem solucionar, sendo que devemos buscar o Senhor sempre, porque Ele é a Vida, sem Ele estamos todos mortos. "E quando Jesus chegou àquele lugar, olhando para cima, viu-o e disse-lhe: Zaqueu, desce depressa, porque hoje me convém pousar em tua casa."(Lucas 19:5). Jesus conhece e sabe quem são os verdadeiros adoradores, os que o buscam em verdade e em espírito. Assim, quando Jesus chega aonde Zaqueu estava, Ele o manda descer e lhe informa que irá pousar, hospedar-se na sua casa. Temos que observar que Jesus não pediu permissão e nem esperou ser convidado, porque conhecia o coração desse cobrador de impostos e somente o manda descer rápido, porque Ele irá para a sua casa. Jesus não solicitou pouso ou hospedagem, como sabia que Zaqueu o queria, o buscava, estava informando que as suas orações foram atendidas. Muitos de nós estávamos no mundo e éramos desprezados pelos religiosos, mas também fazíamos as nossas orações silenciosas, falávamos, clamávamos às escondidas, e o Senhor nos ouviu, nos atendeu e hoje estamos em sua presença. Assim, devemos sempre procurar levar uma palavra de ânimo, incentivo a todos, independentemente da situação em que se encontram, ou como vivem no momento. Jesus entendeu como parte da sua missão encontrar e visitar Zaqueu, que veremos que se arrependeu e se converteu de verdade. Ele não queria nada, somente o Senhor, e o recebeu com alegria, ficou feliz, e ainda como convertido se propôs a devolver tudo o que tinha ganho ilegalmente com juros e correção. Isto é conversão legítima. "E, apressando-se, desceu, e recebeu-o alegremente. E, vendo todos isto, murmuravam, dizendo que entrara para ser hóspede de um homem pecador. E, levantando-se Zaqueu, disse ao Senhor: Senhor, eis que eu dou aos pobres metade dos meus bens; e, se nalguma coisa tenho defraudado alguém, o restituo quadruplicado. E disse-lhe Jesus: Hoje veio a salvação a esta casa, pois também este é filho de Abraão. Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido." (Lucas 19:6-10).
 Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino
Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas,  ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário