NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

sexta-feira, 8 de julho de 2016

PERMANEÇA O AMOR

"Permaneça o amor fraternal. Não vos esqueçais da hospitalidade, porque por ela alguns, não o sabendo, hospedaram anjos." (Hebreus 13:1-2)

 Infelizmente, vivemos em uma sociedade, em um mundo que não sabe exatamente o que é o amor fraternal, porque confunde algo estranho, um sentimento humano terreno com amor fraternal. As pessoas que dizem amar o próximo com amor fraternal são as mesmas que negam socorro, ajuda ou até mesmo um empréstimo a quem dizem que amam, por desconfiarem que a pessoa não terá condições de pagar ou devolver, ou retribuir a ajuda que lhes prestam. Dizem que amam o próximo, mas a caridade que fazem ao próximo é dando o que não lhes serve; o que não presta para ela então ela dá para o próximo. Falam em amor, falam que conhecem o Senhor, mas aceitam que o próximo, um parente viva em pecado, em erros, sabendo que fatalmente esses o conduzirão ao sofrimento e à degradação eternos. Falam em amor ao próximo, mas o máximo que fazem é cuidar da sua família, dos seus parentes próximos. Falam em amor, mas abandonam os pais idosos em um asilo qualquer para não lhes darem trabalho. A bem da verdade, isso não é amor, isto é qualquer coisa, só não é o amor fraterno, não é o amor bíblico, e esses que praticam essas coisas que dizem ser amor estão caminhando a passos largos para a derrocada final. Vemos pessoas fazerem loucuras, arriscarem a vida por um cão, por um animal qualquer, mas desprezarem o ser humano, tirarem a vida do próximo, abandonarem-no para morrer por falta de socorro. Amam animais e matam o ser humano, matam os que são feitura, imagem e semelhança de Deus. Vivemos em um mundo em que a hipocrisia domina, a mentira prevalece, a maldade e a ignorância comandam tudo. As pessoas vivem em uma crendice tola, recebendo alimento das trevas e se fortalecendo cada vez mais nesse caminho de destruição e se afastando cada vez mais do Senhor com o seu Nome nos lábios. Fala-se em anjos sem saber na verdade o que é um anjo e qual a sua forma, e como se manifesta, porque, se fosse o contrário, saberiam que muitas vezes negaram ajuda, disseram Não a um anjo do Senhor, por desconhecerem a Palavra de Deus, por desconhecerem a Verdade, uma vez que o tempo de folga dessas pessoas hoje está voltado para o lazer, as novelas imorais, a net, as redes sociais e tudo mais, não sobrando tempo para estudar a Palavra de Deus.
 "Lembrai-vos dos presos, como se estivésseis presos com eles, e dos maltratados, como sendo-o vós mesmos também no corpo." (Hebreus 13:3). Falam em amor, igrejas denominacionais; religiosos gostam às vezes - e mesmo assim são poucos - de irem até as prisões e fazerem uma oraçãozinha pelos presos e pronto, acham que já fizeram a sua boa ação. Mas o que nós todos deveríamos fazer é parar de julgar quem está preso, independentemente do crime que tenha cometido, e amá-lo como nosso semelhante, porque é exatamente isto que ele é. Não somente visitá-los, mas também se preocupar em ajudá-los, ajudar os seus familiares, ensinando o que é o amor, porque tenho certeza de que esses, se recebessem a atenção e o amor nosso, com certeza não voltariam à vida de crimes. Mas ao abandonarmos, julgarmos, desprezarmos, estamos induzindo-os, empurrando-os cada vez mais para o crime e a violência, e quem paga o preço somos nós mesmos. Deveríamos visitar os presos, conversar com eles, ouvi-los, saber das suas vidas, ver o que pensam, de que necessitam; se necessário for, ajudá-los para que sejam soltos, fazer por eles o que gostaríamos que fizessem conosco se estivéssemos no lugar deles. Temos que aprender a amar, temos que aprender a obedecer a Jesus e viver na prática do seu Evangelho, esquecendo os nossos sentimentos carnais mundanos, porque os sentimentos humanos estão corrompidos, basta olharmos as pessoas nos templos: muitas choram ao ouvir uma música ou cantar, choram na hora da mensagem, se emocionam, mas continuam nos erros, nas desobediências, nos pecados, e ainda falam que amam o Senhor. "Venerado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; porém, aos que se dão à prostituição, e aos adúlteros, Deus os julgará."(Hebreus 13:4). As pessoas falam em amor, mas traem as esposas, os maridos, cometem adultérios, destroem a família, abandonam esposas com filhos menores ou quando não grávidas. Falam em amor, mas espancam, agridem os cônjuges, separam-se, divorciam-se como se fosse a coisa mais normal, natural possível, esquecendo-se do sofrimento da parte repudiada. Não entendem, não querem aceitar a Palavra do Senhor, quando diz que, quando casado, é até que a morte os separe. Todos os que estão em segundo casamento, ou que se separaram, abandonaram o seu cônjuge e vivem ou se envolvem com outra pessoa estão em adultério, e os adúlteros não herdarão o Reino de Deus. Mas esse pecado é praticado, permitido e autorizado e incentivado em muitas denominações.
 "Sejam vossos costumes sem avareza, contentando-vos com o que tendes; porque ele disse: Não te deixarei, nem te desampararei." (Hebreus 13:5). Falam em amor, fazem frases com um desenho de um coração simbolizando amor, mas não abrem mão para socorrer ninguém. A preocupação é ganhar dinheiro cada vez mais. Dizem que os prédios, os templos religiosos são casa de Deus, são lugares de amor, mas os seus líderes utilizam os púlpitos para angariar, cada vez mais, recursos das ovelhas incautas. Falam em amor, mas muitas ovelhas que ali frequentam estão com sérios problemas, muitas vezes sem terem o que comer direito, e só ouvem historinha de que Deus vai abençoar e que devem seguir em paz, e não dão o mínimo para essas pessoas. Ao contrário, ainda tomam o restinho que elas têm com desculpas de campanhas, de troca, de desafios. Falam em amor, mas, quando fazem qualquer caridade, é para divulgar, fazer propagandas; são avarentos, gananciosos. Trabalham em excesso e não têm tempo para doar e se doar para quem necessita, são incrédulos, porque não acreditam na manutenção, no Maná do Senhor. "E assim com confiança ousemos dizer: O Senhor é o meu ajudador, e não temerei O que me possa fazer o homem." (Hebreus 13:6). Se confiamos no Senhor, se crermos em sua Palavra, se praticarmos o amor, então saberemos do Amor Dele por nós e teremos a certeza do seu cuidado, e assim nada temeremos. Não devemos nos preocupar com outra coisa a não ser viver e agir de acordo com a Palavra do Senhor, porque sabemos que Ele é nosso Pai, e se lhe obedecermos, desfrutaremos do seu amor. Não são palavras bonitas que nos transformam em cristãos, em discípulos de Jesus, mas as nossas ações, o nosso respeito pela sua Palavra, o nosso compromisso com o Evangelho de Jesus Cristo. Ser cristão é mortificar a nossa carne, nos despir de nossa vontade e entendimento e nos permitir ser guiados pelo Espírito, viver na Palavra, e não nos preocupar com ou seu mundo, seu julgamento."Lembrai-vos dos vossos pastores, que vos falaram a Palavra de Deus, a fé dos quais imitai, atentando para a sua maneira de viver. Jesus Cristo é o mesmo, ontem, e hoje, e eternamente." (Hebreus 13:7-8). Lembrar sempre dos pastores, dos líderes espirituais, dos que têm a obrigação de ensinar a Palavra de Deus, que têm o dever de ensinar e orientar as suas ovelhas, o rebanho do Senhor em todas as questões. Saber que os pastores têm a obrigação de ensinar, aconselhar, não somente com palavras, mas também com seu exemplo, mas sabendo que todos são humanos e também precisam de orações, de apoio. Principalmente, devemos avaliar sempre o que se está ensinando, se realmente é a Palavra de Deus. Não devemos nos permitir contaminar ou aceitar o que não esteja de maneira clara na Palavra de Deus. "Não vos deixeis levar em redor por doutrinas várias e estranhas, porque bom é que o coração se fortifique com graça, e não com alimentos que de nada aproveitaram aos que a eles se entregaram." (Hebreus 13:9). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
 Pr.Henrique Lino 
Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário