NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

quarta-feira, 20 de julho de 2016

DISCIPLINAR COM TESTEMUNHAS

"É esta a terceira vez que vou ter convosco. Por boca de duas ou três testemunhas será confirmada toda a palavra." (2 Coríntios 13:1)

 Paulo já tinha estado por duas vezes com a igreja e os irmãos de Coríntios, e como foi uma igreja que apresentou alguns problemas de desobediências e heresias toleradas, agora ele ameaça, avisa que vai estar lá novamente e que vai buscar esclarecimentos, e que aceitará toda acusação, ou todas as denúncias que forem confirmadas por duas ou três pessoas. Paulo adverte que não hesitará em tomar duras medidas disciplinares contra aqueles que, se declarando cristãos, insistem em se manter rebeldes à Palavra de Deus, e cita Deuteronômio 19:15 para ordenar-lhes que restabeleçam a ordem na igreja. Essa rebeldia contra as palavras de Paulo é uma afronta à pessoa de Cristo, que o nomeou Seu apóstolo. A autoridade do apóstolo é a mesma autoridade do seu Mestre, e quem quiser se opor a Paulo, contando com sua suposta fraqueza e insegurança, descobrirá que Cristo é Deus falando por meio do Seu apóstolo, e que ele não é fraco, mas poderoso e justo. "Já anteriormente o disse, e segunda vez o digo como quando estava presente; mas agora, estando ausente, o escrevo aos que antes pecaram e a todos os mais, que, se outra vez for, não lhes perdoarei; Visto que buscais uma prova de Cristo que fala em mim, o qual não é fraco para convosco, antes é poderoso entre vós."(2 Coríntios 13:2-3). Infelizmente, estava acontecendo na igreja em Corinto o que acontece em muitas igrejas, muitas denominações hoje, mas, por falta de verdadeiros homens de Deus, como Paulo, o mal se alastra e corrompe todo o ministério e enlameia o Nome de Cristo. Isso acontece porque hoje os pregadores, os pastores - não todos, porque ainda existem muitos homens de Deus sérios e comprometidos com a Palavra de Deus -, uma grande porcentagem dos supostos pastores de hoje não disciplinam, não pregam ou ensinam sobre obediência, não exigem prática do Evangelho, não cobram santidade, respeito, temor, porque têm medo da igreja, do templo esvaziar e, assim, diminuir a arrecadação. Por estarem comprometidos com coisas materiais, deixam perecer o que é espiritual, porque as almas estão se perdendo, estando dentro dos templos. Infelizmente, os pregadores de hoje se especializaram em pregar emoção, em criar ajuntamento, estão dispostos a colaborar financeiramente, e não a se converterem.
 "Porque, ainda que foi crucificado por fraqueza, vive, contudo, pelo Poder de Deus. Porque nós também somos fracos Nele, mas viveremos com Ele pelo poder de Deus em vós."(2 Coríntios 13:4). Jesus veio ao mundo em carne, a Palavra, o Verbo, se revestiu de carne e habitou entre nós. Jesus Cristo foi um homem como nós, tinha os mesmos desejos, necessidades e fraqueza que qualquer um tem, mas Ele soube vencer todas elas e nunca pecou. Assim, apesar de estar na fraqueza da carne, foi vitorioso e venceu sobre tudo e todos, ainda que o adversário tivesse se enganado, achando que Ele tinha perdido, quando foi crucificado, mas logo ele viu que foi o contrário, estava era vencendo. Assim também muitos ainda pensam que Jesus poderia ter vencido o diabo e todos de maneira diferente, e não ter sido humilhado e crucificado, assim como comentavam os dois discípulos a caminhos de Emaús. Mas o que não sabem é que os planos de Deus não são os mesmos que os nossos, e era necessário assim acontecer exatamente para que o diabo fosse vencido, derrotado através da carne, para que nós, carnais, também pudéssemos vencer em Jesus. Assim, não podemos julgar, criticar os homens de Deus que pregam a verdade, dizendo que eles são fracos, como muitos gostam de menosprezar chamando-os de comedores de feijão de angu. Estamos na carne sim, assim como Jesus também esteve, mas se realmente fomos chamados por Ele, constituídos pastores para tomar conta do seu rebanho, e se somos fiéis ao nosso chamado, então Ele vive em nós. E quando se desafia, desobedece a um verdadeiro homem de Deus, está-se desobedecendo ao próprio Senhor. O que devemos verificar, examinar, é se realmente é um homem de Deus, e isso sabemos examinando o Evangelho, e não por ouvir, ou ser, ou desejar ser afagado por palavras bonitas. "Examinai-vos a vós mesmos, se permaneceis na fé; provai-vos a vós mesmos. Ou não sabeis quanto a vós mesmos, que Jesus Cristo está em vós? Se não é que já estais reprovados." (2 Coríntios 13:5). Temos a todo o tempo de nos examinar para ver se realmente estamos na fé, vivendo-a e a praticando, porque frequentar um templo, ser religioso não tem nada de fé em Cristo; fé e amor a Ele são demonstrados com obediência aos seus preceitos. Quando estamos buscando facilidades e concordância com o nosso jeito de ser, não estamos na fé, mas na religião somente.
 "Mas espero que entendereis que nós não somos reprovados. Ora, eu rogo a Deus que não façais mal algum, não para que sejamos achados aprovados, mas para que vós façais o bem, embora nós sejamos como reprovados."(2 Coríntios 13:6-7). O desejo do cristão verdadeiro é ser reconhecido como tal, e não por posses, ou por muito falar e afirmar tal condição. Queremos que as pessoas até nos persigam se acharem que devem, mas que o façam sabendo que o que defendemos é o Evangelho, que pautamos a nossa vida pela Palavra de Deus, não que pelo que falamos, mas pelo nosso comportamento, em casa, no trabalho, na igreja. Muitos se enganaram e estão enganando a muitos, e creem que os que não são realizados financeiramente, materialmente, não são abençoados e não são do Senhor. Muitos acreditam que, para ser homem de Deus, tem-se que estar à frente de um grande templo, ser próspero financeiramente, e com muitas ovelhas para pastorear. Mas não conseguem entender e aceitar que não é dessa maneira que Deus trabalha e não é por ser grande diante dos homens que são grandes diante de Deus. Não sabemos nada sobre nenhum dos apóstolos de Jesus que eram ricos, mesmos porque eles morreram pobres e pelo Evangelho, assim como o Mestre, que nasceu na pobreza e morreu de igual maneira, e só, e os que pensam de forma diferente, na verdade, estão querendo superá-lo. Temos que entender que o pecado, as desobediências não podem ser toleradas e nem aceitas nos templos em hipótese alguma, que devemos viver e ensinar o Evangelho, e quem não aceitar que se retire. "Porque nada podemos contra a verdade, senão pela verdade. Porque nos regozijamos de estar fracos, quando vós estais fortes; e o que desejamos é a vossa perfeição." (2 Coríntios 13:8-9). Temos alegria, sentimos prazer quando nos julgam fracos, pobres, porque sabemos que estamos andando e vivendo de acordo com o nosso Mestre. Não nos vangloriamos de nada, mas tudo fazemos para que a Palavra, o Evangelho alcance todos, não a religião, não um templo denominacional do qual estamos à frente, mas o Senhor Jesus Cristo. Por tal motivo, somos rígidos, não aceitamos a prática do erro e os enganos, porque sabemos que muitos estão perdendo a salvação dentro de templos. Muitos são ensinados de maneiras erradas e caem no engano, e, sem saber, estão caminhando para a morte. Por tal motivo, sempre exortamos que leiam e pratiquem a Bíblia, porque ela é o único lugar onde encontramos a verdade, porque na Palavra de Deus é que encontramos Jesus, e todos os que discordam de alguma coisa na Palavra estão longe do Senhor. "Portanto, escrevo estas coisas estando ausente, para que, estando presente, não use de rigor, segundo o poder que o Senhor me deu para edificação, e não para destruição. Quanto ao mais, irmãos, regozijai-vos, sede perfeitos, sede consolados, sede de um mesmo parecer, vivei em paz; e o Deus de amor e de paz será convosco. Saudai-vos uns aos outros com ósculo santo. Todos os santos vos saúdam. A graça do Senhor Jesus Cristo, e o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo seja com todos vós. Amém."(2 Coríntios 13:10-14).
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino
Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário