NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

terça-feira, 12 de julho de 2016

A TRANSFORMAÇÃO

"E, ao terceiro dia, fizeram-se umas bodas em Caná da Galiléia; e estava ali a mãe de Jesus. E foi também convidado Jesus e os seus discípulos para as bodas." (João 2:1-2)

 Jesus tinha recém-iniciado o seu Ministério, porque havia pouco tempo que tinha sido batizado nas águas do rio Jordão por João Batista, depois disso tinha sido conduzido ao deserto pelo Espirito de Deus, para ser tentado pelo diabo. E durante quarenta dias sofreu todos os tipos de tentações, e nesse tempo jejuou, orou e resistiu às tentações, das quais saiu vitorioso e fortalecido. Logo depois começou a reunir, chamar aqueles que seriam os seus discípulos. Agora Ele juntamente com os seus discípulos e Maria vão a uma festa de casamento; acredita-se que era de algum parente de Maria ou de José. Até então, Jesus não tinha realizado nenhum milagre, não tinha operado nenhum sinal, e os que sabiam quem era Ele, além de Maria (porque sabia como Ele foi gerado), eram somente os que ouviram e acreditaram em João Batista, quando testemunhou a seu respeito. "E, faltando vinho, a mãe de Jesus lhe disse: Não têm vinho. Disse-lhe Jesus: Mulher, que tenho eu contigo? Ainda não é chegada a minha hora. Sua mãe disse aos serventes: Fazei tudo quanto Ele vos disser."(João 2:3-5). No meio da festa, o vinho acaba, e isso para os costumes daquela época era uma situação muito constrangedora, e Maria comenta com Jesus esse fato. Não que ela estivesse mandando Ele tomar providências, mas tinha feito um comentário, e com certeza orientada pelo Espirito de Deus. Jesus responde chamando-a de mulher, e esse é um termo respeitoso em aramaico, assim como senhora. Jesus responde dizendo que ainda não tinha chegado a sua hora, mas, logo em seguida, já era, pois começou o seu ministério. Maria sabia quem era Jesus, afinal ela foi informada pelo anjo antes de ela se achar grávida, e, portanto, o Espirito já tinha revelado que estava prestes a ter início o ministério terreno de Jesus, portanto, ela avisa os servos para obedecer e fazer tudo o que Jesus mandasse. A única pessoa até então que tinha pleno conhecimento sobre Jesus era Maria, exatamente por ter sido avisada havia trinta e três anos, antes do nascimento, e também como Ele foi gerado. Ela foi escolhida por Deus para ter esse tão grande privilégio por ser ela uma mulher espiritual e fiel ao Senhor. Assim ela conseguia discernir, entender o que todos os outros não compreendiam.
 "E estavam ali postas seis talhas de pedra, para as purificações dos judeus, e em cada uma cabiam dois ou três almudes. Disse-lhes Jesus: Enchei de água essas talhas. E encheram-nas até em cima. E disse-lhes: Tirai agora, e levai ao mestre-sala. E levaram." (João 2:6-8). As talhas de madeira ficavam cheias de água para que os judeus lavassem as mãos, porque eles não se permitiam fazer nada sem antes lavá-las. Nessas vasilhas, talhas ou metretas, como eram chamadas, cabiam entre oitenta a cento e vinte litros de água. Levando em conta que eram seis talhas e foram cheias até em cima, acredita-se que havia pelo menos seiscentos litros de água. Jesus mandou os servos encherem-nas de água e logo levar para o mestre-sala, que era o gerente ou encarregado da festa. O que temos que observar é que Jesus não fez nenhum alarde ou outra coisa, só mandou encher de água e depois tirar e levar ao mestre-sala.  "E, logo que o mestre-sala provou a água feita vinho (não sabendo de onde viera, se bem que o sabiam os serventes que tinham tirado a água), chamou o mestre-sala ao esposo, E disse-lhe: Todo o homem põe primeiro o vinho bom e, quando já têm bebido bem, então o inferior; mas tu guardaste até agora o bom vinho." (João 2:9-10).  Assim que o encarregado da festa experimentou a água agora vinho, chamou o recém-casado e comentou que todos colocam o melhor vinho no início e depois, quando os convidados já estão meio bêbados, colocam o inferior, mas ele tinha feito o contrário. Ele disse isto exaltando a qualidade daquele vinho, mas os empregados, os servos sabiam da origem do vinho, porque eles simplesmente viram a água se transformar em vinho, e no melhor vinho. Jesus mostra o poder da transformação com esse milagre, transformar água em vinho, o que naquela época era praticamente impossível, e mesmo hoje com todo conhecimento cientifico não sabemos se é possível. Mas Jesus não só transformou uma grande quantidade de água, e isso aos olhos de todos, como transforma qualquer um de nós, assim como qualquer coisa. Jesus é o que transforma tudo, trevas em luz, é o que transforma o prisioneiro em uma pessoa livre das amarras de satanás, de enfermidade, opressão. Mas a transformação acontece quando pedimos ajuda, socorro a Jesus. Maria pediu ajuda, pediu socorro, pois o vinho tinha acabado. Jesus transformou e providenciou o melhor vinho e em abundância.
 "Jesus principiou assim os seus sinais em Caná da Galiléia, e manifestou a sua Glória; e os seus discípulos creram Nele." (João 2:11). Esse foi o primeiro milagre de Jesus, foi o início do seu ministério. Porque, ao contrário do que se fala e especula, Ele até os trinta anos de idade, não fez absolutamente nada anormal, pois era uma criança normal, esperta e inteligente como qualquer outra. Era um bom filho, obediente, ajudava José na carpintaria, e somente após o batismo é que Ele começou a se mostrar ao mundo, e esse milagre da transformação da água em vinho foi o primeiro, como o próprio versículo afirma. Principiou, iniciou, começou, e assim os que viram e, principalmente, os seus discípulos começaram a crer Nele."Depois disto desceu a Cafarnaum, Ele, e sua mãe, e seus irmãos, e seus discípulos; e ficaram ali não muitos dias. E estava próxima a páscoa dos judeus, e Jesus subiu a Jerusalém." (João 2:12-13). Depois da festa e desse milagre, Jesus com os discípulos e Maria descem a Cafarnaum, onde ficam vários dias, e durante esse tempo em Cafarnaum também não operou nenhum milagre, pelo menos que tenha sido relatado ou comentado, e sabemos que o que a Bíblia não cita para nós não existe. Acreditamos que Ele nesse tempo ficou ensinando, preparando os seus discípulos, mas isso é especulação nossa. Chegando a Páscoa, Ele sobe a Jerusalém, como é a tradição dos judeus. Como o templo estava em Jerusalém. foram até lá. "E achou no templo os que vendiam bois, e ovelhas, e pombos, e os cambiadores assentados." (João 2:14). Quando Ele chega ao templo, encontra no átrio exterior, ou seja, não era nem mesmo dentro, mas na parte externa, comerciantes que estavam ali para trocar dinheiro, fazer câmbio, uma vez que o templo tinha moeda própria. Então as pessoas faziam o câmbio antes de ofertar ou dizimar, além de comprarem animais para oferecer como sacrifícios, holocaustos, e até para apresentação de crianças, o que era exigido na época. O que eles estavam comercializando era para o templo o equivalente a livros, Cds, Dvs, campanhas, e outras coisas muito comuns nos templos atualmente. "E tendo feito um azorrague de cordéis, lançou todos fora do templo, também os bois e ovelhas; e espalhou o dinheiro dos cambiadores, e derribou as mesas; E disse aos que vendiam pombos: Tirai daqui estes, e não façais da casa de meu Pai casa de venda." (João 2:15-16). Jesus fez um azorrague de cordéis, que nada mais é do que um chicote, e expulsou todos os que vendiam, comercializavam qualquer produto. Derrubou as barracas dos cambistas, espalhando o dinheiro deles; derrubou as mesas e não permitiu que ficassem ali. Observamos que Jesus ficou irado e agiu, ou melhor, reagiu com violência ao deparar com o comércio no templo. Esse foi seu segundo sinal, o primeiro foi transformar água em vinho, o segundo foi expulsar os comerciantes do templo. Em toda Bíblia não se fala em Jesus agir com violência, a não ser nesse momento, quando se depara com o comércio no templo, o que é muito comum atualmente nos templos que se dizem evangélicos. Será que Jesus mudou?. "Jesus Cristo é o mesmo, ontem, e hoje, e eternamente." (Hebreus 13:8). Acho que está passando da hora de fazermos uma avaliação de que tipo de cristianismo estamos vivendo, porque o tempo do fim se aproxima. "E os seus discípulos lembraram-se do que está escrito: O zelo da tua casa me devorou." (João 2:17). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino  
Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário