NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

quinta-feira, 14 de abril de 2016

COMO COOPERAR

"E nós, cooperando também com Ele, vos exortamos a que não recebais a graça de Deus em vão." (2 Coríntios 6:1)

 Temos o dever, a obrigação de sermos cooperadores de Cristo, porque, como cristãos, temos que ser discípulos de Jesus, temos que andar nas pisadas Dele. Então temos que fazer o mesmo que Ele, temos que divulgar o seu Evangelho, pregar e viver a sua Palavra, assim, o que falamos é Dele, porque Ele é a Verdade Única. Não vivemos falando em coisas materiais ou coisas do mundo, falamos do Reino e exortamos todos para que se arrependam, que abandonem os erros, os pecados, e se convertam totalmente ao Senhor. Exortamos as pessoas não para que simplesmente procurem uma igreja, um templo, mas para que busquem o Senhor Jesus, que se submetam a Ele, porque não se pode receber a Graça do Senhor em vão, uma vez que sabemos que pela Graça temos vida, e, para desfrutarmos dessa Graça, temos que concordar com ela, aceitá-la. E a aceitação é se unir ao Senhor, e essa união se dá através de obediência, é aceitar, concordar e praticar as suas ordenanças. "(Porque diz: Ouvi-te em tempo aceitável e socorri-te no dia da salvação; eis aqui agora o tempo aceitável, eis aqui agora o dia da salvação)." (2 Coríntios 6:2). O Senhor nos ouviu e já atendeu o nosso clamor, portanto, não podemos adiar a nossa aceitação, porque pode ser que, quando resolvermos aceitá-la, seja tarde demais. Antes estávamos perdidos e sem possibilidades de salvação, mas o Senhor, no seu imenso amor, enviou o seu Filho amado para sofrer e morrer em nosso lugar. Fomos resgatados através da morte sacrificial de Cristo, e agora temos a misericórdia do Senhor que se manifestou, e podemos optar pela vida. Mas temos que entender que não é uma imposição, uma obrigação, podemos escolher entre vida e morte, e para aceitar, escolher a Vida, devemos nos submeter a ela imediatamente, porque hoje é o dia escolhido pelo Senhor para sermos salvos Nele. Não podemos deixar para amanhã ou depois, porque não sabemos o que pode nos acontecer no minuto seguinte. O Senhor já nos socorreu, já nos resgatou, já nos abençoou, agora basta aceitar essa salvação, esse socorro, que está disponível a todos. Não precisamos gritar para que sejamos ouvidos, porque o Senhor já nos ouviu e atendeu, agora nós é que temos que atender o seu chamado e nos converter a Ele.
 "Não dando nós escândalo em coisa alguma, para que o nosso ministério não seja censurado; Antes, como ministros de Deus, tornando-nos recomendáveis em tudo; na muita paciência, nas aflições, nas necessidades, nas angústias." (2 Coríntios 6:3-4). Cooperar com Cristo na divulgação do Evangelho é não viver de acordo com o mundo, é não ter preocupações mundanas, mas viver sabendo que somos cidadãos do Reino e não daqui. Portanto, falamos do Reino, ensinamos as leis de Deus, e, por não termos preocupações comuns, não damos motivo às pessoas de se escandalizarem em nós. Os verdadeiros cooperadores de Cristo não são encontrados em mentiras, erros, pecados, adultérios, violências, maldade, egoísmos, soberba, orgulho, fofocas, prostituição, adultérios, roubos, desonestidades, materialismos ou qualquer outra coisa. Somos conhecidos e reconhecidos como pessoas honestas, espirituais, decentes e misericordiosos. Somos pessoas confiáveis, e o próprio mundo assim nos vê, porque temos o aroma de Cristo. Se estamos bem, se estamos alegres, mesmo se estivermos passando por lutas, deserto ou perseguições, continuamos alegres, porque confiamos na proteção do Senhor. "Nos açoites, nas prisões, nos tumultos, nos trabalhos, nas vigílias, nos jejuns, Na pureza, na ciência, na longanimidade, na benignidade, no Espírito Santo, no amor não fingido, Na Palavra da Verdade, no Poder de Deus, pelas armas da justiça, à direita e à esquerda." (2 Coríntios 6:5-7). Não importa se a nossa carne está sendo surrada, se as lutas estão acirradas, não importa o que estejamos vivendo, continuamos firmes e não mudamos o nosso caráter, ou a nossa fé. Ao contrário, perseverando, orando por nós, pelos nossos e por todos, insistimos em perseverar orando, clamando pelos nossos perseguidores. A conversão legítima se dá quando entendemos que não mais pertencemos ao mundo e que, não importa o que aconteça, seremos sempre seguidores de Jesus. Buscamos o Senhor não pelo que Ele possa nos oferecer, nos dar, mas porque Ele é a nossa salvação, nossa vida. Assim, não nos importamos com o que possa nos acontecer no tempo presente, porque sabemos que já fomos alcançados e socorridos Nele. Vivemos olhando não para o tempo presente, mas para o futuro, para a Sião Celestial, nossa morada eterna. Assim, a nossa visão não é limitada, mas ampla, sabemos que aqui é somente o lugar da nossa peregrinação, em direção à vida ou à morte, depende de como nos portarmos aqui.
 "Por honra e por desonra, por infâmia e por boa fama; como enganadores, e sendo verdadeiros; Como desconhecidos, mas sendo bem conhecidos; como morrendo, e eis que vivemos; como castigados, e não mortos; Como contristados, mas sempre alegres; como pobres, mas enriquecendo a muitos; como nada tendo, e possuindo tudo." (2 Coríntios 6:8-10). Não importa como somos vistos ou acusados pelos homens, e sim como somos vistos pelo nosso Deus. Por isso, o nosso mapa, a nossa bússola, nosso GPS é a nossa Bíblia, porque nela está a Palavra de Deus, nela encontramos todas as respostas. Não nos baseamos em nada do que as pessoas possam falar se não estiver de acordo com a Palavra de Deus. A lógica, o entendimento humano não faz parte da nossa vida, porque somos guiados pelo Espírito de Deus. Somos mortos para o mundo, já mortificamos a nossa carne e demos vida ao nosso Espírito, nossa vida está escondida em Cristo. Assim, críticas, acusações, perseguições e sofrimentos não nos atingem, porque já morremos para o mundo. "Ó coríntios, a nossa boca está aberta para vós, o nosso coração está dilatado. Não estais estreitados em nós; mas estais estreitados nos vossos próprios afetos. Ora, em recompensa disto, (falo como a filhos) dilatai-vos também vós."(2 Coríntios 6:11-13). Não podemos ser soberbos, nos julgar melhores ou mais sábios do que os demais, mas, ao contrário, saber que somos servos, e que, enquanto todos se julgam vivos, nós no julgamos mortos. Sabemos que, assim como Cristo foi perseguido e humilhado, também somos e seremos, mas em tudo damos Glórias a Ele. Não podemos nos julgar mais espirituais do que ninguém, afinal, não esquecemos do que o nosso Mestre disse: "quem quiser ser o maior que seja o menor aqui". Assim nada sabemos por nós mesmos, mas tudo sabemos e discernimos em Cristo. Não apoiamos nem concordamos com os que vivem em práticas erradas e contrárias à Palavra de Deus, com o pecado, ao contrário, exortamos todos para que abandonem as práticas erradas, afinal somos cooperadores de Cristo. "Não vos prendais a um jugo desigual com os infiéis; porque, que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas? E que concórdia há entre Cristo e Belial? Ou que parte tem o fiel com o infiel?" (2 Coríntios 6:14-15). Não podemos nos associar com os infiéis ao Senhor, porque também estaremos sendo infiéis, estaremos apoiando e concordando com o erro. Assim, não participamos de nada que seja contrário à Palavra de Deus, e não nos associamos com os que não praticam a Palavra de Deus, isso é mandamento do Senhor. "E que consenso tem o templo de Deus com os ídolos? Porque vós sois o templo do Deus vivente, como Deus disse: Neles habitarei, e entre eles andarei; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo. Por isso saí do meio deles, e apartai-vos, diz o Senhor; E não toqueis nada imundo, E eu vos receberei; E eu serei para vós Pai, E vós sereis para mim filhos e filhas, Diz o Senhor Todo-Poderoso." (2 Coríntios 6:16-18).
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
 Pr.Henrique Lino
Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário