NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

PREGAR NO SÁBADO

"E desceu a Cafarnaum, cidade da Galiléia, e os ensinava nos sábados." (Lucas 4:31)

 Eu me pego a pensar analisando as pessoas e, principalmente, as religiões, seitas e outros dogmas, mas a minha maior preocupação é com as pessoas, o ser humano, que teima em distorcer a verdade, ou se recusar a enxergar, a ver o que está exposto de maneira clara e transparente. Somos pessoas especialistas em justificar o injustificável, somos enganadores por natureza, digo isso por ver as inúmeras contradições em ensinamentos que utilizam a Bíblia. Um exemplo é que, através da Bíblia, o Evangelho de Jesus Cristo, aprendemos que devemos ser discípulos de Cristo, devemos agir, praticar os mesmos atos que Ele. Mas muitos se recusam a fazer as coisas mínimas e ainda ensinam de maneira errada, e muitos aceitam e seguem essas doutrinas, talvez por preguiça de lerem, meditarem nas Escrituras. A Bíblia nos mostra que uma das maiores acusações que os judeus tinham contra Jesus era o fato de Ele trabalhar no sábado, o fato de Ele operar milagre, maravilhas, em dia de sábado. Os fariseus o acusavam constantemente por isso, e essa acusação foi apresentada no suposto julgamento. Se Jesus trabalhava no sábado, e vemos isso de maneira clara no Evangelho, e se somos seus discípulos, não temos desculpas para alegar que o sábado é um dia santo, que é um dia em que devemos ficar quietos. Não podemos usar uma antiga lei, que se cumpriu em Jesus, porque, se somos cristãos, se somos discípulos de Jesus, então, assim como Ele, não fazemos separações de dias. "E admiravam a sua doutrina porque a sua Palavra era com autoridade." (Lucas 4:32).Jesus ensinava com Poder e autoridade, e essa autoridade e esse Poder Ele nos deixou, assim também os discípulos Dele têm que da mesma maneira ensinar, não criando fantasias ou oferecendo o que Ele não oferece, ou permitindo o que Ele condena. Também não se pode usar parte da antiga lei, porque o que vivemos é a Graça, e ela encontramos no Novo Testamento. Não se pode falar em cumprir a lei e ser discípulo de Jesus, porque há uma total incompatibilidade. Temos que ensinar o que Jesus ensinava e ensina através de nós, temos que usar de Poder e confiança, porque, se temos fé Nele, então somos intrépidos no falar, no ensinar o seu Evangelho. Temos que saber o que falamos, temos que conhecer a vontade de Deus e colocá-la em prática. Portanto, só existe uma maneira de pregar e ensinar o Evangelho, que é com Verdade, porque Ele é a Verdade.
 "E estava na sinagoga um homem que tinha o espírito de um demônio imundo, e exclamou em alta voz, Dizendo: Ah! que temos nós contigo, Jesus Nazareno? Vieste a destruir-nos? Bem sei quem és: O Santo de Deus." (Lucas 4:33-34). Quando Jesus pregava, falava, ensinava, os demônios se manifestavam, porque Ele pregava com Poder. Mas, antes que alguém pense, questione dizendo que isso Ele fazia por ser Deus, quero lembrar que Jesus se destituiu do seu Poder e veio ao mundo como um homem carnal, igual a qualquer um. Mas a vitória Dele se deu pela obediência ao Pai, ao contrário do primeiro Adão que, por ser desobediente, trouxe o pecado para todos nós. Cristo, para vencer, tinha que vir como homem, portanto o que Ele fazia era como homem, nos mostrando que em seu Nome tudo podemos. Assim fica difícil entender pessoas, denominações que dizem ser cristãos, discípulos de Jesus, mas que não expulsam os demônios. Os demônios reconheciam e gritavam, sabiam que Jesus veio para os destruir, mas nós, que dizemos ser discípulos Dele, que dizemos falar em seu Nome, não podemos nos omitir em dar a ordem a todos os demônios, mandando-os embora."E Jesus o repreendeu, dizendo: Cala-te, e sai dele. E o demônio, lançando-o por terra no meio do povo, saiu dele sem lhe fazer mal." (Lucas 4:35). Da mesma maneira, há outros que querem bater papo, ter diálogo com os demônios, e não percebem que são enganados e usados pelos próprios demônios que tentam expulsar. Sim, porque os demônios, que são naturalmente mentirosos, sempre vão responder com mentiras e acusando, trazendo brigas e desavenças. Geralmente se ouve eles acusarem alguém de ter feito trabalhos e macumba, assim a pessoa e seus parentes automaticamente ficam com raiva de uma outra pessoa, acreditando realmente que ela fez algum trabalho. Jesus mandava os demônios se calarem, mesmo porque os demônios nada têm para nos falar que possa realmente interessar, e não precisamos mostrar poder, ou demonstrar nada. Os que querem demonstrar uma espiritualidade, querendo se mostrar, já estão pecando, com pecado de orgulho e soberba. Portanto, o que temos que fazer é simplesmente ser discípulos de Jesus, fazer como Ele fazia, ensinar com autoridade, e isso em qualquer dia, e expulsar os demônios sem deixá-los falar nada. Temos que agir com verdade, ser autênticos.
 "E veio espanto sobre todos, e falavam uns com os outros, dizendo: Que Palavra é esta, que até aos espíritos imundos manda com autoridade e poder, e eles saem?" (Lucas 4:36). Quando se pratica o Evangelho de Jesus Cristo, o mesmo Poder que Ele operava nós também operamos, porque falamos não em nosso nome, mas no Dele, e Ele vive em nós. Mas é claro que, para isso acontecer, devemos viver como Ele viveu, em santidade. Praticar como Ele praticou, porque, se não vivermos o Evangelho Dele, nada conseguiremos, e na antiga lei não se expulsavam demônios, porque Jesus não tinha vindo, mas agora Jesus está agindo através de nós, devemos expulsar todos no seu Nome. Quando deixamos de fazer isso, deixamos de expulsar os demônios, estamos em desobediência a sua Palavra, e por vários motivos, o primeiro seria por falta de santificação e, portanto, não temos poder. Segundo, seria por preguiça, medo ou desobediência, porque, se Ele mandou, nós, como discípulos, simplesmente cumprimos. "E a sua fama divulgava-se por todos os lugares, em redor daquela comarca." (Lucas 4:37). A fama de Jesus circulava por toda parte, e todos sabiam que Ele era o Messias, sabiam que Ele era o Filho de Deus, caso contrário, não poderia operar tantos sinais. Por tal motivo o mataram por inveja, mas, principalmente, porque a Luz incomoda as trevas, e a Palavra de Deus deveria se cumprir. Mas nós, como seus servos, devemos mostrar a face de Jesus, agir com poder e intrepidez no seu Nome, e todos saberão que somos discípulos de Jesus. Agir com poder e humildade, sem soberba, libertando os cativos, porque Jesus está vivo e veio trazer liberdade aos oprimidos, e para isso nos usa. Não podemos recusar fazer o nosso trabalho, porque iremos prestar conta das nossas desobediências. "Ora, levantando-se Jesus da sinagoga, entrou em casa de Simão; e a sogra de Simão estava enferma com muita febre, e rogaram-lhe por ela." (Lucas 4:38). Onde Jesus chegava, se houvesse alguém possuído, Ele o libertava; se houvesse alguém enfermo, Ele curava. E nos mandou fazer o mesmo em seu Nome, por isso, onde estivermos, se existir alguém enfermo, devemos expulsar a enfermidade no seu Nome, porque, a bem da verdade, pelas feridas Dele todos nós somos curados. Não importa qual seja a enfermidade, devemos orar e com autoridade, no Nome de Jesus mandar sair, e com certeza sairá, se estivermos vivendo em santidade, praticando o Evangelho, porque não podemos esquecer que Jesus vive em nós, e o mal sai é em Nome de Jesus, e Ele mesmo continua curando, libertando."E, inclinando-se para ela, repreendeu a febre, e esta a deixou. E ela, levantando-se logo, servia-os. E, ao pôr do sol, todos os que tinham enfermos de várias doenças lhos traziam; e, pondo as mãos sobre cada um deles, os curava." (Lucas 4:39-40). Temos que deixar a hipocrisia, a mentira e o engano, deixar a religiosidade e agir com poder, porque o Evangelho é Poder. Temos que ser autênticos discípulos de Jesus e não mentirosos, praticantes de uma religião qualquer. "E também de muitos saíam demônios, clamando e dizendo: Tu és o Cristo, o Filho de Deus. E ele, repreendendo-os, não os deixava falar, pois sabiam que ele era o Cristo." (Lucas 4:41). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino
 Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário