NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

domingo, 8 de novembro de 2015

OS SINAIS DE CRISTO

"E, ainda que tinha feito tantos sinais diante deles, não criam Nele." (João 12:37)

 A incredulidade é uma escolha, as pessoas escolhem crer ou não em determinado fato ou pessoa. Em relação a Jesus, os judeus assistiram a todos os tipos de milagres realizados por Cristo, mas em seu interior tomaram a decisão de não crerem Nele. Exatamente por inveja e outros maus sentimentos, resolveram rejeitar o Senhor e, de maneira deliberada, rejeitaram Deus e optaram pelo mal. Nunca ninguém tinha visto ou tinha conhecimento de que uma pessoa poderia fazer tão grandiosos sinais como Jesus, que alimentou por duas vezes uma multidão de pessoas com alguns pãezinhos e peixinhos. Curou cegos de nascença, fez aleijado andar, ressuscitou mortos, e muito mais. Mas como estavam decididos a não o aceitar como o Messias, como o Filho de Deus, não importava o sinal que fizesse, eles o recusavam. Assim são as inúmeras pessoas que vemos no nosso dia a dia, pessoas que já presenciaram todos os tipos de milagres, livramentos do Senhor, mas, mesmo assim, mantêm o seu coração duro e não aceitam o Senhor. Existem pessoas que o Senhor tem protegido, delas tem cuidado, tem livrado por amor ao seu Nome, mas, mesmo assim, essas pessoas o renegam, chegando ao ponto de serem recolhidas e irem para o sofrimento, porque não quiseram ter vida em Cristo. Os prazeres do mundo fazem com que as pessoas endureçam os seus corações exatamente por não quererem deles abrirem mão. Vivemos uma geração de incrédulos, em que mesmo as pessoas que lotam os templos, as igrejas, as que gostam de receber milagres, bênçãos não creem no Senhor, porque é fácil saber quem crê ou não no Senhor. Uma vez que quem crê se converte e pratica os seus preceitos, porque sabe que, se não o fizer, sofrerá. Já quem não crê não pratica, pois não acredita na Palavra do Senhor. "Para que se cumprisse a palavra do profeta Isaías, que diz: Senhor, quem creu na nossa pregação? E a quem foi revelado o braço do Senhor?" (João 12:38). Tudo isso que aconteceu e acontece é previsto e revelado por Deus. O Senhor fez questão de dizer que aconteceria, e ainda mais: Jesus disse que nos finais dos tempos o amor de muitos esfriaria, e também assistimos a isso. A incredulidade reina, principalmente dentro dos templos denominados evangélicos, e o que é o pior: nos púlpitos, nos altares, onde se pratica e ensina qualquer coisa, menos o Evangelho de Jesus Cristo.
 "Por isso não podiam crer, então Isaías disse outra vez:
Cegou-lhes os olhos, e endureceu-lhes o coração, A fim de que não vejam com os olhos, e compreendam no coração, E se convertam, E eu os cure. Isaías disse isto quando viu a sua glória e falou Dele." (João 12:39-41)
.
 Todos os que têm decidido em seus corações não crer e não aceitar a Palavra, a Verdade, não a receberam e nem receberão absolutamente nada que provem dela que lhes possa beneficiar. Assim esses incrédulos já foram cegos, já ficaram sem entendimentos pelo Senhor, por causa da dureza dos seus corações, e assim não entendem e não compreendem nada e, consequentemente, nada recebem. Por tal motivo, vemos tantos enfermos, pessoas derrotadas, fracassadas moralmente, fisicamente, financeiramente, profissionalmente e familiarmente dentro dos templos. São pessoas que vivem nos templos, falam como se fossem ovelhas do rebanho do Senhor, mas, na verdade, não creem Nele, assim como muitos que rodeavam Jesus, que estavam sempre por ali, mas não criam Nele, prova tal que pediram a sua morte. Essas pessoas lotam os templos, mas não creem que o Senhor as possa curar, ou melhor, que já levou todas as suas enfermidades, por isso padecem em suas enfermidades. Se fossem pessoas crédulas, se realmente cressem na Palavra de Deus, já há muito teriam recebido o milagre em suas vidas. O fato de alguém ir a uma igreja, a um templo qualquer não significa que sejam pessoas de fé, Jesus vivia cercado por multidões, e a maioria não cria Nele. O fato de alguém querer, desejar um milagre, uma bênção não a transforma em alguém de fé. Querer, desejar é uma coisa, acreditar que vai receber é outra. "Apesar de tudo, até muitos dos principais creram Nele; mas não o confessavam por causa dos fariseus, para não serem expulsos da sinagoga." (João 12:42). Sempre havia alguns que criam, acreditavam, mas não era uma fé legítima, verdadeira, firme, porque eles temiam mais os homens do que a Deus. Eles até acreditavam em Jesus, mas não confessavam, não se revelavam por medo de serem expulsos das sinagogas, ou de perseguições. Assim também encontramos muitos que até creem no Senhor, mas não se declaram publicamente, pois têm medo das perseguições. Pessoas que em seu trabalho, vida profissional não se declaram como cristãos, pois têm medo de serem motivo de gracejo. Pessoas que não têm coragem de, em casa, no meio dos familiares, confessarem o Senhor, porque não querem ser acusadas de tolas ou alienadas.
 "Porque amavam mais a glória dos homens do que a glória de Deus." (João 12:43). As pessoas preferem ser aceitas pelos homens, pelas pessoas do que pelo Senhor. Isso não é uma fé legítima válida, porque, na verdade, é uma rejeição, porque fazem escolhas, e o Senhor é preterido. Pessoas se omitem até mesmo na hora de preencherem currículo para solicitarem emprego, porque têm medo de colocar que são cristãs e serem rejeitadas. As pessoas não aceitam ser conhecidas como crentes, porque irão taxá-las de bobas, tolas, e não mais convidadas para o meio deles. Por isso muitos se dizem cristãos, mas se misturam com as pessoas do mundo e praticam os mesmos atos, e, assim, nunca crescem espiritualmente. Preferem o mundo, as pessoas, querem agradar a todos, e sempre deixam o Senhor por último;assim também são rejeitados pelo Senhor. "E Jesus clamou, e disse: Quem crê em mim, crê, não em mim, mas naquele que me enviou. E quem me vê a mim, vê aquele que me enviou. Eu sou a Luz que vim ao mundo, para que todo aquele que crê em mim não permaneça nas trevas."(João 12:44-46). Quem acredita em Jesus acredita em Deus, e o vemos em sua Palavra, porque Ele é o Verbo. Acreditar em Deus é acreditar no Evangelho, é acreditar na Bíblia, porque agora só o vemos lá. Jesus e Deus são um e são a Palavra, que nos fala pela Bíblia. Jesus é a Luz, é o Conhecimento, e todos os que o rejeitam, que não creem Nele estão em trevas e não sabem para onde vão. Quem fala que acredita em Deus, mas não acredita na Bíblia, na sua Palavra, é tolo e não conhece o Senhor, por conseguinte não crê. "E se alguém ouvir as minhas palavras, e não crer, eu não o julgo; porque eu vim, não para julgar o mundo, mas para salvar o mundo. Quem me rejeitar a mim, e não receber as minhas palavras, já tem quem o julgue; a Palavra que tenho pregado, essa o há de julgar no último dia." (João 12:47-48). Jesus já nos falou e fala pela sua Palavra, e seremos julgados por ela, seremos condenados ou absolvidos por ela. Se a praticamos, a respeitamos, daí resultará a vida, ou, se não a praticamos, seremos condenados à morte. O Senhor revelou tudo a nós, temos o Evangelho, temos Jesus, e podemos escolher segui-lo ou não, crer Nele ou não, e dessa escolha resultará o que acontecerá em nosso futuro. O que pode nos acontecer está explícito em sua Palavra, no Evangelho, a decisão é nossa: crer ou não. "Porque eu não tenho falado de mim mesmo; mas o Pai, que me enviou, ele me deu mandamento sobre o que hei de dizer e sobre o que hei de falar. E sei que o seu mandamento é a vida eterna. Portanto, o que eu falo, falo-o como o Pai mo tem dito." (João 12:49-50). 
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino
 Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário