NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

sexta-feira, 8 de maio de 2015

O QUE SE FAZ NA PÁSCOA

E estava próxima a páscoa dos judeus, e Jesus subiu a Jerusalém. E achou no templo os que vendiam bois, e ovelhas, e pombos, e os cambiadores assentados. (João 2:13-14)

            Próximo à páscoa dos judeus, Jesus vai ao templo, à igreja dos judeus, e se depara com os comerciantes da fé, na época, os que vendiam e comercializavam animais para holocaustos e sacrifícios pacíficos, os que trocavam moedas, dinheiro para  que o povo ofertasse no templo, ou seja, não muito diferentes dos  que encontramos hoje nas igrejas vendendo livros, CDs, DVs, TVs, shows gospel, contratando pregadores, conferencistas, campanhas,  viagens à terra santa, retiros espirituais, curso de teologias e mais um monte de coisa, produtos que vendem aos incautos em nome de uma fé  que eles mesmo não têm. Também vendem  salgados, lanches, bebidas e outras "coisitas" mais, como perfumes, e, pasmem, até lutas de MMA. Jesus os encontrou no templo aquele dia e os encontra agora constantemente em vários templos com a mesma ganância disponibilizando vários meios e forma de pagamentos, simplesmente um comércio. "E tendo feito um azorrague de cordéis, lançou todos fora do templo, também os bois e ovelhas; e espalhou o dinheiro dos cambiadores, e derribou as mesas;" (João 2:15). Jesus, então, de forma fria e calculada fez um chicote, sim porque azorrague é sinônimo de açoite, chicote, látego, pinguelim e vergalho, e expulsou do templo todos esses comerciantes. E em toda a história do ministério terreno de Jesus, o único momento em que vemos o Senhor procurando bater, irado e expulsando da sua casa, da igreja, é esse, quando Ele não permite, nem aceita, nem concorda por qualquer motivo,  com qualquer espécie de comércio na sua casa. "E disse aos que vendiam pombos: Tirai daqui estes, e não façais da casa de meu Pai casa de venda." (João 2:16). Jesus falou  muito claro que não poderiam ou podem transformar a casa Dele, a igreja, em lugar de comércio, e  se temos ou devemos respeitar a sua Palavra, então não podemos abrir exceção em benefício próprio, nem criar justificativas, e  todos  pecam, não só os que vendem, mas também os que compram. Todos são expulsos pelo próprio Senhor.
            "E os seus discípulos lembraram-se do que está escrito: O zelo da tua casa me devorará. Responderam, pois, os judeus, e disseram-lhe: Que sinal nos mostras para fazeres isto?" (João 2:17-18). Sempre que esses mercadejantes da fé questionem, queiram saber o porquê de não poderem fazer isso, assim como esses judeus perguntaram quem era Ele para agir daquela maneira, de igual maneira  hoje se justificam e questionam  como vão manter obras, canais de TVs,  abrir igrejas,  mas se esquecem de que a função dos dízimos e ofertas é exatamente para isto e não para luxo e conforto de líderes e suas famílias. A manutenção da igreja e a ajuda aos que necessitam acontecem através de dízimos e ofertas, que são dados de forma espontânea, e não forçada, através de coação, e também é ilegal a venda de acampamento, retiros, pois também devem ser custeados pelas ofertas, porque, se forem pagos, existirá a discriminação, pessoas, crianças ficam tristes e sofrem por não terem dinheiro, pois os que não podem pagar não irão, e a igreja foi fundada com todos tendo tudo em comum. Portanto, se a igreja pode oferecer a todos, que o faça, caso contrário, não o faça. "Jesus respondeu, e disse-lhes: Derribai este templo, e em três dias o levantarei." (João 2:19). Quando falaram em sinal, como  o povo gosta de pedir, ainda hoje, sinal para isto e para aquilo, sinal para saber se é de Deus ou não, se vai acontecer isto ou aquilo,  se será abençoado ou não, não atentam, não observam a Palavra, pois todas as respostas para todas as questões se encontram na Bíblia. Jesus respondeu na Palavra e ainda estava mostrando que o principal templo é o corpo, onde realmente é a igreja do Senhor. "Disseram, pois, os judeus: Em quarenta e seis anos foi edificado este templo, e tu o levantarás em três dias? Mas ele falava do templo do seu corpo." (João 2:20-21).  Jesus falava de forma espiritual, falava da Palavra, e eles, da carne. o Senhor se referia ao tabernáculo, ao seu corpo físico, e eles, preocupados com o templo prédio, como muitos se preocupam com tamanho e grandeza, conforto,  luxo, imponência de prédio.
         "Quando, pois, ressuscitou dentre os mortos, os seus discípulos lembraram-se de que lhes dissera isto; e creram na Escritura, e na palavra que Jesus tinha dito." (João 2:22). Muitos  somente acreditam depois de constatado, e por isso deixam de ser abençoados, de crescerem espiritualmente,  agem de maneira errada, pois querem ver para crer, e o Evangelho é crer para ver. Tudo absolutamente tudo se discerne espiritualmente, e todas as respostas que queremos ou de que necessitamos se encontra na Palavra. Se meditarmos e colocarmos em prática, seremos sempre sábios. "E, estando ele em Jerusalém pela páscoa, durante a festa, muitos, vendo os sinais que fazia, creram no seu nome." (João 2:23). Muitas daquelas pessoas creram Nele  somente pelos sinais que Ele fez, mas mesmo assim a crença deles era fraca e temporária, pois ainda assim eram carnais. Mas o Senhor conhece a cada um, Ele conhece o ser humano, Ele nos conhece. É impossível escondermos nossos sentimentos, pensamentos e desejos do Senhor, e receberemos resposta de acordo com eles. "Mas o mesmo Jesus não confiava neles, porque a todos conhecia; E não necessitava de que alguém testificasse do homem, porque ele bem sabia o que havia no homem." (João 2:24,25).
Leiam e pratiquem a Biblia. Que Deus os abençoe!
Um abraço,
                                        Pr.Henrique Lino
 Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. 
Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário