NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

quinta-feira, 19 de março de 2015

A NOVA ALIANÇA

"Mas, vindo Cristo, o sumo sacerdote dos bens futuros, por um maior e mais perfeito tabernáculo, não feito por mãos, isto é, não desta criação." (Hebreus 9:11)

   Na época da lei, os sacerdotes tinham que oferecer sacrifícios constantes, por eles mesmos e pelo povo, mas com o sangue de animais era impossível salvar os pecadores. Naquela época havia somente um sumo sacerdote que entrava no lugar separado, no Santo dos Santos, e assim mesmo uma vez por ano. Somente o sumo sacerdote é que tinha o direito de falar com o Senhor e clamar pelo povo, mas mesmo assim o pecado era somente coberto e não eliminado. Esse local, esse tabernáculo em que o sumo sacerdote entrava uma vez ao ano era uma construção feita por mãos humanas. Mesmo assim, somente ele podia entrar, e sem pecado, caso contrário, morria lá dentro, e tinha que ser arrastado para fora pela corda que ficava presa na sua cintura, uma vez que ninguém poderia entrar lá, nem mesmo para tirar o cadáver. Temos que atentar para o fato de que nesse tabernáculo feito por mãos humanas, que era chamado de Santo dos Santos, o pecado era imperdoável. "Nem por sangue de bodes e bezerros, mas por seu próprio sangue, entrou uma vez no santuário, havendo efetuado uma eterna redenção." (Hebreus 9:12). Esses sacerdotes que morriam, como todos, e podiam morrer inclusive no próprio tabernáculo, não podiam justificar a si mesmo e nem ao povo, somente através de sangue de animais. Somente Jesus Cristo teve condições de entrar realmente no Santo dos Santos porque Ele veio de lá. Somente Ele podia oferecer sacrifício real por toda a humanidade, somente o seu sangue podia nos resgatar. "Porque, se o sangue dos touros e bodes, e a cinza de uma novilha esparzida sobre os imundos, os santifica, quanto à purificação da carne." (Hebreus 9:13). Era uma exigência do Senhor naquela época que se oferecesse sangue de animais no altar para encobrir o pecado, para encobrir somente, e mesmo nessa condição os pecadores, os que afrontavam o Senhor, os que desobedeciam a essas ordenanças eram eliminados pelo Senhor. Muito mais serão os que não reconhecem o sangue de Cristo, o sangue do Filho amado de Deus.
   "Quanto mais o sangue de Cristo, que pelo Espírito eterno se ofereceu a si mesmo imaculado a Deus, purificará as vossas consciências das obras mortas, para servirdes ao Deus vivo?" (Hebreus 9:14). O sangue de Cristo purifica de todos os pecados, mas é claro que essa purificação só acontece quando reconhecemos e aceitamos Ele em nossas vidas. Jesus se ofereceu uma única vez pelos pecados de todos, não como os sacerdotes, que tinham que fazer diariamente com sangue de animais. Jesus se ofereceu, o seu sangue encerrou todo o sacrifício, desde então não mais é exigido ou aceito sacrifício de qualquer espécie. Agora devemos simplesmente reconhecer nossos erros e falhas, nos arrependermos, pedir perdão e nos entregarmos a Ele, sem quaisquer sacrifícios. Assim também não é permitido que se pise no sangue de Cristo e continue a viver. E o pisar se dá quando rejeitamos, escarnecemos e repudiamos, ou desacreditamos do seu sacrifício, neste caso resta somente a morte e por toda a eternidade. "E por isso é Mediador de um novo testamento, para que, intervindo a morte para remissão das transgressões que havia debaixo do primeiro testamento, os chamados recebam a promessa da herança eterna." (Hebreus 9:15). Antes mesmo na nova aliança, mesmo com o oferecimento de sacrifícios diários, o pecado existia e não era eliminado, mas Jesus veio nessa nova aliança e eliminou o pecado de uma vez por todas. Quando falamos de eliminação do pecado, é somente para quem o reconhece como Filho de Deus e reconhece o sacrifício da cruz. Caso contrário, quem permanece no erro, no pecado, o pecado viverá nele até a morte. A herança eterna está disponível para todos, e todos podem ser lavados e remidos pelo sangue de Jesus, basta aceitar, querer, se converter. Não é simplesmente por uma aceitação labial, verbal, mas pela circuncisão do coração. Vivemos não a antiga lei que se cumpriu integralmente em Jesus, agora vivemos a nova aliança, o novo testamento."Porque onde há testamento, é necessário que intervenha a morte do testador." (Hebreus 9:16). Testamento é um documento que só tem validade após a morte do testador. É um documento que expressa os desejos, a vontade do seu outorgante, assim o novo testamento invalida qualquer outro que tenha existido anteriormente, após a morte do seu outorgante. "Porque um testamento tem força onde houve morte; ou terá ele algum valor enquanto o testador vive?" (Hebreus 9:17). O testamento é para expressar os desejos da pessoa e só terá validade após a sua morte, e assim, após a morte de Jesus, ficou validado o novo testamento, porque os beneficiários não têm direito aos benefícios a eles atribuídos em testamento sem que o testador morra. Com a morte de Jesus foi devidamente atestada "a promessa da herança eterna", que já se transformou em realidade para os seus beneficiários.
   "Por isso também o primeiro não foi consagrado sem sangue;
Porque, havendo Moisés anunciado a todo o povo todos os mandamentos segundo a lei, tomou o sangue dos bezerros e dos bodes, com água, lã purpúrea e hissopo, e aspergiu tanto o mesmo livro como todo o povo,
Dizendo: Este é o sangue do testamento que Deus vos tem mandado."(Hebreus 9:18-20).
 A primeira aliança foi consagrada com sangue, mas com sangue de animais, portanto não podia ter força, uma vez que o sangue derramado foi de animais. Mas agora o sangue derramado é do Cordeiro de Deus, do Filho de Deus, assim de uma vez por todas eliminou o pecado. Vivemos não na antiga aliança, mas na nova aliança, no novo testamento em que devemos obedecer ao testador somente, uma vez que tudo se encerrou Nele. Para poder fazer a nova aliança, foi necessário Ele cumprir integralmente a antiga aliança, e Ele a cumpriu com louvor e assumiu todos os nossos pecados."E semelhantemente aspergiu com sangue o tabernáculo e todos os vasos do ministério. E quase todas as coisas, segundo a lei, se purificam com sangue; e sem derramamento de sangue não há remissão." (Hebreus 9:21-22). O sangue que foi derramado foi o do Filho de Deus, e não o de animais, assim que esse tabernáculo foi aspergido com sangue inocente do Filho de Deus. Esse Cordeiro que com esse gesto selou a nova aliança, e na sua morte trouxe a salvação a todos, foi revivido pelo Pai e está sentado à sua direita. "De sorte que era bem necessário que as figuras das coisas que estão no céu assim se purificassem; mas as próprias coisas celestiais com sacrifícios melhores do que estes." (Hebreus 9:23).Portanto, uma vez que a antiga lei, a antiga aliança era baseada em sangue de animais, é claro que só poderia ser invalidada com algo superior, e portanto veio do Céu o Filho amado de Deus para com o seu sangue invalidar e trazer a salvação a todos. Por isso todos os que querem viver, praticar a antiga lei estão em pecado e pisando no sangue de Cristo. "Porque Cristo não entrou num santuário feito por mãos, figura do verdadeiro, porém no mesmo céu, para agora comparecer por nós perante a face de Deus; Nem também para a si mesmo se oferecer muitas vezes, como o sumo sacerdote cada ano entra no santuário com sangue alheio." (Hebreus 9:24-25). Jesus entrou no tabernáculo, mas o de Deus Pai, e não em uma construção feita por mãos humanas, e foi o primeiro e abriu-nos a porta para que todos os que creiam Nele e no seu sacrifício possam também entrar. Ele se ofereceu somente uma vez, e então selou para sempre o novo testamento, a nova aliança. "De outra maneira, necessário lhe fora padecer muitas vezes desde a fundação do mundo. Mas agora na consumação dos séculos uma vez se manifestou, para aniquilar o pecado pelo sacrifício de si mesmo.
E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo, Assim também Cristo, oferecendo-se uma vez para tirar os pecados de muitos, aparecerá segunda vez, sem pecado, aos que o esperam para salvação." (Hebreus 9:26-28).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço,
 Pr.Henrique Lino

Se voce está passando por problemas na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. 
Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário