NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

COMO PESCAR

"Depois disto manifestou-se Jesus outra vez aos discípulos junto do mar de Tiberíades; e manifestou-se assim." (João 21:1)

Depois que Jesus foi crucificado e morreu na cruz do Calvário, Ele foi levado à sepultura, permanecendo morto por três dias, quando foi ressuscitado pelo Deus Pai. E assim se cumpriu a Palavra do Senhor.Mas, após a ressurreição, Jesus apareceu onze vezes em um espaço de quarenta dias, e essas aparições no corpo glorificado aconteceram para várias pessoas e em situações diversas. Sempre que aparecia, Jesus fazia questão de mostrar que não era um fantasma, que estava vivo. Ele fazia questão de se alimentar e se deixava tocar, mas aparecia em ambientes fechados. Neste relato vemos uma dessas aparições, em que Jesus se mostra aos seus discípulos para dar mandamentos a eles e a todos nós."Estavam juntos Simão Pedro, e Tomé, chamado Dídimo, e Natanael, que era de Caná da Galiléia, os filhos de Zebedeu, e outros dois dos seus discípulos. Disse-lhes Simão Pedro: Vou pescar. Dizem-lhe eles: Também nós vamos contigo. Foram, e subiram logo para o barco, e naquela noite nada apanharam. "(João 21:2-3). Estavam oito discípulos de Jesus juntos, quando Pedro resolve ir pescar, mesmo porque ele tinha a profissão de pescador. Os outros sete discípulos resolvem acompanhá-lo nessa pescaria. Tentaram durante a noite toda e nada pescaram. Pela manhã retornam à praia e, é claro, com o desânimo tomando conta, depois de haverem passado uma noite toda no mar tentando pescar e nada conseguirem. "E, sendo já manhã, Jesus se apresentou na praia, mas os discípulos não conheceram que era Jesus." (João 21:4). Jesus apresentou-se na praia, e como ainda estava um pouco afastado (cem metros aproximadamente, que é igual a duzentos côvados), não conseguiram identificar bem quem era, viram somente uma pessoa na praia. Cremos que eles também não estavam com o coração aberto naquele momento para ver o Senhor, assim como os discípulos que estavam indo a Emaús, porque, se não estivermos com o coração aberto e prontos para vermos o Senhor, nada veremos. Mas,naquele caso, Jesus tinha o propósito de nos deixar ensinamentos, além de dar ordenanças para os discípulos e para todos nós. Quando não estamos andando em espírito, o Senhor está ao nosso lado, mas não o identificamos, não o reconhecemos, e muitas vezes precisamos ser alertados, para percebermos o seu cuidado e recebermos suas determinações.
"Disse-lhes, pois, Jesus: Filhos, tendes alguma coisa de comer? Responderam-lhe: Não."(João 21:5). Jesus pergunta-lhes se têm algo para comer - não que Ele não soubesse, mesmo porque Ele, como Deus, tudo sabe. Creio que Ele deve ter gritado para que eles ouvissem, uma vez que eles ainda estavam na água em certa profundidade e ainda em condições de se lançarem as redes. Jesus faz questão de mostrar que está em corpo glorificado, mostrando os sinais para que os seus discípulos o reconhecessem, para que abrissem os olhos e vissem que Ele era o Senhor. "E ele lhes disse: Lançai a rede para o lado direito do barco, e achareis. Lançaram-na, pois, e já não a podiam tirar, pela multidão dos peixes." (João 21:6). Jesus, após ouvir a resposta deles de que não tinham nada para comer, manda-lhes jogar a rede à direta do barco, e antecipadamente lhes informa que acharão peixes. Jesus pediu algo para comer, e como eles disseram que nada tinham, então o Senhor providenciou, mandou eles apanharem no local certo,à direita do barco, onde havia peixes, como vemos. Eles passaram a noite toda no mar e nada pescaram, mas agora, quase na praia, nas margens, jogam as redes e apanham uma enorme quantidade de peixes. Encheram as redes como provavelmente nunca tinha acontecido. "Então aquele discípulo, a quem Jesus amava, disse a Pedro: É o Senhor. E, quando Simão Pedro ouviu que era o Senhor, cingiu-se com a túnica (porque estava nu) e lançou-se ao mar." (João 21:7). A referência ao discípulo a quem o Senhor amava é uma fala do próprio autor deste, ou seja, João, filho de Zebedeu, que é aquele que na Ceia estava ao lado de Jesus, encostado Nele. João foi o primeiro a reconhecer que era Jesus, não se sabe se foi pelo milagre da pesca ou se por outro motivo, mas ele disse a Pedro que era Jesus. Vemos a atitude de respeito de Pedro: ao saber que era Jesus, lançou-se nas águas porque estava com o dorso nu. Esse respeito não vemos atualmente, as pessoas vão para as igrejas, para os templos de bermuda, camisetinhas, de bonés, com grandes decotes, saias curtíssimas ou roupas transparentes, ou justíssimas, mostrando os contornos do corpo. Apesar de saírem dessa maneira para irem ao encontro do Senhor, acham que devem ser atendidas por Ele de qualquer maneira. Mas o incrível é que, quando têm de falar com uma autoridade, um juiz, vestem-se de maneira correta e decente, caso contrário não são recebidas. Pedro estava com parte do corpo desnudo porque estava trabalhando, mas, quando viu o Senhor, se atirou na água para vestir a sua roupa.
"E os outros discípulos foram com o barco (porque não estavam distantes da terra senão quase duzentos côvados), levando a rede cheia de peixes." (João 21:8).Enquanto Pedro se prepara, se veste de maneira decente, se compõe para se apresentar ao Senhor, os outros discípulos que estavam vestidos se dirigem para a praia com os barcos a uma distância de aproximadamente cem metros, levando os peixes. "Logo que desceram para terra, viram ali brasas, e um peixe posto em cima, e pão." (João 21:9). Os discípulos, ao chegaremà terra firme, ao se aproximarem de Jesus, veem que já está o alimento pronto, o pão e o peixe assado. Jesus tinha perguntado se eles tinham algo para comer antes, e, como disseram que não tinham, o Senhor providenciou alimento imediato e ainda mostrou onde eles conseguiriam mais.Jesus já tinha o alimento pronto, mas mesmo assim pede que eles tragam mais um dos peixes que acabaram de pescar. "Disse-lhes Jesus: Trazei dos peixes que agora apanhastes." (João 21:10). Que maravilha! Esses discípulos, depois de voltarem de uma pescaria infrutífera, se deparam com Jesus, que os auxilia, faz com que a situação seja mudada, e ainda os espera com o alimento pronto, o manjar pronto. "Simão Pedro subiu e puxou a rede para terra, cheia de cento e cinquenta e três grandes peixes e, sendo tantos, não se rompeu a rede." (João 21:11).Jesus mostra milagres o tempo todo, porque, além de fazer com que pescassem cento e cinquenta e três grandes peixes,ainda a rede não arrebentou, o que seria quase impossível para uma rede artesanal.Se ouvirmos o Senhor, a nossa pesca é frutífera, e com certeza as nossas redes não se romperão, e assim teremos condições de trazer o produto da nossa pescaria, se formos a Ele em atitude respeitosa, não querendo tratá-lo como um de nós, mas sabendo que Ele é Deus."Disse-lhes Jesus: Vinde, comei. E nenhum dos discípulos ousava perguntar-lhe: Quem és tu? sabendo que era o Senhor. Chegou, pois, Jesus, e tomou o pão, e deu-lhes e semelhantemente o peixe." (João 21:12-13).Jesus convida a comer esses discípulos pescadores,cansados após uma noite inteira de tentativas frustradas de pescar alguma coisa. Sempre quando estamos tristes, cansados, frustrados, Jesus nos convida a nos alimentar Nele. Ele quer nos servir, mas devemos ir a Ele em atitude respeitosa. Recebemos o alimento, o peixe e o pão, e não temos que perguntar quem é, pois sabemos que é o Senhor Jesus Cristo. "E já era a terceira vez que Jesus se manifestava aos seus discípulos, depois de ter ressuscitado dentre os mortos." (João 21:14).

Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço
Pr.Henrique Lino
Se você está passando por algum problema na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição dia e noite para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual. 
Visitem nosso site www.atalaiadedeus.com.br - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo levar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário