NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

terça-feira, 19 de agosto de 2014

HIPOCRISIA GOSPEL

“Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que percorreis o mar e a terra para fazer um prosélito; e, depois de o terdes feito, o fazeis filho do inferno duas vezes mais do que vós.” (Mateus 23:15)

            Se observarmos com cautela, veremos que a maiorias dos Ais de Jesus foi dirigido exatamente aos sacerdotes, os líderes religiosos, e aqui iremos estudar alguns. O Senhor Jesus chama a atenção dos fariseus, das autoridades religiosas da época que não são muito diferentes dos atuais. Prosélitos quer dizer os novos convertidos, os que mudam de religião. Assim acontece nas igrejas: fazem um evangelismo, buscando as pessoas e levando-as para as suas igrejas. Geralmente fazem isto por inúmeros motivos, mas não o verdadeiro, que deveria ser o evangelismo, porque evangelismo se deriva da palavra Evangelho, mas eles pregam e ensinam um outro evangelho, não o legítimo, o do Senhor Jesus. Normalmente, convidam as pessoas para irem a suas igrejas e aceitarem Jesus, que Deus irá curar todas as enfermidades, que a situação financeira vai mudar, que os milagres acontecerão imediatamente, e que para isso basta irem à igreja e ofertarem; só que isso não é Evangelho, pois não foi o que Jesus prometeu. As pessoas saem de uma religião e vão para uma outra, mas a mudança não acontece, isto porque não aprendem, ninguém fala que eles devem abandonar os pecados, os erros, não falam que conversão é mudança de direção, que, para receberem alguma coisa do Senhor, têm que estar de acordo com Ele. “Ai de vós, condutores cegos! pois que dizeis: Qualquer que jurar pelo templo, isso nada é; mas o que jurar pelo ouro do templo, esse é devedor. Insensatos e cegos! Pois qual é maior: o ouro, ou o templo, que santifica o ouro? E aquele que jurar pelo altar isso nada é; mas aquele que jurar pela oferta que está sobre o altar, esse é devedor.” (Mateus 23:16-18). Esses líderes dessas igrejas fazem as pessoas acreditarem na santidade de um templo, de um prédio, de uma construção feita por homens, induzindo-as a crer que, somente pelo fato de irem a uma igreja e de devolverem os dízimos e ofertarem, já estão santificadas. Fazem campanhas distribuindo envelopes, coagindo as pessoas a aceitarem e colocarem ofertas vultosas, dizendo que Deus tem compromisso com as coisas que eles criam e falam.
            “Insensatos e cegos! Pois qual é maior: a oferta, ou o altar, que santifica a oferta? Portanto, o que jurar pelo altar, jura por ele e por tudo o que sobre ele está; E, o que jurar pelo templo, jura por ele e por aquele que nele habita; E, o que jurar pelo céu, jura pelo trono de Deus e por aquele que está assentado nele.” (Mateus 23:19-22). Não ensinam que a verdadeira igreja somos nós e não um prédio qualquer, não ensinam que essas construções nada mais são que um local escolhido para que o povo se reúna para adorar o Senhor e, principalmente, para ouvir a Palavra, para prender a viver de acordo com o Evangelho. Trazem as pessoas de outra religião e as transformam em filhos do inferno, por ensinar e induzi-las a erros, e elas aprendem tudo: a emoção, a mentira, e não a Palavra de Deus, pois falam no nome do Senhor, mas ensinam e praticam outra coisa. “Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; deveis, porém, fazer estas coisas, e não omitir aquelas.” (Mateus 23:23). Ensinam, falam sobre os dízimos do Senhor, mas não falam em conversão, o Juiz de Deus, que seremos todos julgados. Não falam ou ensinam sobre misericórdia; o mais próximo a que chegam é falar para que as pessoas ofertem nas suas igrejas, que, se possível, deem tudo o que têm. Não falam ou ensinam a fé verdadeira, a fé que Jesus ensinou, a de crer somente na Palavra sabendo que, se converterem e praticarem, o milagre acontece, a restauração, libertação, cura, mudança, e isto sem nem mesmo pedir. Eles, ao contrário, criam na verdade ídolos para o povo adorar, tais como rosas, palitos, lencinhos, toalhinhas, água, sal e mais um monte de coisas. Dedicam quase cinquenta por cento do culto para pedir oferta, e os outros cinquenta por cento para insistir para o povo ir à igreja. Não falam de conversão, arrependimento e salvação. “Condutores cegos! que coais um mosquito e engolis um camelo. Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que limpais o exterior do copo e do prato, mas o interior está cheio de rapina e de iniquidade. Fariseu cego! limpa primeiro o interior do copo e do prato, para que também o exterior fique limpo.” (Mateus 23:24-26). Esses que estão muito preocupados com a aparência externa das pessoas, querem que elas vão a igrejas, que carreguem uma Bíblia, mas não se preocupam com o que elas estão carregando no seu interior, umas se preocupam com as vestes, e outras coisas, mas não sabem o que essas mesmas pessoas fazem fora da igreja, exigem a presença delas nas igrejas, prédios, templos, mas não na presença do Senhor.
            “Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que sois semelhantes aos sepulcros caiados, que por fora realmente parecem formosos, mas interiormente estão cheios de ossos de mortos e de toda a imundícia.” (Mateus 23:27). Jesus não tinha pregação de consolo, de conforto somente, Ele também ensinava chamando o povo à mudança, ao arrependimento, e chamava esses religiosos de hipócritas, ou seja, atores, pois hipocrisia quer dizer o ato de representar, atuar, fingir ser uma coisa que não é, falso. Jesus assim os chamava, pois eles fingiam ser homens de Deus, mas não o eram, assim como muitos que se dizem cristãos, se dizem pastores, bispos, apóstolos, missionários e outros títulos eclesiásticos, mas na verdade são condutores cegos que estão conduzindo o povo à morte. Gostam de ser reconhecidos como homens de Deus, mas não passam de filhos e filhas do diabo, pois com o ensino mentiroso estão conduzindo o povo à perdição eterna, por não terem coragem ou não ser lucrativo pregar a verdade, por isto não querem ver o povo abandonar o pecado. “Assim também vós exteriormente pareceis justos aos homens, mas interiormente estais cheios de hipocrisia e de iniquidade. Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que edificais os sepulcros dos profetas e adornais os monumentos dos justos, E dizeis: Se existíssemos no tempo de nossos pais, nunca nos associaríamos com eles para derramar o sangue dos profetas.” (Mateus 23:28-30). Esses falsos líderes, hipócritas que falam dos santos homens de Deus, que viveram e sofreram pelo Evangelho – e muitos perderam a vida ensinando e pregando a verdade única –, o comportamento desses hipócritas é semelhante ou pior, pois falam, mas não praticam; são piores porque têm conhecimento e mesmo assim teimam em errar por ganância e por outros motivos. “Assim, vós mesmos testificais que sois filhos dos que mataram os profetas. Enchei vós, pois, a medida de vossos pais. Serpentes, raça de víboras! como escapareis da condenação do inferno?” (Mateus 23:31-33).
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
                                     Pr.Henrique Lino
Se você está passando por algum problema na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição 24 horas por dia para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual.
https://www.facebook.com/atalaiadedeus Skype: atalaiadedeus
Visitem nosso site(www.atalaiadedeus.com.br) - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo divulgar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração e oferta de amor. "Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.” II Co 9:7 Ofertar é um privilegio. Semeando qualquer valor você estará contribuindo com a expansão do Reino de Deus. Envie sua oferta em nome de 

MINISTÉRIO ATALAIA DO EVANGELHO DE DEUS
BANCO ITAU
AGENCIA: 1639 CONTA CORRENTE: 61520-0
Banco: CAIXA ECÔNOMICA
AGÊNÇIA: 1529 OPERAÇÃO: 022 CONTA POUPANÇA NÚMERO: 230-5
Você será um agente evangelizador deste Ministério.
Sua colaboração é muito importante para nós.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário