NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

sexta-feira, 18 de julho de 2014

OUVIR SOMENTE O SENHOR

“Dizendo: Não vos admoestamos nós expressamente que não ensinásseis nesse nome? E eis que enchestes Jerusalém dessa vossa doutrina, e quereis lançar sobre nós o sangue desse homem.” (Atos 5:28)

            Pedro e os apóstolos tinham sido presos por pregarem o Evangelho e por curarem um aleijado em nome de Jesus. Por ciúmes e maldade, os sacerdotes, os fariseus, os prenderam, mas à noite um anjo do Senhor os soltou e, por ordem do Senhor, mandou que fossem para o templo pregar. Pela manhã, quando o sumo sacerdote mandou buscá-los para os interrogar, foi informado de que, além de não mais estarem presos, continuavam a pregar no templo. Então mandou que os trouxessem novamente e os questionou sobre o porquê de eles ainda estarem pregando, uma vez que já tinham sido avisados por ele para não o fazerem, e também de o acusar de terem matado Jesus. Apesar de tê-lo feito, não queria agora receber essa acusação. Os discípulos daquela época tinham compromisso com a Palavra de Deus, tinham consciência de que deveriam pregar e viver o Evangelho, e, portanto, eles nada temiam, mas tudo faziam para que a Verdade fosse pregada, fosse conhecida de todos. “Porém, respondendo Pedro e os apóstolos, disseram: Mais importa obedecer a Deus do que aos homens.” (Atos 5:29). Essa resposta de Pedro é fantástica, mesmo porque o que ele está dizendo não aconteceu em um momento de diálogo com amigos, respondeu para uma autoridade que o estava acusando, repreendendo, e que tinha poder de mandar matá-lo ali mesmo. Mas ele não se abaixou e deixou bem claro que entre obedecer a ele e obedecer ao Senhor iria obedecer ao Senhor Deus. Pedro tinha aprendido a lição quando negou Jesus por três vezes. Ele tinha se convertido e sabia que o mais importante era obedecer ao Senhor. Na verdade, todos deveriam assim proceder, mas muitos negam o tempo todo: no trabalho, em casa com a família, no dia a dia, e negam até dentro de templos e igrejas, pois todas as vezes que desobedecemos ao Senhor para obedecer quem quer que seja o estamos abandonando. Quando fazemos a vontade do patrão, sabendo que é contra a Palavra, ou do marido, esposa, filhos, ou quem quer que seja, quando atendemos alguém ou a nós mesmos, e isso pode ser por vários motivos: medo, necessidade, estamos simplesmente abandonando o Senhor, estamos pecando, e por Ele seremos também abandonados.
“O Deus de nossos pais ressuscitou a Jesus, ao qual vós matastes, suspendendo-o no madeiro. Deus com a sua destra o elevou a Príncipe e Salvador, para dar a Israel o arrependimento e a remissão dos pecados. E nós somos testemunhas acerca destas palavras, nós e também o Espírito Santo, que Deus deu àqueles que lhe obedecem.” (Atos 5:30-32). Pedro não só respondeu como também o acusou, reafirmou a sua posição e deixou bem claro que o Jesus que eles tinham matado Deus o havia ressuscitado e o tinha colocado em lugar de mais alta honra. Também lhe havia dado o poder de salvar a todos os que o reconhecessem e lhe obedecessem. Vemos a intrepidez com que Pedro fala e os acusa; vemos a diferença entre aquele que negou Jesus e o homem agora acusado por causa do nome do Senhor Jesus Cristo. Quando Jesus foi crucificado, Ele não era convertido, agora era. Assim são inúmeras pessoas frequentadoras de igrejas, templos, mas que não conhecem o Senhor e não são convertidas; são simplesmente religiosas, pois quem é convertido nada teme, e a todo o tempo defendem o Evangelho, não se omitem por nada. Quando somos convertidos, todo o tempo e a todo lugar em que nos apresentamos, nos identificamos como cristãos com palavras, atos, com a nossa maneira de ser, viver. “E, ouvindo eles isto, se enfureciam, e deliberaram matá-los. Mas, levantando-se no conselho um certo fariseu, chamado Gamaliel, doutor da lei, venerado por todo o povo, mandou que por um pouco levassem para fora os apóstolos.” (Atos 5:33-34). Quando Pedro respondeu assim, ficaram furiosos e queriam matá-lo, mas Pedro não temeu, porque agora ele era fiel ao Senhor. Quando ele respondeu, sabia desse risco, mas o Senhor entrou com provisão, e esse mestre da lei, que, na verdade, depois descobrimos que foi o professor de Saulo de Tarso, que, após se converter, veio se chamar Paulo, pediu para falar a sós com os outros sacerdotes. Deus sempre vai enviar escape, solução quando estamos defendendo a sua Palavra.
“E disse-lhes: Homens israelitas, acautelai-vos a respeito do que haveis de fazer a estes homens, Porque antes destes dias levantou-se Teudas, dizendo ser alguém; a este se ajuntou o número de uns quatrocentos homens; o qual foi morto, e todos os que lhe deram ouvidos foram dispersos e reduzidos a nada.”(Atos 5:35-36). Esse mestre da lei começa dizendo, alertando, pedindo-lhes que tomassem cuidado, pois antes havia acontecido que uma pessoa por nome Teudas tinha se levantado como sendo alguém que obedecia a Deus e tinha conseguido uns quatrocentos seguidores, mas ele foi morto, e tudo acabou.  Vemos que ele está dando exemplos para, no final, trazer uma revelação, que com certeza é do Senhor. “Depois deste levantou-se Judas, o galileu, nos dias do alistamento, e levou muito povo após si; mas também este pereceu, e todos os que lhe deram ouvidos foram dispersos.” (Atos 5:37). Também falou de um outro da Galileia, que também tentou demonstrar que era alguém, mas também foi morto e todos os outros fugiram, e desmanchou tudo e não deu em nada. “E agora digo-vos: Dai de mão a estes homens, e deixai-os, porque, se este conselho ou esta obra é de homens, se desfará, Mas, se é de Deus, não podereis desfazê-la; para que não aconteça serdes também achados combatendo contra Deus.” (Atos 5:38-39).Portanto, a sugestão desse mestre da lei (agora sabemos que não era por acaso que ele era mestre da lei) era que deixassem esse, pois, se fosse de Deus, ninguém poderia acabar com eles, poderiam destruir, mas, se fossem coisas de homens, seriam destruídas facilmente. E essa Palavra se cumpre, pois centenas de anos se passaram e são milhares de tentativas por ano para destruir o povo de Deus, destruir o Evangelho, mas Ele continua sendo divulgado, aumentado cada vez mais e mais. O que é do Senhor homem nenhum tem poder para barrar, a obra do Senhor é perfeita, mas, se está sendo derrotada, não é do Senhor. “E concordaram com ele. E, chamando os apóstolos, e tendo-os açoitado, mandaram que não falassem no nome de Jesus, e os deixaram ir. Retiraram-se, pois, da presença do conselho, regozijando-se de terem sido julgados dignos de padecer afronta pelo nome de Jesus.” (Atos 5:40-41). Bateram, deram surras nos discípulos e os expulsaram da presença deles, mandaram embora. Mas os apóstolos foram embora alegres e felizes, não por terem sidos postos em liberdade, mas por terem apanhado, sofrido pelo nome de Jesus, por terem sidos dignos de sofrerem por causa do Evangelho. Mas os cristãos de hoje só querem vitória, não aceitam sofrer por causa do Evangelho, acham que têm que viver só em bonança, vivem um outro evangelho. Vergonha! Ainda falam que são discípulos de Jesus. “E todos os dias, no templo e nas casas, não cessavam de ensinar, e de anunciar a Jesus Cristo.” (Atos 5:42).
Leiam e pratiquem o Evangelho. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
                                        Pr.Henrique lino 
Se você está passando por algum problema na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição 24 horas por dia para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual.
https://www.facebook.com/atalaiadedeus Skype: atalaiadedeus
Visitem nosso site(www.atalaiadedeus.com.br) - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo divulgar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração e oferta de amor. "Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.” II Co 9:7 Ofertar é um privilegio. Semeando qualquer valor você estará contribuindo com a expansão do Reino de Deus. Envie sua oferta em nome de 

MINISTÉRIO ATALAIA DO EVANGELHO DE DEUS
BANCO ITAU
AGENCIA: 1639 CONTA CORRENTE: 61520-0
Banco: CAIXA ECÔNOMICA
AGÊNÇIA: 1529 OPERAÇÃO: 022 CONTA POUPANÇA NÚMERO: 230-5
Você será um agente evangelizador deste Ministério.
Sua colaboração é muito importante para nós.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário