NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

quarta-feira, 9 de julho de 2014

JUSTIÇA DO MUNDO E DO CRISTÃO

"Ousa algum de vós, tendo algum negócio contra outro, ir a juízo perante os injustos, e não perante os santos? (I Coríntios 6.1)
Atualmente, temos visto e acompanhado pelos noticiários, brigas entre igrejas que se dizem evangélicas, pastores se destruindo e brigando por causa de igrejas, de denominação, por horários na TV, no rádio, por causa de ovelhas; casos de supostos pastores, líderes mandarem matar outro pastor; processos judiciais para resolver questões das igrejas de irmãos de pastores, de obreiros. É uma vergonha! Tem juiz julgando processos vários de crente contra crente, de igrejas contra igreja, contra pastores; irmãos registrando boletins de ocorrências contra irmãos; isto só acontece por não terem respeito pela Palavra de Deus, não a praticarem, não a viverem, porque se assim fosse, não teria nem mesmo qualquer tipo de contendas.
“Não sabeis vós que os santos hão de julgar o mundo? Ora, se o mundo deve ser julgado por vós, sois porventura indignos de julgar as coisas mínimas?” (I Coríntios 6.2).Como podemos condenar o pecado se somos praticantes do mesmo? Como podemos cobrar santidade, corrigir nossa igrejas e casas se não somos obedientes, se não velamos pela Palavra, e só queremos  defender os nossos direitos seja onde for. Se não temos confiança no Senhor, se não entregarmos nas mãos do Senhor, mas, cobrarmos e querermos que as ovelhas assim procedam; se não temos condições de resolver as coisas entre nós, como podemos influenciar o mundo de forma positiva? É uma vergonha, pois existem religiões que nunca ouvimos falar de irem a juízo contra os seus, e olha que servem a um deus pagão, mas, nós que dizemos servir ao Senhor dos Senhores, ao Deus vivo, dizemos ser discípulos de Jesus agimos de maneira contrária.
“Não sabeis vós que havemos de julgar os anjos? Quanto mais às coisas pertencentes a esta vida?” (I Coríntios 6.3). Se não conseguimos resolver as coisas aqui entre nós, como poderemos  ser salvos e julgar os anjos decaídos, como podemos condenar o diabo e suas ações  se somos contenciosos?
“Então, se tiverdes negócios em juízo, pertencentes a esta vida, pondes para julgá-los os que são de menos estima na igreja?” (I Coríntios 6.4). Obreiros que saem da igreja e a levam na justiça em busca de direitos trabalhistas, pastores que contratam e não pagam o salário e nem o que é direito, e tudo é levado aos tribunais mundanos, sempre um acusando o outro, e ambos fazendo o papel de servos do diabo, pois ele é que é o acusador. Briga-se por local de igreja, para tirar um ao outro de horário em televisão, briga-se por ovelhas como disputa-se uma concorrência comercial normal, e ainda, geralmente quem sempre perde são os menos favorecidos financeiramente, iguais no mundo profano.
“Para vos envergonhar o digo. Não há, pois, entre vós sábios, nem mesmo um, que possa julgar entre seus irmãos?” (I Coríntios 6.5). Não há concílios, não há líderes que possam discutir e resolver estas questões na própria igreja, para não ter que ser levado para fora, não pode resolver as questões da igreja no âmbito da igreja? Como teremos autoridade para falar, pregar para um policial, advogado, juiz, promotor ou escrivão se eles têm acompanhado processo de disputas entre nós? E isto porque os que se dizem irmãos vivem em disputas terríveis tentando se destruírem.
“Mas o irmão vai a juízo com o irmão, e isto perante infiéis.” (I Coríntios 6.6). Infelizmente nós que deveríamos ser exemplo,  estamos nos transformando, em religiosos desonestos e maldosos, em comerciantes da fé, em pessoas egoístas e avarentas, lutamos pelo que achamos que é certo de forma bruta, desumana e sem Deus, apesar de falarmos em seu nome e de pregarmos, somos os principais desobedientes.
“Na verdade é já realmente uma falta entre vós, terdes demandas uns contra os outros. Por que não sofreis antes a injustiça? Por que não sofreis antes o dano?” (I Coríntios 6.7).Só em termos disputas, brigas, rixas e magoas entre irmãos é desobediência, falta de amor, e estamos pecando, não aceitamos perder nada, ou sofrer acusações, injúrias, logo vamos aos tribunais nos defender e pedir compensações financeiras. Não aceitamos perder, pois, o correto, se, tememos a Deus, seria, se um irmão, ou melhor, suposto irmão nos desse um prejuízo financeiro, moral ou físico, simplesmente resolveríamos na igreja e sofreríamos o dano, este prejuízo, ou seja, entregar nas mãos do Senhor, que é o soberano Juiz, e não irmos a um juiz profano.
“Mas vós mesmos fazeis a injustiça e fazeis o dano, e isto aos irmãos. Não sabeis que os injustos não hão de herdar o reino de Deus?” (I Coríntios 6.8-9). Quem age desta maneira por mais que fale o nome de Deus e até opere maravilhas, é um pecador e não entrará no Reino de Deus, a menos que se converta imediatamente, pois com certeza ainda não o é.
“Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os maldizentes, nem os roubadores herdarão o reino de Deus.” (I Coríntios 6.10). Nada adianta falarmos do amor de Deus, se não o mostramos, se não praticamos os ensinamentos de Jesus com certeza não temos parte com Ele, apesar de falarmos, orarmos e louvarmos, pois este comportamento nós usamos antes de nos convertermos, mas agora temos obrigação de agir de forma diferente.
“E é o que alguns têm sido; mas haveis sido lavados, mas haveis sido santificados, mas haveis sido justificados em nome do Senhor Jesus, e pelo Espírito do nosso Deus.” (I Coríntios 6.11).
Leiam e pratiquem a Bíblia.
Que Deus os abençoe.
Um abraço.
Pastor Henrique Lino
Se você está passando por algum problema na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição 24 horas por dia para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual.
https://www.facebook.com/atalaiadedeus Skype: atalaiadedeus
Visitem nosso site(www.atalaiadedeus.com.br) - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo divulgar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração e oferta de amor. "Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.” II Co 9:7 Ofertar é um privilegio. Semeando qualquer valor você estará contribuindo com a expansão do Reino de Deus. Envie sua oferta em nome de 

MINISTÉRIO ATALAIA DO EVANGELHO DE DEUS
BANCO ITAU
AGENCIA: 1639 CONTA CORRENTE: 61520-0
Banco: CAIXA ECÔNOMICA
AGÊNÇIA: 1529 OPERAÇÃO: 022 CONTA POUPANÇA NÚMERO: 230-5
Você será um agente evangelizador deste Ministério.
Sua colaboração é muito importante para nós.

Nenhum comentário:

Postar um comentário