NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

sexta-feira, 20 de junho de 2014

SINCERIDADE NO EVANGELHO

“O coríntios, a nossa boca está aberta para vós, o nosso coração está dilatado.” (2 Coríntios 6:11)

            Paulo nesse texto exorta os coríntios, ensinando que a boca dele como discípulo do Senhor estava sempre aberta para pregar e ensinar a Verdade, o Evangelho de Jesus Cristo; foi sempre muito franco e sincero em seus relacionamentos com os cristãos de corinto; severo, mas por amor, porque sempre foi zeloso para que não se desviassem da fé, do primeiro amor, mesmo porque no meio deles existiam falsos apóstolos que queriam convencê-los de que Paulo não os amava de fato. Paulo agora apela com ternura a esses coríntios beneficiários do amor deles. Os falsos apóstolos diziam que Paulo não os amava de verdade exatamente por ele sempre cobrar obediência e santidade, e os outros nem tanto. Da mesma maneira, hoje existem igrejas, seitas e outros tantos ajuntamentos onde ensinam e pregam um falso e mentiroso evangelho, um amor conivente com o pecado. Paulo exigia obediência e santidade, isso em amor a ele para que se salvassem. “Quisera eu me suportásseis um pouco na minha loucura! Suportai-me, porém, ainda. Porque estou zeloso de vós com zelo de Deus; porque vos tenho preparado para vos apresentar como uma virgem pura a um marido, a saber, a Cristo. Mas temo que, assim como a serpente enganou Eva com a sua astúcia, assim também sejam de alguma sorte corrompidos os vossos sentidos, e se apartem da simplicidade que há em Cristo. Porque, se alguém for pregar-vos outro Jesus que nós não temos pregado, ou se recebeis outro espírito que não recebestes, ou outro evangelho que não abraçastes, com razão o sofreríeis. Porque penso que em nada fui inferior aos mais excelentes apóstolos. E, se sou rude na palavra, não o sou, contudo, na ciência; mas já em todas as coisas nos temos feito conhecer totalmente entre vós. Pequei, porventura, humilhando-me a mim mesmo, para que vós fôsseis exaltados, porque de graça vos anunciei o evangelho de Deus? Outras igrejas despojei eu para vos servir, recebendo delas salário; e quando estava presente convosco, e tinha necessidade, a ninguém fui pesado.”(2 Coríntios 11:1-8). Paulo sempre e em todo tempo demonstrava amor para com os coríntios e com todos, mas o amor genuíno, o não compassivo com o erro, e isso era usado pelos falsos irmãos para tentar falar que ele não os amava e que era muito rude e exigente.
            “Não estais estreitados em nós; mas estais estreitados nos vossos próprios afetos. Ora, em recompensa disto, (falo como a filhos) dilatai-vos também vós.”(2 Coríntios 6:12-13). Devemos amar a todos e jamais buscar acordo com quem apresenta facilidades, um evangelho diferente. Sabemos que quem oferece facilidades é o inimigo ou são os espertalhões, prova disto é que os golpistas, os estelionatários, os ladrões conseguem sucesso nas suas empreitadas, conseguem dar o golpe oferecendo facilidades, e como as pessoas querem levar vantagens, ao invés de ganhar, perdem. São golpistas da fé, que apresentam um evangelho permissivo, concordante, tolerante com o pecado, um evangelho em que basta orar, pedir e ir à igreja, ofertar,  que receberão, mas, a bem da verdade, esses estão sendo enganados, pois, além de perder o pouco que têm, ainda perdem o principal: a sua vida, pois para quem vive em pecado só resta a morte eterna, apesar de participar de um ajuntamento em que falam o nome  de Deus. Portanto, devemos estar em alerta para saber se não estamos compartilhando uma falsa fé, um falso amor com falsos irmãos. “Não vos prendais a um jugo desigual com os infiéis; porque, que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas?” (2 Coríntios 6:14). Paulo adverte os cristãos de que não se associem aos incrédulos, contraindo dessa maneira um jugo desigual. O jugo é uma peça de madeira utilizada para ligar os animais ao arado. Na lei mosaica havia a determinação de que um jumento e um boi, seres de constituição e resistência diferentes, não poderiam ser presos ao mesmo jugo. Isso Paulo usa para ampliar a sua exortação e mostrar que nenhuma aliança deve ser feita entre um servo de Deus e um incrédulo, como o casamento, por exemplo. Paulo cita as misturas que aconteceram no Antigo Testamento, porque, se os cristãos de coríntios cooperassem com os falsos mestres no meio deles, que na realidade eram servos de satanás, por mais encantadores que fossem, ficariam em jugo desigual. Se um ou uma crente inicia um namoro com águem que não professa a mesma fé, ou se concordamos com igrejas com pregações mentirosas, estamos fadados ao fracasso e à morte eterna. “E que concórdia há entre Cristo e Belial? Ou que parte tem o fiel com o infiel?” (2 Coríntios 6:15). Porque não existe concordância ou acordo entre um e outro, e todos os que se aventuraram  tentando unir a luz com as trevas foram para as trevas, inúmeros são os casos de namorados, namoradas que saíram da igreja para acompanhar algum relacionamento com alguém que pensavam que poderiam converter. Vários são os casos de pessoas que antes eram santas, mas se corromperam em igrejas de pregações mentirosas, guiadas por falsos mestres a serviço do inferno, e hoje padecem todo mal.
            “E que consenso tem o templo de Deus com os ídolos? Porque vós sois o templo do Deus vivente, como Deus disse: Neles habitarei, e entre eles andarei; e eu serei o seu Deus e eles serão o meu povo.” (2 Coríntios 6:16). Não há comunhão entre a luz e as trevas, tal como não pode haver consenso entre Cristo e o maligno. Não se pode falar uma coisa e fazer outra, não se pode falar  em nome do Senhor e não lhe obedecer, não praticar a sua Palavra, afinal, somos morada, casa, residência do Senhor, somos templo do Espírito Santo, mas, para que isto aconteça, devemos estar de acordo com Ele, não só de boca, só com emoções, mas viver na luz, no Conhecimento, praticando a Palavra em todo o tempo, não tentando distorcer para facilitar nossa vida. Quando tentamos  agir  de acordo com o nosso querer, nossa vontade, não temos comunhão com o Senhor.  “Por isso saí do meio deles, e apartai-vos, diz o Senhor; E não toqueis nada imundo, E eu vos receberei; E eu serei para vós Pai, E vós sereis para mim filhos e filhas, Diz o Senhor Todo-Poderoso.” (2 Corintios 6:17-18). Portanto, se buscamos a verdade  e estamos frequentando uma igreja que prega ou vive qualquer ensinamento que é contrário à Palavra de Deus, devemos imediatamente sair, abandonar, correr dos falsos mestres, pois,  se continuarmos, seremos contaminados,  e  só de estarmos juntos teremos parte nos erros deles. Mas se os abandonarmos,  seremos recebidos pelo Senhor; se abandonarmos a mentira e os pregadores de mentiras e engano. “Todo aquele que prevarica, e não persevera na doutrina de Cristo, não tem a Deus. Quem persevera na doutrina de Cristo, esse tem tanto ao Pai como ao Filho. Se alguém vem ter convosco, e não traz esta doutrina, não o recebais em casa, nem tampouco o saudeis. Porque quem o saúda tem parte nas suas más obras.”(2 João 1:9-11).
 Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço,
                                       Pr.Henrique Lino
Se você está passando por algum problema na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição 24 horas por dia para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual.
https://www.facebook.com/atalaiadedeus Skype: atalaiadedeus
Visitem nosso site(www.atalaiadedeus.com.br) - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo divulgar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração e oferta de amor. "Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.” II Co 9:7 Ofertar é um privilegio. Semeando qualquer valor você estará contribuindo com a expansão do Reino de Deus. Envie sua oferta em nome de 

MINISTÉRIO ATALAIA DO EVANGELHO DE DEUS
BANCO ITAU
AGENCIA: 1639 CONTA CORRENTE: 61520-0
Banco: CAIXA ECÔNOMICA
AGÊNÇIA: 1529 OPERAÇÃO: 022 CONTA POUPANÇA NÚMERO: 230-5
Você será um agente evangelizador deste Ministério.
Sua colaboração é muito importante para nós.

Nenhum comentário:

Postar um comentário