NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

sábado, 3 de maio de 2014

AVISADO PELA TERCEIRA VEZ

"É esta a terceira vez que vou ter convosco. Por boca de duas ou três testemunhas será confirmada toda a palavra.” (2 Coríntios 13:1)

            Paulo, como um verdadeiro pastor, cuidava da igreja, era zeloso e não admitia pecados dentro da casa de Deus. Cobrava das lideranças locais a santidade e a purificação. Nesse trecho ele estava avisando que ia até a igreja de Coríntios e não iria tolerar os erros e pecados dentro da igreja, e se duas pessoas ou mais confirmassem que ainda existisse desrespeito à Palavra de Deus dentro da igreja, ele iria cobrar de forma severa. Paulo não tinha a preocupação de encher igrejas, pois não visava a enriquecimento, assim não se preocupava com ofertas e dízimos, a sua preocupação era com almas, era em salvar, conduzir as pessoas à presença do Senhor, ou seja, ele fazia o oposto da maioria das igrejas da atualidade. "Já anteriormente o disse, e segunda vez o digo como quando estava presente; mas agora, estando ausente, o escrevo aos que antes pecaram e a todos os mais, que, se outra vez for, não lhes perdoarei.”(2 Coríntios 13:2). Paulo, quando esteve  em Coríntios, tinha-lhes chamado a atenção e os recriminado pelas faltas e pelos pecados, agora ele somente avisava que estava indo, que não toleraria mais os falsos dentro da igreja, mesmo porque  já tinham sidos avisados, porém teimaram e insistiram no erro: primeiro os pecadores declarados e segundo as lideranças que consentiam com tais atos. Desta maneira mostravam que não tinham se convertido, pois, apesar de conhecerem a Palavra, eles não a praticavam, eles a desprezavam. Assim estão as igrejas onde se sabe que predominam mentiras, adultérios, prostituições, segundos casamentos, desonestidades, falsas doutrinas, falsas profecias e revelações, e concordam com tudo isto, pois se preocupam com o inchaço dos seus templos, com o faturamento e não com santidade ou em apresentar a noiva imaculada ao Senhor. "Visto que buscais uma prova de Cristo que fala em mim, o qual não é fraco para convosco, antes é poderoso entre vós.” (2 Coríntios 13:3). As pessoas queriam justificar os seus erros e falhas acusando Paulo, ou desmerecendo o seu ensinamento, pois diziam que ele poderia estar errado por cobrar tanto e como hoje apelava para um deus bonzinho. Hoje também, quando se cobra santificação na igreja, muitos não gostam e  falam de uma graça sem mesmo saber do que estão falando; querem justificar suas fraquezas e defender as desobediências acusando  a quem prega e cobra santidade.
            "Porque, ainda que foi crucificado por fraqueza, vive, contudo, pelo poder de Deus. Porque nós também somos fracos nele, mas viveremos com ele pelo poder de Deus em vós.” (2 Coríntios 13:4). Jesus Cristo era Deus, mas veio e viveu como homem comum; foi preso e sofreu  como qualquer humano, sentiu dores, teve fome e sede, foi traído, preso, espancado, crucificado e morreu na cruz. Isso aconteceu não porque Ele não pudesse se defender, ou porque o Pai estivesse permitindo isso como punição ou por incapacidade de defendê-lo, mas porque era necessário para que pudéssemos alcançar vitória e salvação. Assim Jesus viveu nas fraquezas da carne e nós também, mas, se  nos santificarmos e vivermos segundo a sua doutrina, também com Ele venceremos e reinaremos. "Examinai-vos a vós mesmos, se permaneceis na fé; provai-vos a vós mesmos. Ou não sabeis quanto a vós mesmos, que Jesus Cristo está em vós? Se não é que já estais reprovados.” (2 Coríntios 13:5). Devemos nos examinar à luz da Bíblia, para ver se realmente vivemos pela fé e na fé no Senhor, pois, se temos fé, obedecemos, cremos que a sua Palavra é verdadeira e tudo fazemos para pô-la em prática; mas, se não temos essa consciência, se não temos esse desejo de viver o Evangelho de Jesus, com certeza não fazemos parte do Reino e somos derrotados; se não  queremos ou não praticamos os seus ensinamentos, se permitimos os pecados e erros e queremos que Ele concorde com isso, então sabemos que nunca o conhecemos e não temos parte no seu Reino. "Mas espero que entendereis que nós não somos reprovados. Ora, eu rogo a Deus que não façais mal algum, não para que sejamos achados aprovados, mas para que vós façais o bem, embora nós sejamos como reprovados.”(2 Coríntios 13:6-7). Não podemos  ser reprovados diante da lei de Deus, devemos ser aprovados, dignos  do Reino de Deus, apesar de que reprovados pelo mundo, mesmo porque não podemos ter comunhão com o mundo, uma vez que a amizade do mundo é inimizade contra Deus, assim devemos buscar aprovação dos Céus e não de homens;  para todos podemos ser considerados tolos, bobos, mas,  se estivermos vivendo segundo os preceitos do Senhor, então devemos nos gloriar Nele.
            "Porque nada podemos contra a verdade, senão pela verdade. Porque nos regozijamos de estar fracos, quando vós estais fortes; e o que desejamos é a vossa perfeição.” (2 Coríntios 13:8-9). A Verdade é a luz, e tudo o que vem à luz torna-se visível e identificado em todas as nuances. Jesus é a Verdade, devemos nos examinar Nele, nessa Luz, para ver se estamos Nele ou não. Somos criticados desprezados e apedrejados por pregar e ensinar a verdade, o Evangelho legítimo do Senhor Jesus Cristo, mas temos alegria de ser perseguidos por todos e, principalmente, pelos falsos irmãos, pois sabemos que estamos fazendo a vontade do Senhor. Não nos compactuamos com as trevas ou pecados, o que desejamos é que todos sejam salvos, libertos dos pecados e erros, dos enganos e da religiosidade, desejamos que sejam pessoas convertidas não a uma igreja denominada, mas ao Senhor. "Portanto, escrevo estas coisas estando ausente, para que, estando presente, não use de rigor, segundo o poder que o Senhor me deu para edificação, e não para destruição.”(2 Coríntios 13:10). Paulo queria que a igreja se convertesse e mudasse, transformando pessoas em tementes a Deus, e isso ele avisava ainda a distância, para que não tivesse que repreender ou expulsar da igreja quando lá chegasse. Nós clamamos que as pessoas se convertam, que as igrejas se santifiquem para que, quando o Senhor voltar, elas não sejam encontradas em falhas e recebam o mais duro castigo, pois  já foram avisados. "Quanto ao mais, irmãos, regozijai-vos, sede perfeitos, sede consolados, sede de um mesmo parecer, vivei em paz; e o Deus de amor e de paz será convosco.Saudai-vos uns aos outros com ósculo santo.Todos os santos vos saúdam. A graça do Senhor Jesus Cristo, e o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo seja com todos vós. Amém.”(2 Corintios 13:11,14).
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
Um abraço.
                                                 Pr.Henrique Lino 
Se você está passando por algum problema na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo, ou em processo de separação, divorcio, traído(a) abandonado(a) entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição 24 horas por dia para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual.
https://www.facebook.com/atalaiadedeus Skype: atalaiadedeusVisitem nosso site(www.atalaiadedeus.com.br) - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo divulgar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência as famílias, para restaurar casamentos e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração e oferta de amor. "Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.” II Co 9:7 Ofertar é um privilegio. Semeando qualquer valor você estará contribuindo com a expansão do Reino de Deus. Envie sua oferta em nome de 
MINISTÉRIO ATALAIA DO EVANGELHO DE DEUS
BANCO ITAU
AGENCIA: 1639 CONTA CORRENTE: 61520-0
Banco: CAIXA ECÔNOMICA
AGÊNÇIA: 1529 OPERAÇÃO: 022 CONTA POUPANÇA NÚMERO: 230-5
Você será um agente evangelizador deste Ministério.
Sua colaboração é muito importante para nós.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário