NESTE BLOG DISPONIBILIZAMOS MENSAGENS CRISTÃS SEGUNDO A BIBLIA. FALAMOS DOS ESTATUTOS DO REINO DE DEUS.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

AMAR, OU PEDIR AMOR?


Amai os vosso inimigo, e fazei o bem, e emprestai, sem nada esperardes, e será grande o vosso galardão, e sereis filhos do Altíssimo; porque Ele é benigno até para os ingratos e maus.(Lucas 6.35).

            Jesus disse: Amai, ou seja, imperativo, Ele determinou, mandou, portanto este dever é nosso, não podemos ficar orando pedindo a Deus que nos faça perdoar, amar a quem quer que seja; devemos nos obrigarmos a amar, nos forçar pois é mandamento do Senhor. O que não podemos é jogar as nossas responsabilidades para Jesus e ficar pedindo a Ele para que nos faça deixar de odiar alguém, que nos faça a amar; porque quem tem que querer fazer isto somos nós mesmos, se amamos o Senhor praticamos a sua palavra, e não podemos falar que o amamos uma vez que não o vemos, mas quem vemos odiamos. “Sede, pois misericordiosos, como também vosso Pai é misericordioso.” (Lucas 6.36) O segundo maior mandamento é amar o próximo como a nós mesmos, e isto quer dizer a todos, não podemos escolher a quem amarmos, a quem devemos ou não gostar, mas a todos, uma vez que todos são criaturas de Deus; não importa se é alguém que nos provoca, nos fez ou faz, mal, nos cause prejuízos físicos, matérias ou de qualquer outra forma, o nosso dever é perdoá-lo sempre, amá-lo, e ajudá-lo se queremos ser filhos do Senhor Deus. A nossa luta não é contra as pessoas, mas contra os demônios que fazem com que elas pratiquem atitudes más, e portanto nosso dever é orar e interceder para que elas sejam libertas em nome de Jesus.
            Não julgueis, e não sereis julgados; não condeneis, e não sereis condenados; soltai, e soltar-vos-ão. ”(Lucas 6.37) Não podemos achar somente defeitos nos outros para justificar a nossa antipatia por elas, a nossa falta de perdão e amor; da mesma maneira como julgamos, pensamos isto das pessoas e elas também pensam de nós. A lei da semeadura se aplica muito bem aqui, o que plantarmos certamente colheremos, se prendemos um perdão de alguém, também os nossos serão presos, se no nosso interior,  nos nossos pensamentos já  qualificamos alguém como ruim  ou mau, com certeza o mesmo se aplica a  nós, e  na verdade pior, pois dizemos conhecer a vontade do Senhor e procedemos ao contrário. “Daí, e ser-vos-á dado; boa medida, recalcada, sacudida e transbordando vos darão; porque com a mesma medida com que medirdes também vos medirão de novo.” (Lucas 6.38) Não existe escapatória, da maneira como tratarmos seremos tratados,  e isto não somente aqui pelas mãos dos homens mas principalmente pelo Senhor, o que fizermos receberemos bem mais, será uma medida bem cheia, derramando de tudo ou o bem ou o mau, com certeza o que plantarmos colheremos.
            “E disse-lhes uma parábola: Pode, por ventura, um cego guiar outro cego? Não cairão ambos na cova?” (Lucas 6.39) Como podemos criticar apontar defeitos das pessoas se fazemos pior, discutimos com os nossos amigos, parentes, maridos, esposas, e ficamos magoados, ficamos horas e dias sem conversar, somos intolerantes; mas gostamos de falar das outras pessoas, desviamos das pessoas que vem nos pedir algo, negamos, mentimos dizendo não ter quando temos. Mas na hora de orar, nos julgamos santos, e falamos em oração que queremos fazer a vontade do Senhor, que queremos ser guiados por Ele, mas não obedecemos aos seus preceitos, pois Ele nos mandou amar a todos e socorrer quem nos procurassem, e não o fazemos. “O discípulo não é superior a seu mestre, mas todo o que for perfeito será como o seu mestre.”(Lucas 6.40) Falamos que queremos ser discípulos de Jesus, que somos Cristãos (aprendizes de Jesus), mas não agimos como Ele, e nos recusamos pois dizemos que não conseguimos; se queremos ser Cristãos devemos ser como Ele, que mesmo na hora da prisão,crucificação, e morte  orou ao Pai pedindo que perdoasse os seus algozes pois eles não sabiam o que faziam, de igual maneira as pessoas não sabem, pois são usadas pelo inimigo, portanto vamos perdoá-las e amá-las e seremos perfeitos filhos do Altíssimo. Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus os abençoe.
 Um abraço.
                                                        Pr.Henrique Lino                               
Se você está passando por algum problema na sua vida espiritual, familiar, profissional, sentimental, adulterios, ou com filhos em situação de risco, envolvimento com drogas, homossexualismo,possessão demoníaca,enfermidade fisicas tipo cançer, ou AIDS  ou até mesmo preso, entre em contato conosco.O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus está a sua disposição 24 horas por dia para aconselhamento, oração, e interseção e orientação, e cobertura espiritual.Em virtude do nosso sacerdóçio o sigilo é garantido, pois o segredo de confissão é inviolavel.Fale Conosco TEL: (31) 3568.1077
CEL tim:             (31) 93428855        oi-31-88172771vivo             31-98004621       claro            31-82134027       FAX (31) 2565.4577
E-MAILS, MSN ministerioatalaiadedeus@hotmail.com
  contatos@atalaiadedeus.com.br e Orkut  ministerioatalaiadedeus@hotmail.com  BLOG http://ministerioatalaiadedeus.blogspot.com/
Visitem nosso site(WWW.ATALAIADEDEUS.COM.BR) - O Ministério Atalaia do Evangelho de Deus tem como objetivo divulgar a Palavra de Deus. Trabalha voluntariamente com assistência jurídica aos detentos e seus familiares, oração e orientação espiritual a todo aquele que necessita de uma Palavra de cura, salvação e libertação. Esse Ministério tem obedecido ao chamado do Senhor, venha fazer parte desse trabalho com sua oração e oferta de amor. “Cada um contribua segundo propôs no seu coração; não com tristeza, ou por necessidade; porque Deus ama ao que dá com alegria.” II Co 9:7 Ofertar é um privilegio. Semeando qualquer valor você estará contribuindo com a expansão do Reino de Deus.  Envie sua oferta em nome de
MINISTERIO ATALAIA DO EVANGELHO DE DEUS
BANCO ITAU
AGENCIA: 1639 CONTA CORRENTE: 61520-0
Banco: CAIXA ECONOMICA
AGENÇIA: 1529 OPERAÇÃO: 022 CONTA POUPANÇA NÚMERO: 230-5

Você será um agente evangelizador deste Ministério.
Sua colaboração é muito importante para nós.

Nenhum comentário:

Postar um comentário